Colesterol V – causa e efeito versus associação

Às vezes temos a impressão de que a ciência já desvendou quase tudo, que os livros de bioquímica e fisiologia contém toda a verdade destilada. Tal impressão é, asseguro-lhes, resultado da ignorância e não do conhecimento. Eu já trabalhei com pesquisa básica em um laboratório de biologia molecular nos EUA, e posso afirmar que as … Leia mais

Colesterol IV

A quantidade de perguntas sobre colesterol atingiu uma massa crítica nos últimos dias. Eu entendo o receio das pessoas, mas não consigo deixar de me indignar quando recebo perguntas do tipo “Eu estou seguindo uma dieta páleo low carb há 6 meses, perdi 15 Kg, me sinto ótimo, minhas enxaquecas passaram, não sinto mais fome … Leia mais

Colesterol III

Nos post anteriores, vimos como a teoria lipídica da doença cardiovascular surgiu da combinação da extrapolação de estudos em coelhos e de estudos epidemiológicos incrivelmente mal feitos. Como seria de se esperar, as hipóteses levantadas foram amplamente submetidas a testes, através de grandes estudos envolvendo milhares de pacientes. Os resultados? MRFIT (Multiple Risk Factor Intervention … Leia mais

Colesterol II

No post anterior, discutimos sobre a a origem da teoria lipídica da doença cardiovascular. Era 1957, e a American Heart Association publicava o seguinte artigo: O seguinte trecho, na conclusão do artigo, é significativo pois demonstra que a teoria lipídica não passava disso, uma TEORIA, e que não se justificava mudar a dieta de um … Leia mais

Colesterol I

Há muitos meses tenho pensado em escrever sobre este assunto espinhoso. Mas, enfim, chegou a hora de desmontar mais alguns mitos. Serão provavelmente vários posts. E este primeiro post tentará responder a pergunta mais básica: de onde veio a ideia de que colesterol elevado é uma coisa ruim? Sim, eu sei, há 40 anos “sabemos” … Leia mais

Afinal, a gordura faz mal? Considerações sobre a teoria lipídica da doença cardiovascular

A teoria lipídica da doença cardiovascular é parte tão integrante da nossa cultura, do saber médico e do imaginário popular, enfim, do paradigma de saúde vigente, que questioná-la parece produto de ignorância ou picaretagem. Mas, se você chegou a este post lendo todos os anteriores, já está acostumando-se à postura cética com relação aos paradigmas, … Leia mais