segunda-feira, 24 de junho de 2013

Prezado Dr. Souto: como comer mais gordura do que proteína?

Prezado Dr. Souto: Cortei os carboidratos da minha vida mas estou em dúvida na questão proteína. Realmente devo comer mais gordura do que proteína? Como seria isso? Um pedaço de frango e três fatias de queijo? Qual seria um exemplo de uma prato que tenha quantidade boa de proteína e gordura? Um file de frango com três pedaços de queijo? O que o corpo faz com excesso de gordura? Ele ira armazenar também, certo?

Prezada leitora, primeiro vamos esclarecer uma dúvida. Quando falamos em percentuais, estamos nos referindo ao percentual de participação dos alimentos na composição das calorias, não ao peso dos mesmos. Ou seja, numa dieta de 70% gordura, 20% proteína e 10% carboidratos, você não estará comendo um pedação de gordura pura. É que a gordura tem 9 Kcal por grama, e a proteína e os carbs têm menos da metade (cerca de 4 Kcal/g).

Um exemplo: suponhamos que você fosse fritar uma batatinha pesando 1g. E suponhamos que a batatinha absorvesse 1g de gordura no processo. E suponhamos, para facilitar o raciocínio, que a batatinha fosse 100% amido. Neste caso, você estaria comendo 1g de carbs e 1g de gordura. Mas quantos % é isso? NÃO é 50% de cada. É 70% gordura! Como?


Conta rápida: 4Kcal + 9Kcal = 13 Kcal. E 9 é 70% de 13, não é mesmo?

Uma refeição com 70% de gordura


Em uma dieta natural, é muito difícil comer muita proteína em relação à gordura, na medida em que a gordura é muito mais calórica. Você teria que fazer um esforço consciente nesse sentido, tipo comer apenas a clara do ovo ou peito de frango bem sequinho, feito sem gordura. Se você comer só a clara do ovo, 100% será proteína. Mas se você comer um ovo inteiro, a maior parte das calorias será gordura: 66%; se ovo for frito, 91% das calorias serão de gordura!! Ou seja, comer mais gordura do que proteína é FÁCIL, desde que você não esteja TENTANDO reduzir a gordura.

Assim, NUNCA diga que esta é a "dieta da proteína" (seja lá o que for isso). Uma dieta de baixo carboidrato é MODERADA em seu conteúdo proteico, como já aludi em outras postagens.

Na natureza, a proteína e a gordura andam juntas (mas a gordura e o açúcar só se juntam pela mão do homem). Desde que você não faça estas coisas que sua avó acharia bizarro - separar meticulosamente a gordura natural dos alimentos, fazer omeletes só com a clara, etc. - você não terá problemas. Coma sua carne, cuja gordura já vem junto, entremeada às fibras. Coma sua carne moída de segunda - mais barata, mais saborosa e mais saciante, pois tem mais gordura. Coma seu frango com a pele - muito mais gostoso, e com sua gordura intacta. E não esqueça do azeite de oliva na salada, dos abacates e, claro, do queijo (se você não tiver problemas com laticínios).

Excesso de gordura (seja lá o que for isso)? É quase impossível comer excesso de gordura. A gordura, ao contrário dos carboidratos, sacia. Você engordaria se comesse vários tabletes de manteiga? Claro que sim, mas quem faria isso? Você nunca comerá excesso de gordura se não misturar açúcar com ela. É um conceito tão alienígena como respirar ar demais, beber água demais - não fazemos isso, embora estas coisas estejam disponíveis em quantidades ilimitadas. Da mesma forma, seu corpo regula a quantidade ingerida, com algo chamado fome, desde que seja comida de verdade  Se não fosse assim, por que 90% de nossos antepassados recentes eram magros sem nem mesmo tentar, e numa época em que não existia academia de ginástica nem rótulos com calorias? Por que os animais carnívoros, mesmo que tenham alimento em excesso disponível, jamais engordam? Pense nisso.

222 comentários:

  1. Ivan Bruno Hostil24 de junho de 2013 23:53

    Caramba! tem coisas que são tão óbvias que a gente chega faz cara de besta ao ler. Já comemos mais gordura que proteína naturalmente, se não tivermos em nenhuma restrição alimentar, é claro... Sempre na nossa cara e pessoas ainda fazem objeções baseadas em achismos para retrucar suas dicas. Belo texto! A linguagem tem ficado cada vez mais fácil... A low-carb vai entrar cada vez mais o mundo dos saudáveis e fisicamente-ativos.

    www.runnerhostil.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. A minha melhorou demais!
    Nem na TPM fico com espinhas agora :)
    E tb comecei a passar óleo de côco antes de dormir, a pele fica linda!

    ResponderExcluir
  3. Iremar, eu não havia reparado antes, mas agora que você comentou posso dizer que aconteceu o mesmo comigo.
    Patricia, a lista está ficando longa.

    ResponderExcluir
  4. Ah, mas acho isso muito diferente. Respirar o corpo faz sozinho. Água vc bebe de 1 a 2 litros por dia e ok. Agora alimentação é complicado, principalmente quando se quer perder peso. O meu questionamento é referente ao controle calórico que até então eu não tinha visto por aqui. Sempre foi falado para comer a comida de verdade, comer sim gorduras que fazem bem e o corpo vai se adaptando. Mas até então ter déficit calórico...aí as coisas mudam...acho que não ficou muito claro

    ResponderExcluir
  5. O DÉFICIT, pelo que entendi, vem naturalmente, pela REDUÇÃO da fome, pois assim, você reduz o consumo já que não terás mais flutuações da insulina, logo, menores chances de ter 'ataques' alimentares, descontroles, sabe?

    Também, ainda que a dieta seja calórica (pelo senso comum), no sentido de haver maior consumo de gorduras, estas SACIAM muito mais, de modo que você ninguém come um tablete INTEIRO de manteiga, mas se carboidrato fosse (massas, pães, doces, etc etc), isso poderia acontecer, SE comparados o mesmo valor calórico.

    Já viu gente ter ataque de gula e comer uma caixa de bombom inteira? Eu já vi isso. Mas se você somar as kcal da caixa de bombom e transformar isso em gordura e tentar comer, DUVIDO que consiga chegar ao final da quantidade.

    Um exemplo prático:
    Um tablete inteiro de chocolate Garoto com castanhas, tem 805kcal (levando em consideração todos os nutrientes dele, gorduras. carbos e etc). Num momento de TPM descontrolada rs, uma mulher come isso sim, além da sua alimentação habitual. Se eu transformar isso em ovos fritos com manteiga, veja:

    manteiga: 3 col sopa = 30g = 225kcal
    ovos: 4 unidades = 200g = 572kcal

    SOMATÓRIO:797kcal.

    Agora avalia a resposta HORMONAL no consumo dos dois exemplos mencionados.

    Chocolate, ainda que seja um exagero comer toda uma barra, é uma explosão de açúcar e um pico de insulina no seu corpo. Um mal-estar depois, e uma sensação de 'quero mais', porque nosso corpo se VICIA em açúcar e trigo, isto já é um consenso.

    Comer ovos, nesta quantidade mencionada, acho que te deixará sem fome durante todo o dia, talvez até a manhã seguinte.
    Eu consumo 2 toda a manhã e ainda não me livrei da regra dos horários de alimentação (mundo moderno) mas acho que com eles e café com óleo de coco ficaria até de noite sem fome. É sério!!! E já controlei a insulina por anos...

    Acho que nós precisamos, numa dieta LC de qualquer vertente (atkins, paleo, primal, etc etc etc) tratar, paralelamente, duas coisas: o hábito de comer por gula/ansiedade/etc e a fome, pela oscilação da insulina.

    Não acredito mais em contar calorias, PORÉM, poderia faze-lo se quisesse, e mesmo se o valor total de consumo der alto demais, se eu estiver consumindo somente o que faz bem ao meu corpo, ainda estou em vantagem.

    Naturalmente, meu corpo vai queimando os excessos, e utilizando a energia acumulada pelos anos de alimentação errada. A minha redução da fome será notória, e não terei VONTADE de me empazinar em toda a refeição. Se cometer algum abuso, preciso saber se ele veio da flutuação da insulina ou de um descontrole psicológico em relação à comida. Em ambos os casos, e não falo aqui com qualquer preconceito, é necessário tratamento. Mas ficar contando cada migalha de caloria, talvez não seja tão eficiente.

    Tomo óleo de coco todos os dias, e OHHHH, não engordo para espanto de todos!

    Eu escrevi muito, pela minha experiência. Não sou técnica, e posso ser contestada a qualquer momento nisso. Mas a minha experiencia de não mais contar calorias e não mais cortar gordura tem sido muito prazerosa.

    Manifestem-se!

    ResponderExcluir
  6. Além disso, Mônica, LEIA!

    http://live.smashthefat.com/why-i-didnt-get-fat/


    Experimento de consumo de 5000kcal por 21 dias, aumento de 1kg, e redução da cintura. COMO?

    ResponderExcluir
  7. O que te impede de beber 10 litros de água por dia? Por que chega em "1 a 2 litros por dia e ok"? O que te impede de respirar 30 vezes por minuto ao invés de 15? A respiração é automática, mas o beber água também é, ou não? Por que vc acha que TUDO no corpo humano é regulado naturalmente, menos a fome? Será que há algo de antinatural nos alimentos que provocam um descontrole do consumo calórico? O que impede que alguém pare de injetar heroína, se a pessoa sabe que faz mal? POR QUE ela não consegue parar de injetar heroína, mas conseguiria parar de injetar soro?? Será que o cérebro é evolutivamente preparado para lidar com heroína? Existia
    heroína durante a nossa evolução? Pense nisso, e vc terá uma epifania.

    Em 25 de junho de 2013 09:35, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  8. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 11:55

    Eu também como 2 ovos feitos na manteiga (+/- 25g) e adiciono algum legume ou tomate de manhã. Como às 6h30, mas às 11h30 já tenho fome =/ Quanto tempo te levou para apenas esse café da manhã te deixar saciada o dia inteiro?


    E eu não faço nenhuma atividade física pela manhã (apenas a tarde).

    ResponderExcluir
  9. Ada, cheguei a ficar emocionado!


    Em 25 de junho de 2013 10:37, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  10. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 12:00

    Achei o experimento interessante, mas eu concordo com as críticas que foram feitas.


    Em resumo, disseram que ele tem um nível moderado de atividade física, de forma que o gasto calórico dele pode até exceder 3000kcal, já influenciando a grandeza desses 5000kcal. Outro aspecto comentado é que os lanches dele eram constituídos de castanhas, que são um alimento que influenciam positivamente na perda de peso.


    O que acham sobre isso?

    ResponderExcluir
  11. Então coma 3 ovos. Quem tem sede bebe (ÁGUA DE VERDADE), não conta os mililitros e, "magicamente", mantém a concentração de água livre estável no corpo. Quem sente falta de ar não conta o volume de oxigênio, apenas respira (AR DE VERDADE) mais rápido, e "magicamente" a saturação da hemoglobina fica correta; quem tem fome COME (MAS TEM QUE SER COMIDA DE VERDADE), e magicamente, o balanço calórico simplesmente dá certo. Não precisa saber os detalhes de COMO isso acontece (embora a Ada tenha dado uma explicação incrível, acima), basta saber que temos milhões de anos para que TUDO no corpo tenha atingido um equilíbrio perfeito e regulado entre consumo e gasto.


    Em 25 de junho de 2013 11:55, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  12. Use mais manteiga, coma mais ovos, faça na banha, coloque azeite. Eu não conheço ninguém que tenha experimentado o café com manteiga e não ficou saciado por NO MÍNIMO 6 horas...

    ResponderExcluir
  13. Talvze eu tenha exagerado um tanto. Eu como 2 ovos pela manhã fritos na manteiga e não tenho fome ao meio dia, mas pelo horario que trablho, tenho que almoçar.
    Tomar óleo de coco sacia e tira a fome...já fiz alguns testes, almocei num sábado super tarde em jejum de café da manhã, só com gorduras!

    ResponderExcluir
  14. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 12:10

    Vou experimentar com 3 ovos, com o dobro de manteiga e por azeite em cima. Se ainda assim sentir fome, combinarei 2 opções ou até mesmo as três.


    Confesso que tenho resquícios de medo em consumir 3 ovos diariamente. Mas se já consumo 2, que são 3! Obrigada (:

    ResponderExcluir
  15. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 12:14

    Sim, dr. Souto! Eu concordo! Eu praticamente não conto mais nada! E só ando comendo comida de verdade (; Mas como ainda sou nova na paleo, tenho certo medo em adicionar gordura demais. O que seria gordura demais? Quando eu passar mal? Antes disso?

    Se eu fizer 2 ovos com 50g de manteiga, mais ou menos, e quando eles ficarem prontos, colocar duas colheres de azeite por cima, isso é muita gordura? E se, além disso, eu colocar uma colher de chá de semente de girassol e gergelim, bem ricos em gordura, continuaria tranquilo?

    Eu acho fácil comer até quase não ter fome no jantar, por exemplo, que 200g de peru ou peixe + legumes me saciam. Mas o café da manhã ainda é difícil achar a quantidade que me sacia (=

    ResponderExcluir
  16. Ada, minha experiencia em não preocupar mais com quantidade tbm é muito prazerosa. Diria mais, que é LIBERTADORA! A gente não é mais escrava da fome, e isso é o melhor. Eu entendo perfeitamente o que vc diz, passei por isso tudo tbm.

    Fazem 20 dias que estou contando calorias pq resolvi fazer um experimento. Como aumentei de propósito o consumo de boas gorduras, a minha SENSAÇÃO é de que estou comendo demais! É fantástico, pq quando vou ver a quantidade de calorias, as vezes não chegam a 1000! E olha que faço páleo/LCHF desde janeiro, já era pra estar acostumada com todas essas sensações. Mas foi aumentar mais o consumo de gordura que o consumo das outras coisas diminui NATURALMENTE e a saciedade aumentou DRASTICAMENTE!!!

    ResponderExcluir
  17. Eu NEM CONTO quantos ovos como. Se estou com fome, como!

    ResponderExcluir
  18. Pq vc não deixa mais uns ovos cozidos prontos e come na hora do almoço? Comer é uma ótima solução contra a fome :-) Quanto a ovos, se vc não conta quantos pedaços de peixe come, também não faz sentido contar as unidades de ovos. Coma quantos quiser.
    Em 25/06/2013 12:10, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  19. Teresa acho que estas influencias todas são MINIMAS considerando o aporte calórico do experimento... É preciso VER o que aconteceu... o total de calorias excedentes foi absurdo! Isso que 'castanha emagrece, abacaxi queima gordura, linhaça emagrece...' não funciona desse jeito!

    ResponderExcluir
  20. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 12:22

    Ok! Farei ovos cozidos pela manhã e consumirei na hora do almoço. Semana que vem compartilho os resultados (;

    ResponderExcluir
  21. TODOS OS VALORES RETIREI DA TABELA TACO, 100G DE CADA ITEM:


    Amêndoa, torrada, salgada
    581KCAL 18,6g de PROTEINA
    47,3g de GORDURA
    29,5g de CARBOS
    11,6g DE FIBRA

    Noz, crua
    620KCAL
    14,0g de PROTEINA
    59,4g de GORDURA
    18,4g de CARBOS
    7,2g de FIBRA

    CONSIDERE aí que os carbos devem ser subtraídos da Fibra.

    Posso afirmar: é uma fonte de PROTEÍNA com GORDURA, inclusive, PELO MENOS 50% dessas nuts são GORDURA!

    ResponderExcluir
  22. Existe uma série de fatores aí:

    cetoadaptação;

    quantidade de proteína ingerida no dia;

    período firme na 'dieta';

    massa magra do teu corpo;

    ingesta ou não de derivados lácteos;

    e por aí vai.

    O que eu posso te contar na minha experiencia: por ANOS eu tinha que comer logo após acordar. Logo depois, tomava uma METFORMINA 500mg. Depois de 2,5 horas, aprox., lanchava, barra de cereal ou fruta. Almoçava religiosamente ao meio dia. Às tres da tarde, mesmo lanche, até com pão. Jantava lanche (sanduiches etc) logo ao chegar em casa, e tomava um chá antes de dormir. Fome religiosamente de 3 em 3 horas. Que te parece?

    Hoje, 3 ou 4 refeições no dia, sendo a última tarde, às 22h às vexes. E a fome vai diminuindo....

    ResponderExcluir
  23. Dr. talvez fuja um pouco do assunto mas, eu iniciei na dieta Low-Carb Paleo há cerca de 1 mês motivado pelos resultados obtidos até então pela minha mulher que o tem hoje como um verdadeiro "guru", no bom sentido claro, o inicio penoso como já esperava, mas fui me adaptando e sentindo os beneficios todos, até hoje cedo, indo ao trabalho de metrô senti um mal estar leve, tontura e a sensação de desmaio, sai imediatamente me sentei e respirei profundamente varias vezes e fui melhorando, agora não sinto absolutamente nada, mas amigos que sabem desta dieta já me crucificaram apontando a mesma como causa, mas fica como duvida...

    ResponderExcluir
  24. Vc usa algum remédio para pressão? Se usa, é bom revisar a quantas anda a pressão, pois com este novo estilo de vida a pressão tende a se normalizar, e a medicação pode estar lhe dando hipotensão - talvez seja necessário reduzir ou parar. Se vc não usa medicação, pode ser apenas falta de sal - nas primeira semanas de low carb é importante comer mais sal.

    Em 25/06/13, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  25. Unica medicação é Zyrolic 100 mg, acho que realmente foi pontual, pois me sinto muito melhor agora em todos os sentidos...parabens pelo trabalho que tem feito...

    ResponderExcluir
  26. kethlyn, comigo tbm foi surpreendente. A gente sempre espera pela danada da TPM... pq ela sempre manda os avisos: cólicas, leve dor de cabeça, pernas pesadas, intestino preso... isso tudo SUMIU!!!

    ResponderExcluir
  27. Obrigado. Lembre do SAL

    2013/6/25, Disqus :

    ResponderExcluir
  28. A pele do corpo fica muito mais hidratada! e a celulite?...

    ResponderExcluir
  29. E tem gente que acha páleo/LCHF caríssima e difícil...

    ResponderExcluir
  30. Dr., parabéns pelo site, estou simplesmente amando ler estes artigos e tentando entender.
    Nunca tinha ouvido falar na dieta low carb. Já comprei diversas revistas de dieta, vivo procurando na internet dietas, mas nunca consegui achar alguma que eu conseguisse seguir.
    A 02 semanas estou sem comer qualquer tipo de farinha, grãos e etc. E açúcar em geral (somente o açúcar das frutas).
    Gostaria de saber se há algum post dizendo o que se pode e não pode comer na dieta low carb, se queijos em geral (minas, mussarela) pode comer, leite, qualquer tipo de carne, frutas e etc.
    O problema é que não tenho tempo para praticar exercícios, trabalho o dia todo e a noite fico com meu filho que tem 03 anos. Então, não sei se conseguiria perder peso??

    Gostaria de uma ajuda....

    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  31. Frederico Lobato Limonge25 de junho de 2013 15:04

    Cerveja é um problema mesmo, mas e as cervejas light?

    ResponderExcluir
  32. Gostaria de cumprimentar a Ada pela explicação inspirada!
    Tenho uma dúvida para o Dr. Souto.
    Hipoteticamente, o diabético II, com pâncreas ainda operante na produção de insulina, pode estabilizar a glicemia com dieta e deixar de tomar medicamentos como a metformina?
    O diabético precisa ficar casado com a tal metformina o resto da vida, ou pode ter esperança que a dieta restaure o equilíbrio da insulina?
    Se a alimentação estiver OK e a glicemia normalizada, estes medicamentos podem causar hipoglicemia?
    Eu li o livro do Dr. Davis e ele retirou a metformina de vários de seus pacientes diabéticos. Li em inglês, mas entendi que os pacientes experimentaram uma remissão da diabetes II por conta da restauração da saúde, após meses de dieta low carb. Estavam cientes que a dieta era para o resto de suas vidas.
    Mas já ouvi vários médicos afirmarem que o paciente deve ser mantido na ingestão de metformina ainda que seus exames estejam dignos de troféu.
    Eu sei que há medicamentos necessários para o resto da vida, como insulina para o diabético I, reposição hormonal para quem não tem tireóide etc.
    A metformina não parece ser essencial da mesmo forma que estes exemplos. Será algum protocolo, por receio que o paciente enfie o pé na jaca?
    Gostaria de saber sua opinião.
    Obrigada,

    ResponderExcluir
  33. Estou apenas aprendendo ainda. É isto que LC noz traz.

    ResponderExcluir
  34. Olá Roberta.

    Lembre sempre que a gordura boa (banha,manteiga, azeite de oliva, óleo de coco) é sua amiga!

    Exercícios físicos:http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/exercicio-sim-mas-nao-o-que-lhe.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2011/12/por-que-o-exercicio-fisico-tambem-nao.html

    Indico a leitura:

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/o-que-comer-no-cafe-da-manha.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html

    ResponderExcluir
  35. Obrigada Patrícia!
    Vc me ajudou muitíssimo!! Daqui algumas semanas, venho contar sobre meu peso, do qual, só abolindo as farinhas e derivados já conseguir eliminar 03 kilos em 02 semanas..

    Bjos! Roberta

    ResponderExcluir
  36. Acabei de ler Ada, obrigada.
    Não tenho problemas com medicamentos, apenas curiosidade, desejo de entender melhor.
    A metformina foi aprovada apenas na década de 90. Ela pode ser um ótimo medicamento, mas ninguém conhece os efeitos no corpo de ingestão por 30 ou 40 anos consecutivos.
    Digamos que eu alcançasse um resultado de 90% só com dieta e de 100% com dieta e medicamento.
    Eu, pessoalmente, assumiria o risco de viver com os 90%, intensificaria a dieta e adiaria a ingestão de medicação o quanto eu pudesse. Se não pudesse evitar totalmente, preferiria viver com a mínima dose possível.
    Bjs,

    ResponderExcluir
  37. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 16:43

    A gente é muito acostumado a comer 6 refeições, é uma coisa! Mas acho que minha fome aumentou porque comecei a fazer HIT 4x por semana, 30 minutos diários. Mas já está voltando ao normal (;

    ResponderExcluir
  38. Nilza, tenho pacientes que entraram em remissão de sua DM-II e estão há mais de um ano sem metformina e com glicemia normal. Não vejo motivo para manter a medicação se a glicemia e a Hb glicada estão ok.

    Em 25/06/13, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  39. Teresa Cavalcanti25 de junho de 2013 17:32

    Oi Roberta! Vou te passar 2 vídeos com exercícios de 10 a 20 minutos (; O que fiz para não ter que ficar ligando o computador é: eu baixei os vídeos para o meu computador, coloquei num pendrive e pluguei no dvd! Daí todo dia é só ligar a tv e apertar play (:

    1. Esse trabalha bem o abdomen, mas exercita o corpo inteiro! É excelente, os exercícios são fáceis, você faz acompanhando a instrutora. Ela faz as pausas com você, toma água e lembra a você de tomar e etc!

    http://www.youtube.com/watch?v=uLKrrtvL1_A&list=PLje6tziD5evYrgCdBvTUOEyR0-ZCFMcug

    2. Esse é um vídeo de exercícios para queima de gordura, trabalha o corpo todo! São 20 minutos, sendo que 4 são de aquecimento. O legal é que você pode adaptar. Se só tem 10 minutos, faz metade do vídeo (:

    http://www.youtube.com/watch?v=zpeN0xX1VVg&list=PLje6tziD5evYrgCdBvTUOEyR0-ZCFMcug

    ResponderExcluir
  40. Considerando uma taxa metabólica basal próxima de 2000 kcal, ele teria que queimar outras 3000 com exercício só para empatar. Vou puxar da memória um pouco aqui, mas isso seria equivalente a 3 horas de corrida forte ou 6 horas de musculação diariamente.

    ResponderExcluir
  41. Eu estou convicta de que estou comendo demais, fico insegura também... Resta ver as consequências disso no meu peso. Tenho emagrecido beeeeeem devagar, mas pro tanto que como, não acho ruim! Em 1 mês, eu emagreci rapidinho 3 kg na 1a semana e mais 1kg nas 3 semanas seguintes. Não sei se o fato de fazer atividade física intensa 3 a 4x por semana interfere na fome... Ontem comi um pouco menos e acordei hoje de manhã FAMINTA! Hoje comi:
    Café da manhã: 1 mexerica, 2 fatias de muçarela, 1 fatia de presunto, 1 xícara de café com creme de leite e adoçante.
    Almoço: 2 floretes de brócolis, 1 porção de broto de feijão e alguns pedaços de carne assada
    Lanche: 4 ovos fritos na banha
    Jantar: 220 gramas de queijo brie + 1 xícara de café com creme de leite e adoçante.
    Sei que aqui não é o lugar ideal, mas como não tenho muitos parâmetros se estou fazendo certo ou errado... Doutor Souto, Patrícia, o que acham do meu cardápio? Devo acrescentar mais vegetais, né?
    Tem algum grupo no Facebook pra trocar ideias sobre isso?

    ResponderExcluir
  42. Ola,

    Gastar com esteticista é muito mais caro.

    ResponderExcluir
  43. Com certeza essa gente está enganadíssima, pois além de ganharmos saúde, a economia é demais. Hoje comprei banha pela primeira vez, 5 reais e 20 que durará muito, sem falar que ao comprar toucinho e ao torrá-lo eu guardo a banha, no mercado não compro mais nenhum tipo de biscoitos, só tenho olhos pros ovos, carnes, iogurte natural, verduras... Faço meu pão em casa e nos restaurantes sacio-me com carnes e esqueço dos doces. Assim em alguns casos posso até gastar mais, como whey protein, mas saúde não tem preço.

    ResponderExcluir
  44. Acho que está ótimo. Se vc está se sentindo bem e ainda por cima perdendo peso, por DEFINIÇÃO vc não está comendo demais.


    Em 25 de junho de 2013 23:11, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  45. A pessoa compra um carrão importado e só coloca gasolina premium, a 3 reais o litro, pois afinal "um carro desses não pode beber porcaria". No entanto, ao escolher o combustível do próprio corpo, só come lixo feito com carboidrato barato e soja. Não consigo imaginar que o próprio corpo seja visto como tendo menos valor do que o mais caro dos carros. Nosso corpo e saúde são, sem dúvida, nosso bem mais precioso. Mesmo que essa alimentação fosse mais cara (e penso que não é), ainda assim valeria a pena.


    Em 26 de junho de 2013 00:47, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  46. Ada, vizinha rsrs.

    Maravilhoso tudo o que v. disse!

    Não contar calorias é algo excepcional em meios às dietas de hoje em dia.

    Lembro qdo tinha que sair, ficava desesperada pq ficaria fora e não iria comer de 3 em 3 hrs.

    Consumo 8 ovos por dia, 4 no café da manhã, 2 no pré e 2 no pós treino e meu peso se mantém, por mais que eu quera ganhar massa magra.

    Além do mais, aos domingos faço carbo UP, o que diz no livro Dieta TNT, estou no teste há um mês e nada do peso aumentar.

    ResponderExcluir
  47. Pois é vizinha...
    Sem preocupações com crises de hipoglicemia no trânsito: nunca PENSEI que isso poderia acontecer.

    Hoje, por exemplo, acordei cedinho e não puder tomar meu café da manhã como habitualmente. Dirigi NORMALMENTE sem qualquer mal-estar. Às 9h, tranquilamente comi um abacate com cacau.

    ResponderExcluir
  48. Como ex-vegetariana (hahahhahha) eu diria que precisas aumentar os vegetais, colorindo também.

    Um grupo PALEO: https://www.facebook.com/groups/146941988810908/

    Não fazemos cardápio, etc; tem bastante discussão BOA e PRODUTIVA lá.

    ResponderExcluir
  49. Nisso eu penso todo dia Nilza...

    ResponderExcluir
  50. Ada, como mais vegetais do que muitos vegetarianos. É que muitos vegetarianos classificam pizza, batata frita e pão como vegetais...


    Em 26 de junho de 2013 10:30, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  51. kkkkkkkkkkkkkk

    Pois é, eu sei o que isso significa. Eu sempre comi muita salada, mas nunca ninguém me impressionou na quantidade quanto a Claudia Villaça.

    ResponderExcluir
  52. Desde que comecei a dieta low-carb/paleo hoje foi a primeira vez que comi ovos com banha. Tomei café-da-manhã mais cedo, às 6:30, dois ovos com 1 colher de banha. Gostinho de ovo que a minha avó fazia. Uma delícia!
    São 10:50 e sinal nenhum de fome. Achei que sacia mais que o bacon e a manteiga que era o que eu usava antes.
    Virei fã!

    ResponderExcluir
  53. Penso que está muito bom! E vc? está gostando desse cardápio? Se achar que precisa de mais vegetais, coloque! No meu ver, falta um pouco mais de gordura boa! Acrescentaria manteiga / óleo de coco aos cafés e faria os legumes na banha.

    ResponderExcluir
  54. Para mim, pessoalmente, NADA sacia mais que ovos. Experimente fazer os ovos mexidos e depois colocar a salda que sobrou da véspera em cima, e fechar como se fosse um TACO. É Muito bom


    2013/6/26 Disqus

    ResponderExcluir
  55. Huhuhu!! Obrigada pela dica! Bjossss

    ResponderExcluir
  56. Nunca tive problemas com isso, mas você ficará impressionado se pesquisar o google por "Bristol Stool Chart".

    ResponderExcluir
  57. Obrigada, Ada! Já pedi ora entrar no grupo!

    ResponderExcluir
  58. Certo, obrigada, doutor!

    ResponderExcluir
  59. Mais gordura, Patrícia? Jesus! Rsrsrs. Já uso bastaaaante manteiga pra fritar os ovos, costumo comer ovos, carne vermelha e linguiça frequentemente, além de presunto e creme de leite fresco 35% de gordura. Realmente acha que preciso de mais? Qual seria o limite, então?
    Quanto aos vegetais, sim, acho que preciso de mais, porque desde que comecei a dieta estou com uma gripe que vai e volta, então, vou caprichar nas saladas...
    Óleo de coco - é caro e não gosto muito, não...
    Banha - difícil achar por aqui, compro toicinho ou barriga de porco, mas não uso muito pra cozinhar, porque faz a maior sujeira (a banha espirra pra tudo que é lado, engordurando o fogão e as paredes... que sou eu quem limpo! rs).

    ResponderExcluir
  60. Exatamente, então nada de pensar em economia se é a nossa saúde e da nossa família que está em jogo!

    ResponderExcluir
  61. Outra questão, se eu somar as loucuras que fiz como massagem redutoras, compra de produtos com promessas mentirosas, remédios passados por médicos irresponsáveis, alimentos diet e light, academias que visam quantidade e não qualidade, meu DEUS, uma fortuna. Por quê dr. não o conheci antes? Obrigada senhor por encontrar esse abençoado blog!

    ResponderExcluir
  62. Também paro pra pensar nos milhões que gastei com essas coisas, principalmente alimentos diet, light, zero etc... Reduzi drasticamente meus gastos com alimentação e mesmo assim, me alimento muito bem, até melhor que antes.

    ResponderExcluir
  63. Fiquei passada com a quantidade de carboidratos do limão! 1 limão tem 10 gramas de carbs, tirando as fibras (3g), dá 7g de carbs por limão....Levando-se em conta que estou direto tomando chá de limão pra gripe, fiquei passada... limão está liberado em qualquer quantidade da dieta páleo?

    ResponderExcluir
  64. Sim, eu não restringiria.
    Em 26/06/2013 14:01, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  65. Obrigada de novo... só mais uma dúvida, é a última... Por que alguns chocolates têm um certo gosto de sal? Será que é o cacau? Já reparei nisso nos chocolates 85% Lindt e Godiva... Enquanto os da Cacau Show não tem gosto nenhum de sal... Não sei se mais alguém reparou nisso...

    ResponderExcluir
  66. Eu não creio que é gosto de sal... é a ausência do doce. Hoje eu acho os chocolates nacionais, mesmo os amargos, bem mais doces que Lindt e Godiva. Experimento um pó 10% cacau. Vc tbm vai achar 'salgado'.

    ResponderExcluir
  67. Limite pra gordura?? tem??? kkkk
    Eu cozinho em panelas mais 'altas' aí não espirra tanto.
    Pra mim, nada melhora mais o sistema imunológico do que a boa gordura.

    ResponderExcluir
  68. Luiz, isso é no físico, mas eu vou mais longe: muda muito a forma de pensar. A 3 anos venho estudando o filosoficamente Gordos e Magros. Existe sim uma forma de pensar que faz uma "Mente Gorda". Mas, como diria lá em Minas, isso é assunto pra mais di metro, sô!

    ResponderExcluir
  69. Pó? Não entendi, Patrícia...

    ResponderExcluir
  70. Dr., pq não faz um post específico sobre isso. Diabéticos tipo II e dieta LCHF? Seria muito interessante e útil.^^

    ResponderExcluir
  71. Marcela,

    Caso more em SP, na região do Brás tem a zona cerealista, lá encontra-se óleo de côco pela metade do preço vendido em outros lugares, até aquele orgânico é bem mais barato.

    ResponderExcluir
  72. Menina boa!
    "Quando eu crescer", serei igualzinha!
    Abraço, querida!

    ResponderExcluir
  73. Segundo o Mark Sisson, devemos ter cuidado com o exagero em castanhas. A casca de algumas têm uma substância que são prejudiciais em grandes quantidades. A quantidade ideal é um punhado (uma mão cheia, segundo ele) de castanhas/nozes por dia.

    ResponderExcluir
  74. Bom dia Dr! Estou me enredando pelo mundo low carbo agora e tenho pesquisado muito sobre o assunto. Seu blog é de grande valia e muuuuito bom! Acabei de conhecer esse aqui: http://www.dietdoctor.com/lchf conhece? Ainda não o li a fundo, mas me pareceu bem interessante.
    Obrigada por compartilhar conosco seus conhecimentos!
    Fabiane

    ResponderExcluir
  75. É um dos melhores. Vá aqui: http://www.dietdoctor.com/lchf#languages

    Clique em Portuguese, e olha onde vai dar!


    Em 27 de junho de 2013 11:16, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  76. Teresa Cavalcanti27 de junho de 2013 11:21

    Oi, Luiz (:


    Eu faço um mix diário +/- assim:
    1 castanha do pará
    2 nozes
    4 pistaches
    4 castanhas de caju
    8 amêndoas
    Isso é menos do que um punhado, certo?

    ResponderExcluir
  77. Teresa Cavalcanti27 de junho de 2013 11:25

    Patrícia, ontem e hoje comi 3 ovos no café da manhã feitos com uns 30g de manteiga e temperados com duas colheres de azeite +/-. Eu estou impressionada como eu estou saciada! Bastou um ovo a mais e 2 colheres de azeite! E isso porque nem adicionei legumes ou gergelim ou sementes de girassol como costumo fazer.


    Eu tomo café às 6h30, daí umas 10h30 eu tomo chá ou como algumas castanhas e pronto, só quero almoçar depois das 14h! Sensacional!

    ResponderExcluir
  78. Olha que legal este site, voce digita o nome do alimento e ele fornece os carbs e toda composicao nutricional :

    http://www.fatsecret.com.br/calorias-nutri%C3%A7%C3%A3o/

    ResponderExcluir
  79. Ai que liiiiindo!!!!

    ResponderExcluir
  80. Acredito que sim. Eu não conto quantas eu como, apenas evito comer muitas pq elas contém carbs também.

    O Mark Sisson critica mais os casos de pessoas que ficam malucas por castanhas (nuts for nuts) quando aderem à dieta primal. Ele cita casos em que as pessoas comem meio quilo de castanhas por dia.



    Então a dica é comer castanhas com moderação.

    ResponderExcluir
  81. Cacau em pó - 100% cacau. Tem um monte de cacau em pó que tem açúcar, gordura hidrogenada, proteína de soja... Compre um 100% cacau, vc vai achar 'salgado' tbm

    ResponderExcluir
  82. um punhado = uns 50g

    ResponderExcluir
  83. Teresa Cavalcanti27 de junho de 2013 15:02

    Nossa, então tranquilo demais! Meu mix dá menos que 30g (:


    Isso significa que eu posso aumentar mais um pouco sem problemas? Como uns 3 ou 4 pistaches e castanhas de caju, por exemplo?

    ResponderExcluir
  84. Teresa Cavalcanti27 de junho de 2013 15:03

    Mas meio kilo é exagero. Acho que para isso vale a máxima: tudo em exagero faz mal (;

    ResponderExcluir
  85. Teresa, não aumente se não tiver fome... melhor diminuir do que aumentar, no caso de nozes, castanhas, etc.

    ResponderExcluir
  86. Teresa Cavalcanti27 de junho de 2013 16:04

    Sim, claro!


    É que eu costumo lever castanhas, morangos e queijo como lanche para o cursinho. Daí às vezes não estou com vontade de comer queijo ou não tenho morangos, daí já sei que rola de levar mais castanhas no lugar, entende? (=

    ResponderExcluir
  87. Patrícia, agradeço a sugestão, mas acho que se eu comer mais gordura, ficarei enjoada... estou no meu limite, já, rsrsrs.

    ResponderExcluir
  88. Muito bom doutor! Obrigada pela dica!
    Uma dúvida: tenho um filho de 2 anos e 4 meses, como fica esse tipo de estilo de vida, sim, pq não vejo como dieta, para uma criança? Por exemplo, leite. Sabemos que muitos são alérgicos, ele por enquanto não apresentou nenhum problema com leite, foi amamentado até 1 ano e 10 meses, quando por conta própria largou o peito e hoje faz uso do "Ninho1+" indicado pela pediatra. A própria lata do leite diz que não é leite e sim uma bebida láctea. Mas o leite, que a grande maioria diz que as crianças precisam consumir devido o cálcio, o que o senho diz? Obrigada!

    ResponderExcluir
  89. Boa tarde!

    Até então não tinha comentado, mas estou devorando cada postagem e cada comentário! É uma biblioteca virtual esse espaço, tudo de bom, maravilhoso!

    Enfim, comecei a me alimentar tentando seguir os preceitos da alimentação paleo, mas ainda falta adaptar muita coisa. De qualquer forma, eu tenho diminuído os carboidratos em geral, cortei os carboidratos refinados (só sobrou o cafezinho no trabalho, que é com açúcar) e aumentei o consumo de castanhas, nozes e amêndoas (ainda não me livrei do amendoim, que eu compro cru e torro em casa).

    Estou com 63,400kg (antes de começar a mudar a alimentação, há 2 semanas, estava com 65kg) tenho 1,57 de altura e gostaria de emagrecer sem perder massa magra, pois faço musculação (adoro!) e acho que ficar "sarada" é mais próximo do meu objetivo do que ficar apenas "magra". Tenho hipotireiodismo e já faço tratamento com Synthroid 112mcg (exames de sangue todos Ok desde a última avaliação há 1 mês atrás).

    Com uns 15 dias de alimentação mais "natural", senti o seguinte:

    - nos primeiros 4 dias senti uma dor de cabeça muito forte e fraqueza física;

    - passados esses sintomas, a vontade de doces DESAPARECEU por completo. Nem vontade eu tenho!

    - agora estou sentindo bem menos fome do que o meu "ex-normal".

    Apesar de ter lido praticamente todo o blog, ainda tenho dúvidas... e se alguém puder me responder, vou ficar imensamente agradecida!

    1) Temos que comer de 3 em 3 horas para "acelerar" o metabolismo? Eu não sinto mais fome de 3 em 3 horas, eu poderia, por exemplo, almoçar às 11 e ir jantar às 18 que não sentiria fome (se eu jantar mais tarde eu preciso fazer um lanche... ainda). Fico com medo de "desacelerar" o metabolismo comendo com intervalos menores... e eu ainda quero perder peso!

    2) É normal sentir fraqueza no início da dieta? Eu ainda me sinto meio desanimada para algumas tarefas mais pesadas (como a musculação), mas sinto que isso está melhorando. É o corpo perdendo o "vício" do carboidrato? Pois a fraqueza vem acompanhada de uma dor de cabeça leve (que está sumindo, mas ainda está aqui).

    Obrigada, Dr. Souto, por esse blog, pela dedicação, pelo profissionalismo e pela sinceridade na abordagem do tema! Quanto tempo eu gastei quebrando minha cabeça pensando em algo pra controlar minha vontade de doces... e foi só entender o esquema da insulina e TUDO fez sentido pra mim, pela primeira vez na vida!


    Obrigada!

    ResponderExcluir
  90. Olha meu lanche low carb: mortadela, mussarela, azeitonas, e nata de leite mineira.
    https://www.facebook.com/messages/100001248376905

    ResponderExcluir
  91. Meu lanche low carb: mortadela, mussarela, azeitonas, azeite de oliva, oregamo, e nata do leite a moda mineira(*), e muuuuuuito sal. (nem tao muito, mas caprichado)
    (*) Nata do leite mineira: Já que aqui nao temos nata de leite, misturamos 200 gramas de creme de leite longa vida (25% de gordura), com 70 gramas de manteiga de garrafa.

    ResponderExcluir
  92. Olá Michele.
    Que bom que está lendo e pesquisando! É assim que a gente cresce!
    1) Coma quando tiver fome e até ficar satisfeita. Esqueça essas regras, isso de acelerar ou desacelerar não funciona dessa forma.
    2)Muito normal. e vc já matou a charada, está em síndrome de abstinência. Como qualquer outro vício, o corpo vai chiar! Capriche mais nas gorduras boas (azeite, manteiga, banha, óleo de coco).

    ResponderExcluir
  93. Vishh, é mesmo! Eu tinha uma seborreiazinha que ñ tinha xampu que desse jeito...sumiu, agora que me liguei..

    ResponderExcluir
  94. Dr. A dieta, digo, o estilo de vida é tranquilo para mim, mas confesso: a salada só "desce" sem esforço se tiver uma ajuda de manteiga de garrafa e queijo ralado, esses produtos são bem-vindos, confere? Ah, uma maionese (porção pequena) tbm pode ser?

    ResponderExcluir
  95. Este texto merece uma postagem exclusiva. Exelente tambem para quem ja tem os filhos "crescidinhos"...

    ResponderExcluir
  96. Esta faltando 1 ou 2 ovos no seu cafe da manha. Elimine a mixirica (frutose). Almoco e jantar: carne ou peixe com salada e azeite de oliva e sal (muito dos dois). Bacon ou nata de leite tambem em qualquer das refeicoes ou todas. Faco assim.

    ResponderExcluir
  97. 2 colheres de sopa ao dia, muito barato...

    ResponderExcluir
  98. Sim!
    Em 28/06/2013 00:05, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  99. Nossa Patricia, adorei todas as suas considerações! Muito obrigada!

    Meu filho não tem problema com peso, graças a Deus, pq imagino uma criança tendo que fazer dieta, se eu, "burra velha" não consigo... A pediatra dele sempre fala que não devemos dar besteiras mesmo, pq uma criança obesa é muito complicado de tratar. Quando vc falar em adoçar o menos possível, lembro quando meu filho completou 6 meses que começou a ser inserido a alimentação a pediatra sempre falava que não precisava adoçar nem salgar nada, pelo fato de que eles não conheciam nenhum sabor, eles aprenderiam a conhecer o sabor real dos alimentos. Isso é bem páleo não? Quanto a adoçantes, vc fala em stévia, mas já escutei tanto falar que criança não deve fazer uso de adoçante. É mais um mito pelo visto né? Até pq como vive uma criança diabética não? Lembro na minha gravidez que estava acima do peso, meu endócrino mandou fazer uso de adoçante, mas minha gineco não deixou e o endócrino perguntou o pq, dizendo que se não pode consumir adoçante na gravidez uma mulher diabética não poderia engravidar.... depois disso minha gineco liberou o uso do stevia.
    Ele não consome queijos, não gostou. Na verdade o único que gosta é o queijo chedar, mas não come muito, só ás vezes.
    Graças a Deus ele se alimenta bem, come de tudo, legumes mais que verduras (ainda não se acostumou direito com certas folhas), frutas todas... Tento restringir ao máximo as porcarias, mas confesso ter dificuldades. Agora ele está na escola e come biscoitos recheados (pelo menos aqueles parecidos com isopor ele não consome, acho aquilo o fim) e sucos de caixinha, cheio de açúcar. Por outro lado em casa só de frutas feito na hora. Refrigerante ele ainda não consome e enquanto eu puder não consumirá, inclusive na escola pedi que não o dessem. Mas balas, chocolates, pirulitos... isso é bem complicado de evitar, não só em casa (ele fica com minha mãe e ela não vê problema) mas tb na escola, pq os amiguinhos "trocam" lanchinhos... Quando falo na minha mãe, posso colocar várias pessoas em pauta, pq tem a mentalidade de que "só um pouquinho" não faz mal. Quando achei esse blog, passei pra ela, pro meu pai... mas eles ainda tem uma certa restrição devido a tudo que a mídia fala de gordura e por aí vai. Então é difícil mudar a mentalidade de pessoas com mais idade... Bom, mas eu faço minha parte e depois de tudo que li farei mais ainda e tentarei a todo custo mudar, se não todos, muitos hábitos.
    Muito obrigada Patricia!
    Bjs

    ResponderExcluir
  100. Obrigada por esclarecer minhas dúvidas, Patrícia! Eu tenho usado bastante azeite, mas banha e óleo de coco ainda não testei... Vou me aventurar mais nesses novos sabores (da época da minha avó, mas pra mim totalmente novo!) e ver como o corpo reage...


    Abraços!

    ResponderExcluir
  101. Olá, Dr. Souto! Conheci o blog através do meu professor na academia, Felipe Piacesi e admito que estou encantada. Desde o início da semana tenho lido os posts e vários comentários para ir me inteirando e tentando começar minha dieta. Conforme conversei com o Felipe, estou tirando aos poucos, porque não estou acima do peso, mas tenho histórico de colesterol alto e quero perder o que tá sobrando. Queria saber ser os 14 dias devem ser contados a partir do momento em que eu tiro "totalmente" (carb. abaixo de 20g.) ou a partir do momento em que eu já estou reduzindo? Faço musculação e o Felipe recomendou comer pelo menos alguma coisa de carboidrato devido ao esforço. Como no máximo 2 fatias de pão integral no café da manhã, no almoço no máximo duas colheres de sopa de arroz integral e uma de feijão, além de pedacinhos de cenoura e beterraba e uma ou outra fruta, como laranja e mamão. Tem alguma dica para ajudar quem está começando? Desde já agradeço a atenção e parabenizo pela coragem de quebrar paradigmas. :)

    ResponderExcluir
  102. Olá Jemily, obrigado.
    Quanto aos 14 dias (que são contados a partir do momento em que vc elimina completamente os carbs), você está se referindo à indução de Atkins, que não considero ser obrigatória (leia http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/atkins-ou-nao-atkins.html).
    Pode comer seus carbs antes do treino (o que significa que já não é Atkins), mas NUNCA pão nem nada feito com trigo.

    Siga estas linhas gerais, e você estará bem:

    1) Cortar açúcar
    2) Eliminar grãos
    3) Evitar raízes ("tubérculos")
    4) Optar por comida de verdade
    5) Não consumir azeites extraídos de sementes
    6) Perder o medo da gordura natural dos alimentos.




    Em 28 de junho de 2013 12:51, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  103. Dr. Souto, o senhor é o maximo... Gostei.

    ResponderExcluir
  104. Legal, gostei. Uma dica: morangos com nata de leite. Se voce nao mora no sul, misture 200 g de creme de leite com 70 g de manteiga de garrafa ou manteiga comum. Delicia.

    ResponderExcluir
  105. http://www.fatsecret.com.br/calorias-nutri%C3%A7%C3%A3o/gen%C3%A9rico/mexerica

    Mexirica tem 90% das calorias em carbs, eu adoro mas parei de consumir.

    ResponderExcluir
  106. Monica, estou suspeitando uma eventual correlação entre adoçantes e queda de cabelo. Vc tem usado algum com frequencia?

    ResponderExcluir
  107. Marcela, seus treinos intensos na academia envolve pesos? A massa magra (massa muscular)ela pesa, então, normalmente asmulheres ficam nessa ''loucura'' nas academias....Qualquer dúvida,manda a pergunta em meu face,pq essa é a minha área rs

    ResponderExcluir
  108. Verdade Luiz, é melhor ter cuidados com os frutos secos.

    ResponderExcluir
  109. O meu um grande pedaço de melancia, melao e pessegos..

    ResponderExcluir
  110. que sim, bem menos, Eu ja nao sofro de desejos...como tudo , gosto de tudo mas acima de tudo peixes, verduras e frutas...uma boa taça de vinho tinto, Vivo em Espanha.

    ResponderExcluir
  111. Hola José Carlos, antes de tudo meus parabéns por a grande contribuiçao a nossa sociedade MAL COMEDORA, mesmo estando ainda com uns 5 kg. acima de meus sonhos, nao posso deixar de comer de forma tao inteligente, embora sempre fui amante de pescados, frutas, verduras e mariscos hummm. li ja uns tres livros de Paleo Dieta, o que mas me parece simples ao entendimento comun é o de Robb Wolf,
    embora conhecemos a dieta por um Hungaro que se chama Garbor, tenho sempre boa saude, sou amante de deporte , e mesmo com 50 anos corror 1 H. todos os dias se tenho tempo, simm nao vivo em Brasil, mas te acompanho deste Espanha. Um grande abraço e nao desista de ser bom CHICO.
    Nice
    embora

    ResponderExcluir
  112. Olá pessoal,

    Quero compartilhar com vocês um video que fala sobre gordura, reforçando as coisas que o Dr. Souto fala aqui.

    É uma entrevista no canal Gnt, com o Dr. Sergiu Puppin

    http://www.youtube.com/watch?v=aKPedBwvwBM&list=WL1A73C0A923F25DE5

    ResponderExcluir
  113. A castanha do Brasil (antigamente conhecida como do Pará) pode ter muito, mas muito Selênio mesmo, que é um mineral tóxico se estiver em excesso...

    Saber o teor de Selênio na sangue será muito útil para saber a quantidade diária desta castanha...

    Não li sobre isso da casca ainda, tens alguma referência para eu pesquisar?

    Não existe quantidade ideal, pra mim pode ser 10, pra ti pode ser 20...

    Fora a do Brasil, as outras são tranquilas quanto ao Selênio, então a quantidade pode ser aumentada

    ResponderExcluir
  114. Segue o post do Mark Sisson a que eu me referi.


    Nuts and Phytic Acid: Should You Be Concerned?
    http://www.marksdailyapple.com/nuts-and-phytic-acid/

    ResponderExcluir
  115. Extraído de: http://www.vponline.com.br/_site/revista_texto_anterior.php?materia_saiba_mais=ok&revista_codigo=23&materia_codigo=195

    Fitato: desmistificando a visão de antinutriente

    Dra. Natália Cristina Ferreira Marques

    Na alimentação humana, o fitato tem sido considerado um antinutriente, e estudos demonstravam uma relação inversa entre a presença de fitato e a absorção de cálcio, zinco, ferro e magnésio, reduzindo sua biodisponibilidade. Conhecido também como ácido fítico ou hexafosfato de mio-inositol (InsP6), o fitato é um importante estoque de fosfato, sendo sua maior concentração encontrada em cereais, leguminosas e oleaginosas. Os grupos fosfatos estão intimamente relacionados com a geração de energia, e desta forma, conclui-se que o hexafosfato é o tipo estrutural mais encontrado entre os alimentos. O intestino humano não possui a capacidade de degradar o InsP6 pela ação da fitase. A fitase das plantas, da microbiota bacteriana e da mucosa intestinal favorece uma dissociação do fitato, além do pH ácido do estômago. Estudos indicam que com a hidrólise do InsP6, o fitato perde sua capacidade de quelar minerais, não interferindo negativamente na biodisponibilidade destes. Além disso, o fitato tem função de segundo mensageiro intracelular, regulando a movimentação de cálcio na célula e a passagem de íons pela membrana, além de atuar como ativador neuronal. A presença de InsP6 no cérebro é alta devido ao seu poder antioxidante, que combate à isquemia. Estudos têm mostrado que o fitato pode ser um poderoso inibidor do processo de cristalização de oxalato de cálcio, apresentando uma associação inversa entre a ingestão de fitato e risco de formação de cálculos renais, além de reduções no número de calcificações de cálcio no tecido papilar renal. Estudos indicam ainda que ratos que receberam InsP6 tiveram uma redução significativa do conteúdo de cálcio da aorta e do tecido cardíaco, evitando a calcificação do sistema cardiovascular. Além disso, o fitato atua na redução do colesterol e triglicerídeos séricos, além de reduzir a peroxidação lipídica e inibe a agregação plaquetária. A suplementação de fitato em ratos reduziu ainda a prevalência e o tamanho de tumores, pela diminuição de radicais livres, atuando desta forma como um anticarcinogênico. O estudo conclui que a visão de antinutriente do fitato precisa ser revista, pois diversos estudos indicam sua atividade antioxidante, bem como seus benefícios na prevenção da litíase renal, câncer e doenças cardiovasculares.



    tenho tudo em PDF, mas não é possível anexar aqui...

    ResponderExcluir
  116. O que me incomoda nos legumes (coisas que crescem em vagens, como soja por exemplo), além dos carbs, não é o fitato, e sim as lecitinas que podem provocar alterações na permeabilidade intestinal, à semelhança do que acontece com o glúten (que é, na verdade, uma lecitina do trigo).


    Em 3 de julho de 2013 17:51, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  117. Bom saber disso. Pode até ser que fitatos sejam benéficos mesmo em grandes quantidades. Mas além do fitato, as castanhas ainda possuem muito omega 6 e carbs, ainda sendo recomendável o consumo moderado.

    ResponderExcluir
  118. Tens alguma referência para me passar sobre isso?


    Hiper-permeabilidade intestinal é um grande problema, sem dúvida, todavia em um intestino impermeável, será que há problema da lecitina?


    São dúvidas pairando em minha mente...

    ResponderExcluir
  119. Para mim castanhas são trigger foods, isto é, não consigo controlar e como demais. Isso vale para mim, e pode não valer para outras pessoas. Quando compro, compro embalagens de 50g. Se eu comprar 200g, vou comer 200g. Em 03/07/2013 18:13, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  120. Br J Nutr. 2000 Mar;83(3):207-17.
    Modulation of immune function by dietary lectins in rheumatoid arthritis. Cordain L, Toohey L, Smith MJ, Hickey MS.
    Source
    Department of Health and Exercise Science, Colorado State University, Fort Collins 80523, USA. cordain@cahs.colostate.edu
    Abstract
    Despite the almost universal clinical observation that inflammation of the gut is frequently associated with inflammation of the joints and vice versa, the nature of this relationship remains elusive. In the present review, we provide evidence for how the interaction of dietary lectins with enterocytes and lymphocytes may facilitate the translocation of both dietary and gut-derived pathogenic antigens to peripheral tissues, which in turn causes persistent peripheral antigenic stimulation. In genetically susceptible individuals, this antigenic stimulation may ultimately result in the expression of overt rheumatoid arthritis (RA) via molecular mimicry, a process whereby foreign peptides, similar in structure to endogenous peptides, may cause antibodies or T-lymphocytes to cross-react with both foreign and endogenous peptides and thereby break immunological tolerance. By eliminating dietary elements, particularly lectins, which adversely influence both enterocyte and lymphocyte structure and function, it is proposed that the peripheral antigenic stimulus (both pathogenic and dietary) will be reduced and thereby result in a diminution of disease symptoms in certain patients with RA.
    PMID: 10884708 [PubMed - indexed for MEDLINE]
    Em 03/07/2013 18:39, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  121. Percebi que isso só acontece comigo quando começo o lanche por elas. Se as deixo mais para o final do lanche, consigo controlar a quantidade com muito mais facilidade.

    ResponderExcluir
  122. Sugestões de nutricionista funcional (rsrs): mastigue mais, coma mais devagar e tome 1 copo d'água junto para as fibras solúveis das castanhas absorverem água e aumentarem o volume no estômago...

    ResponderExcluir
  123. Patricia! Vi em um post do Dr Souto sobre uma receita caseira de Maionese sua, mas não abri na hora e não estou achando mais. Você poderia me passar?? Obrigada!!!!

    ResponderExcluir
  124. Como tudo que eu faço, a maionese de manteiga e azeite não é diferente, me perdoe! Eu faço tudo meio no olho, mas aí vai:

    3 gemas
    1 col sopa de Suco de Limão (ou vinagre)
    130g de Manteiga com Sal
    Azeite (mais de 100 ml)
    Sal e temperos a gosto.

    Faço assim:
    Derreter a manteiga no micro sem deixar ferver. Ou em banho maria. Na batedeira, ou no mixer (no liquidificador) bata as gemas com o limão até ficar cremoso e firme
    Acrescente a manteiga de colher em colher sempre batendo. Adicione lentamente o azeite, batendo sempre até ficar homogêneo e encorpado.
    Adicionar sal, orégano, pimenta, cominho, etc.

    ResponderExcluir
  125. Boa tarde, Dr Souto.

    O Sr. respondeu em alguns questionamentos a respeito de chocolates, que não haveria problemas em consumir uma pequena quantidade, de chocolates com 70% ou mais de cacau. Eu gosto bastante de chocolate, e estava consumindo de 25 a 50g por dia, o que chega a 16g de carboidrato (ou seja, perfeitamente dentro da minha faixa).

    Encontrei uma reportagem que ressalta um problema na fabricação dos chocolates brasileiros, onde o percentual de cacau indicado na embalagem não corresponde ao real. Eu próprio percebi isso consumindo chocolates, ao constatar que o 70% da marca Lindt (importado) é bem mais amargo que o 70% da Cacau Show, por exemplo. Não pretendo afirmar que este último é "falso", porém é algo a observar.

    A reportagem se encontra neste endereço:

    http://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2013/07/10/1-em-3-chocolates-nao-e-chocolate-real-por-falta-de-cacau-diz-produtor.htm?cmpid=cfb-economia-news&fb_action_types=og.recommends&fb_source=other_multiline



    Abraços.

    ResponderExcluir
  126. Vou postar isso
    Em 11/07/2013 14:59, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  127. Obrigada!! Vou fazer!

    ResponderExcluir
  128. Olá, Dr. Souto. Escutei o podcast 7 (A Verdade sobre os Carboidratos) no emagrecerdevez.com e gostei demais. Já, inclusive, indiquei para vários amigos e familiares. Mudou completamente minha concepção sobre carboidratos. Saber que, dos três macronutrientes, eles são os únicos que não são essenciais foi importantíssimo para mim, pois já mantinha uma dieta com poucos carboidratos, e, por isso, senti-me mais confortável com essa informação. Mas tenho uma dúvida.

    Vejo você falar muito bem do bacon, que eu também adoro comer. No entanto, apesar de saber que sua gordura (saturada) não faz mal, não o considero muito saudável, por ser uma carne processada e que contém conservantes (verificando seus ingredientes, é possível perceber isso) assim como a línguiça calabresa, que também é deliciosa. Portanto não seriam estes menos saudáveis que as carnes não processadas?

    ResponderExcluir
  129. Legal, Rodrigo!

    Sim, as carnes não processadas são melhores. Mas a sua dieta não será baseada em bacon, certo?

    Leia estas duas postagens:

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/04/o-pecado-da-carne.html http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/01/bacon.html


    Em 19 de julho de 2013 12:53, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  130. Dr. Souto, gostaria de uma opinião sobre meus exames antes e depois de iniciar a dieta low carb:
    Antes (exames feitos em Jan/13):
    Glicose: 85 mg/dl
    Triglicérides: 53 mg/dl
    Colesterol Total: 178 mg/dl
    HDL: 42 mg/dl
    LDL: 126 mg/dl
    VLDL: 10 mg/dl

    Depois (exames feitos em Jul/13)
    Glicose: 80 mg/dl
    Triglicérides: 48 mg/dl
    Colesterol Total: 254 mg/dl
    HDL: 57 mg/dl
    LDL: 188 mg/dl
    VLDL: 9 mg/dl

    Considerando o exposto nos posts de seu blog, entendo que os parâmetros mais importantes (HDL, glicose e triglicérides) estando bons, não há com o que se preocupar. É isso mesmo?
    Com relação ao nível de LDL, o que pode fazer com que ele se estabilize? Seria uma melhor distribuição entre gordura e proteína na alimentação diária (aumentar a gordura e reduzir a proteína, por exemplo)?

    Desde já agradeço sua atenção!

    ResponderExcluir
  131. Alexandre, repito aqui uma resposta que já dei outras vezes aqui no blog:
    Para cada 10 casos em que o perfil lipídico melhora, aparece um em que piora.

    Como não posso prescrever nada via internet, vou dizer o que eu faria COMIGO MESMO se EU tivesse esses exames:

    1) REPETIRIA. Não é raro que os resultados venham completamente diferentes. Esses dias atendi um paciente tinha colesterol total de 198 antes de iniciar a dieta; 1 mês depois estava em 101. Tudo bem que low carb costuma baixar o colesterol, mas 101?? Desconfiei, e repeti os exames: 156. Qual a verdade? A verdade é que não devemos confiar cegamente nestes resultados; a verdade é que o paciente havia perdido peso, sentia-se muito melhor, e que os exames são apenas complementares. Relembrando, eu repetiria o meu exame, se fosse comigo.

    2) Eu faria exames para detectar evidências de doença cardiovascular - o que quero é evitar essas doenças, e não apenas reduzir um número no papel. Especificamente, eu faria uma angio-tomografia das coronárias com escore de cálcio e um ecodoppler de carótidas. Se os exames viessem normais, eu os repetiria a cada 2 anos e não tomaria nenhum remédio independentemente dos níveis de colesterol - mas isso vale para MIM, que estou ciente dos riscos e benefícios dessa conduta, e cada um deve discutir isso com o SEU médico.
    3) Se eu me preocupasse muito com meu colesterol total (coisa que EU, pessoalmente, não me preocupo), eu modificaria minha dieta para uma dieta páleo rica em gordura monoinsaturada e ômega-3, e pobre em gordura saturada animal - isto parece ajudar muito o pequeno percentual de pessoas na população que é portador de uma variante genética (chamada APO-E4). Exemplo desta dieta seria uma dieta rica em abacate, azeite de oliva, nozes, salada, peixes (de preferências selvagens); evitaria manteiga e carnes gordas, e tomaria cápsulas de óleo de peixe todos os dias; e consumiria coco e óleo de coco (triglicerídeos de cadeia média são seguros nesta situação). Mas isso apenas se EU me preocupasse com colesterol total elevado.

    4) Repetiria os exames após estas mudanças. E adotaria outras alterações de estilo de vida no sentido de diminuir a inflamação crônica: corrigir níveis de vitamina D, praticar esportes, ajustar o sono, etc.

    6) Em hipótese alguma eu adotaria a dieta low-fat high-carb, a coisa mais deletéria já criada pela humanidade.

    Mas lembre-se, falo por MIM.


    Em 23 de julho de 2013 09:25, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  132. Tatiana de Oliveira Vendramin31 de julho de 2013 11:03

    Oi Patrícia, tudo bem? Já li em algum lugar aqui do blog que você ensinou como faz seu café com manteiga mas não consigo achar novamente, acho que foi nos comentário. Você poderia explicar novamente como faz seu café com manteiga? Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  133. Olá Tatiana.
    Não fui eu quem inventou a receita! Quem me apresentou a receita foi o Dr. Souto. As 'adições' eu fui testando e gostando!


    CAFÉ (OU CHÁ) COM MANTEIGA

    1 xícara de café ou chá (pronto ou pode fazer com o solúvel)
    ¼ de um tablete de manteiga (sem sal ou com sal,
    vai do gosto)
    Adoçante a gosto (ou não! Tem quem prefira sem.)
    Bata no liquidificador ou mixer. Se precisar, aqueça de novo no micro.

    Agora vai da sua criatividade e paladar! Pode adicionar:

    -Essências
    -Nata
    -Ovo (bater até ficar aerado e depois acrescentar a manteiga e o café)
    -Creme de leite (Nestlê de lata)
    -Cacau (no mínimo 70%)
    -Óleo de coco
    -Leite de coco
    -Canela...

    ResponderExcluir
  134. Iniciei a low carb a 2 semanas. Na primeira perdi 3kg e 5cm na cintura e barriga. Porém nessa semana (que vai encerrar segunda-feira 05/08) resolvi reduzir os carbs abaixo de 10g/dia para ter certeza de que havia entrado no estado cetônico. Porém a perda de peso e medidas estacionou. Não conto calorias nem a quantidade de proteína/gorduras. Alguma dica do que eu possa estar fazendo errado?

    ResponderExcluir
  135. O erro é ter pressa
    Em 03/08/2013 11:13, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  136. Torcendo muito para que o erro seja mesmo só esse. Parabéns pelo blog, comecei o "low carb life style" depois que li os post aqui. Textos com embasamento e bem argumentados não são fáceis de achar.

    ResponderExcluir
  137. Olá, entrei neste mundo ontem. Li muita coisa e ainda tenho duvidas básicas, pois alguns dizem q pode, outros nao. Frutas, adoro todas. O que devo evitar e quais posso abusar? Queijos? E a batata doce, li que poderia, mas depois de todas as portagens que li aqui, acho que nao posso comer. Ainda estou na fase de sentir fome, mas confiante que isto ira passar.

    ResponderExcluir
  138. Olá Patrícia

    Leia aqui:

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/o-que-comer-no-cafe-da-manha.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/prezado-dr-souto-este-alimento-e.html

    ResponderExcluir
  139. Dr. Souto Posso consumir mussarela?

    ResponderExcluir
  140. Claro
    Em 19/08/2013 18:17, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  141. Sidnei Leal Pércilla Mendes4 de outubro de 2013 22:54

    Dr. uma refeição com 2 bifes, OU 2 ovos, OU então 1 pedaço grande de frango, é considerado muita proteína no dia realizando duas refeições dessa forma (almoço e jantar)?
    Estou tendo mta dificuldade em emagrecer, mesmo restringindo os carbos ao máximo, não comendo nenhuma fruta (apenas coco e abacate) e comendo as gorduras boas (manteiga, azeite, leite de coco).
    Será que estou comendo mta proteína? Melhor diminuir pra 1 bife apenas ou então 1 ovo?

    ResponderExcluir
  142. Não me parece muita proteína.

    Quanto tempo desde o início?

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 04/10/2013 22:54, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  143. Sidnei Leal Pércilla Mendes5 de outubro de 2013 20:13

    Boa noite Dr. Estou há 2 meses com a nova alimentação... + o ponteiro da balança e a fita métrica não querem me ajudar rsss...

    ResponderExcluir
  144. Veja se vc se enquadra em alguma dessas situações:

    http://www.marksdailyapple.com/17-reasons-youre-not-losing-weight/

    http://www.marksdailyapple.com/9-more-reasons-youre-not-losing-weight/

    ResponderExcluir
  145. Sidnei Leal Pércilla Mendes7 de outubro de 2013 11:32

    Vou verificar Dr. mto obrigada pela atenção!

    ResponderExcluir
  146. Dr., acho que consegui o impossível e às vezes tenho receio de estar consumindo excesso de gorduras, mesmo as boas... Por exemplo, meu café sempre tem uma colher de manteiga e uma de óleo de coco, e o tomo umas 3 vezes ao dia! Também virei fã de torresmo e bem que tento diminuir, mas como quase todos o dias e pelo menos uma vez na semana faço um "chocolate" com manteiga sem sal, oleo de coco e uma pitada cacau em pó 100% sem açúcar; também sou acostumada a comer uma lata inteira de atum em óleo numa refeição. Não estou engordando, mas sempre fico meio com a pulga atrás da orelha por minhas quantidades de gordura serem bem superiores ao recomendado por Atkins no livro e por ver que a maioria das pessoas nem consegue comer isso tudo de gordura que como... Enfim, o que o senhor acha? Desencano ou realmente estou ingerindo gordura demais?

    ResponderExcluir
  147. Está travando o emagrecimento? Se não, eu não acho demais.


    Em 7 de outubro de 2013 16:16, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  148. Não notei nenhum tratamento significativo, a perda de peso está mais lenta, mas acredito que seja porque já perdi 14kg e estou bem próxima do meu peso desejado! A resposta do senhor é um alívio pra mim, hehehe! Acabei de receber um olhar de espanto de um garçom ao pedir um expresso e uma porção de manteiga! Mal sabe ele a delícia que é!
    Muito obrigada pela resposta, doutor!

    * o senhor tem alguma ressalva em relação à canela? Acredito que seja paleo, mas resolvi perguntar só por desencargo de consciência!

    ResponderExcluir
  149. Muito bom Roberta!

    Canela e temperos naturais em geral são todos aceitos. A canela ajuda a baixar a Glicemia.

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 07/10/2013 20:16, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  150. Doutor, eu tenho uma dúvida...

    Faço uma dieta low carb e paleolítica dentro de um plano de jejum intermitente. Faço apenas 1 refeição por dia.

    Como o meu gasto calórico diário com exercícios físicos é muito grande, na minha única refeição de noite eu consumo facilmente 4000kcal ou mais, dividida aproximadamente da seguinte maneira:

    075g~100g carboidratos
    100g~125g proteínas
    350g~400g gorduras (das quais 175~200g saturadas)

    Meu peso tem se mantido estável.

    Há algum risco cardíaco com esse alto consumo de gorduras saturadas?

    ResponderExcluir
  151. Sei que pela lógica não faria mal, mas é que 200g de gorduras saturadas por dia não é pouco e isso me causa uma certa preocupação. As principais fontes de gordura na minha dieta são: carnes, queijos, manteiga, creme de leite, abacate, coco ralado e azeite.

    ResponderExcluir
  152. Olá Rogério,

    Não oferece nenhum risco. Pra você acabar com suas dúvidas:

    Falar em gordura animal e gordura vegetal, do ponto de vista químico e biológico, simplesmente não faz NENHUM sentido
    http://lowcarb- paleo.blogspot.com.br/2013/03/gordura-vegetal-versus-gordura-animal.html



    Gordura saturada não merece sua má reputação, diz revista da Sociedade Americana de Nutrição
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/06/gordura-saturada-nao-merece-sua-ma.html

    E se a gordura na verdade for boa para você?
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/11/gordura-saturada-revista-mens-health.html

    Carbs e o coração: MAIS evidências de que os carboidratos refinados, e NÃO as gorduras, ameaçam o coração.
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/01/scientific-american-carboidratos-e-nao.html


    Este estudo foi o prego final no caixão das dietas de restrição de gordura. a dieta de redução de gorduras estava matando cerca de 30% a mais, e foi considerado anti-ético continuar o experimento.
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/03/dieta-pobre-em-gorduras-mais-derrames.html


    como comer mais gordura do que proteína?
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/06/prezado-dr-souto-como-comer-mais.html

    ResponderExcluir
  153. O conceito de consumo "muito alto" de gordura simplesmente não faz sentido para mim.

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 09/10/2013 03:46, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  154. Muito obrigado pelo esclarecimento Patrícia. ;)

    ResponderExcluir
  155. Muito obrigado pelo esclarecimento, doutor. E não posso deixar de parabenizá-lo pelo blog, descobri nesta semana e estou impressionado com a qualidade das informações que aqui encontro.

    ResponderExcluir
  156. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 17:33

    Olá dr Souto! Pesquisei pela net sobre a lecitina e li que a gema do ovo é uma das fontes naturais (além da soja e leguminosas). É verdade? Como muitos ovos atualmente, e quero tirar 100% da lecitina para resolver meus problemas autoimunes. Obrigada!

    ResponderExcluir
  157. A do ovo não tem problema, a não ser para algumas pessoas que são especificamente intolerantes ao ovo.

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 23/10/2013 17:33, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  158. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 17:43

    Ah, que alívio... Eu até já imaginava que o ovo por ser um alimento tão inteligente da Natureza devia ter alguma maneira de anular os malefícios deste elemento... mas queria ter certeza.. Obrigada

    ResponderExcluir
  159. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 18:28

    Dr Souto, e a lecitina nos vegetais como repolho e couve-flor? são em quantidades muito baixas ou devo evitar? também li que tem no peixe e carne de vaca mas acho que isso nem deve ser verdade. obrigada

    ResponderExcluir
  160. O problema são as dos grãos

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 23/10/2013 18:28, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  161. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 18:50

    ótimo, obrigada!gostaria de entender mais o funcionamento desta lecitina, principalmente porque em alguns alimentos ela é nociva e outros não..! se vc souber alguma leitura para me indicar...!

    ResponderExcluir
  162. http://paleo.com.au/2013/05/lectins-the-paleo-diet/

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 23/10/2013 18:50, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  163. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 19:10

    perfeito, adorei o site. No texto diz que as nuts têm lecitina e têm que ser consumidos sem exageros, mas eu consumo bastante, principalmente amendoa, uns 100g todos os dias. deveria diminuir? observação: deixo de molho para germinar. obrigada

    ResponderExcluir
  164. Eu acho q não tem problema. Nozes (ao contrário de feijão ou amendoim, por exemplo) podem ser consumidas cruas, e fazem parte da dieta ancestral.
    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 23/10/2013 19:10, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  165. Camila R Marquetto Saikoski23 de outubro de 2013 19:45

    legal, obrigada!

    ResponderExcluir
  166. Óleo de linhaça, de chia e de gergelim podem fazer parte da dieta?

    ResponderExcluir
  167. Prefira banha, manteiga, óleo de coco e azeite de oliva.

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 09/12/2013 10:38, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  168. Dr, como sei que estou consumindo mais proteína do que deveria? Qual o prejuízo desse consumo alto ao organismo? Obrigada.

    ResponderExcluir
  169. Se a pessoa não estiver tentando fazer isso (tentar é comer claras de ovo, whey em pó, vários peitos de frango seco, etc), é difícil que ocorra - proteínas são muito saciantes. Mais de 600 cal de pura proteína podem produzir mal estar por excesso de amônia (o fígado produz amônia ao processar os aminoácidos que sobram).


    2014/1/10 Disqus

    ResponderExcluir
  170. Dr, falando em sede, TODOS dizem que eu bebo pouquíssima água. Se eu for tomar suco, refrigerantes, até consigo ingerir bastante líquido, mas água mesmo, além de dificilmente sentir sede, quando me forço a beber, rapidamente a água "não desce" mais. O que fazer? Ouço por todos os lados que tenho que beber ao menos 2l de água por dia, me lembram de todas as doenças que a falta de água pode causar. E então, qual a recomendação? Seguir minha "sede", o que leva a consumir bem pouco, ou me "forçar" a beber ao menos 1l ou 1,5l de água por dia?

    ResponderExcluir
  171. Siga a sede, a não ser que vc tenha cálculos renais (nesse caso, 2l)

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 12/01/2014 18:09, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  172. Dr., tenho uma pergunta! Eu posso comer quanta gordura eu quiser (claro, se eu sentir fome)? Porque eu estou no início da dieta e fiquei com medo de comer gordura de menos, então eu coloco umas 3 colheres de sopa de azeite em tudo que eu como, inclusive a carne. Mas não sei se estou fazendo isso certo! Pode me esclarecer? Obrigada!

    ResponderExcluir
  173. Olá Ana,

    Não tenha medo! As boas gorduras são os melhores alimentos para garantir a saciedade: óleo de coco, manteiga, banha, abacate, bacon, azeite. Experimento o café/chá com manteiga quando tiver fome, sustenta como uma refeição!

    CAFÉ (OU CHÁ) COM MANTEIGA

    1 xícara de café ou chá (pronto ou pode fazer com o solúvel)

    ¼ de um tablete de manteiga (sem sal ou com sal, vai do gosto)

    Adoçante a gosto (ou não! Tem quem prefira sem.)

    Bata no liquidificador ou mixer. Se precisar, aqueça de novo no micro.

    Essa receita é a básica, mas vai da sua criatividade e paladar! Pode adicionar e bater:

    -Essências

    -Creme de leite (Nestlê de lata)

    -Nata

    -Cacau (no mínimo 70%)

    -Óleo de coco

    -Leite de coco

    -Canela

    -Etc...

    ResponderExcluir
  174. Dr.Souto, fiz check-up e deu tudo normal (glicose 83mg/dL, colesterol total 178mg/dL, ausência de glicose na urina). Minhas únicas dúvidas são quanto aos corpos cetônicos, que deu 40mg/dL(++) e densidade 1034. Tudo certo esse valor de c.cetônicos? Essa densidade indica que devo me "forçar" a beber mais água? Li que valores próximos a 1035 indicam desidratação =/

    ResponderExcluir
  175. Exato. Beba mais água. E se vc está em cetose é normal ter cetonas na urina.

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 31/01/2014 18:10, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  176. Obrigado! Não tinha visto esse
    ... como tem coisa boa aqui!

    ResponderExcluir
  177. Dr. Souto, faz quase um ano que tento seguir as diretrizes páleo, mas geralmente não consigo, porque me falta força de vontade (principalmente final de semana, quando coloco em xeque todo o trabalho da semana, comendo muitos carboidratos).
    Bem, mas estou falando isso porque, depois de muito tempo, consegui entender, finalmente, que na verdade a chave não são as proteínas, mas sim as gorduras ingeridas (sei que o senhor dever estar rindo de mim agora, por ter demorado tanto para chegar a esta conclusão óbvia).
    Diante disso, depois de mais de 1 ano estagnado (não consigo emagrecer), resolvi fazer um teste e hoje faz três dias que estou comendo somente gorduras (mais ou menos umas 8 colheres de óleo de coco por dia), além do amido resistente, e mais nada (0 carb, 0 proteína).
    Resultado: quase 3 kg a menos!
    Me sinto muito saciado, muito alerta, muito disposto, mas tenho dúvidas se isso é saudável!
    Além do que, tenho dúvidas quanto a sustentabilidade a longo prazo (com o objetivo de perda de peso).
    Fique claro que não pretendo manter isso, e que apenas fiz para testar meu corpo, bem como o conceito da essencialidade da gordura.
    Bem, qual a sua opinião, por favor!?

    ResponderExcluir
  178. Tiago, isso é um jejum. Pode ser feito de vez em quando, quem sabe umas 2x semana. Chama-se "fat Fast", ou jejum de gordura.

    Mas não vai resolver enquanto vc não resolver a compulsão dos finais de semana, tá certo? Esse entusiasmo que vc sentiu agora com o fato de ter pedido peso com o fat fast, se vc der oportunidade à low carb, vc terá com a dieta, por ver RESULTADOS. E, vendo os resultados, será muito mais fácil não pisar na bola no final semana. Tente fazer bem certinho por 4 semanas, e veja se não vira um hábito para a vida toda, ok?

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 03/04/2014 10:56, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  179. Muito grato Dr. Souto! Fico feliz com a atenção que o senhor dispende às pessoas que lhe solicitam! Minha meta é entrar em cetose, para aí, sim, colher os benefícios desse estilo de vida.

    ResponderExcluir
  180. 5) Para algumas pessoas, reduzir a gordura pode ser interessante - mas varia. Para mim, por exemplo, são muito saciantes. Há que testar.


    Baseado nesse item, se provado que, para aquela pessoa, proteina for mais saciante que gordura, não há problema em fazer LowCarbLowFatHighProtein?
    Maior percentual de calorias vir de proteínas?

    ResponderExcluir
  181. Olá Patrícia,

    Você conhece óleo de coco de Licuri?

    Parece ter as mesmas propriedades do de coco de praia e é bem mais barato.

    http://www.licuribrasil.com.br/produtos/OLEO-DE-COCO-DE-LICURI-5-LITROS.html

    http://www.portaldebeleza.com/2013/10/oleolicuri.html

    ResponderExcluir
  182. Eu sei que a quantidade de proteína deve ser de no máximo 2,0g por kg corporal, mas e quanto a quantidade mínima de proteína? Tem problemas comer um valor bem abaixo disso?
    Eu tenho 58kg, e to comendo entre 70 e 75% das calorias em gordura, mas pelas calorias que tenho buscado comer, acabam restando só entre 45 e 50g de proteína por dia, menos que 1g por kg corporal. (e de 18 a 25g de carboidratos).
    Eu não quero ganhar massa muscular mas também não queria perder. Não exagero nos exercícios (faço principalmente pilates e ballet clássico e um pouco só de aeróbico), essa quantidade de proteína é muito pequena ou em um contexto de uma dieta Paleo alta em gordura é o suficiente?

    ResponderExcluir
  183. Mínimo deve ser 0,8/kg

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 05/06/2014 23:02, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  184. Mestre dos mestres,


    Se o cara tem 100Kg, logo ele deveria ingerir no mínimo 80gr e no máximo 200gr de proteínas diárias.


    Esse "máximo" seria tipo 2 bifes de 100 gramas, cozidos, de qualquer carne, no máximo, por dia?

    ResponderExcluir
  185. NÃO! 30g de bife são 7g de proteína

    Dr. Jose Carlos Souto, M.D.
    Sent from Android phone
    Em 06/06/2014 12:31, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  186. Dr. Souto o que você me diz sobre o consumo de leite? Existem alguns profissionais que defendem a não ingestão do mesmo, tendo em vista que nós somos os únicos mamíferos e continuam tomando leite na vida adulta, e ainda de outra espécie. Qual a sua opinião quanto à esta questão?

    ResponderExcluir
  187. Primeiramente, obrigada pelo retorno. Ainda sobre o leite, no livro "Leite: alimento ou veneno?" de Robert Cohen diz que o leite aumenta o pH estomacal e com isso inativa a pepsina, assim o IGF-I proveninte desse leite seria melhor reconhecido pelo nosso organismo. O autor também compara com a carne vermelha descrevendo que com a ingestão desta não teria o mesmo efeito, porque não atuaria da mesma forma sobre o pH. Também é falado sobre o tratamento das vacas com rBGH para aumentar a produção de leite e com isso aumentando o IGF-I. O livro é de 1997, mas possui argumentos convencentes ao meu ver. Qual sua opinião quanto isto?

    ResponderExcluir
  188. Já respondi. Todos os estudos de grande porte, em humanos, mostram benefícios à saúde. As teorias é que tem que se dobrar aos fatos e não os fatos às teorias. Mas você pode comer low carb sem laticínios.

    P.S.: eu defendo o uso de laticínios FERMENTADOS, não de leite puro.

    Sent from mobile phone
    Em 27/06/2014 21:39, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  189. Eduardo Rasche da Motta29 de junho de 2014 15:12

    Olá.

    Compartilho este link, que divulga o filme "Cereal Killers" onde mostra a jornada muito bem sucedida de um Sul Africano para reverter sua tendência genética de inflamação sistêmica ao seguir basicamente o que é divulgado neste sáite. Não achei legendado, e é possível que não consigam abrir aí, pois a coisa talvez seja restrita a alguns países, como já verifiquei em outros casos. Mas acho que deve ser possível se alguém aí souber como modificar a localização interna do computador, i.é. fazer a máquina pensar que está na américa no norte.
    Aqui: http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2014/06/28/cereal-killers-movie.aspx?e_cid=20140628Z1_PRNL_art_1&utm_source=prmrnl&utm_medium=email&utm_content=art1&utm_campaign=20140628Z1&et_cid=DM47213&et_rid=567289540

    Para os gaúchos: chimarrão, cobertor e guarda-chuvas, e boa diversão ;c)


    Saudações boreais;


    Eduardo

    ResponderExcluir
  190. Dr e quanto a saude entupimento de veias colesterol trigliceridios complicasoes de prescao em fim existe algum efeito colateral

    ResponderExcluir
  191. Olá Ezio,

    leia: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/11/colesterol-ix-documentario-australiano.html

    ResponderExcluir