quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Quais frutas comer, e em que quantidade?

Carnes (de qualquer tipo) e hortaliças podem ser consumidas em qualquer quantidade, de acordo com a fome. Mas e as frutas? Resulta que o assunto frutas é mais complexo do que parece à primeira vista. E os autores divergem em suas recomendações. O Dr Loren Cordain, por exemplo, recomenda consumir frutas à vontade, pois são saudáveis, ricas em nutrientes, e dificimente seriam consumidas além da conta. O Dr. Atkins eliminava completamente as frutas das fases iniciais de sua dieta. Robb Wolf considera as frutas como as "guloseimas da natureza", que devem ser consumidas em pequenas quantidades, e de forma esporádica. Como conciliar estas opiniões? Afinal, nossos antepassados paleolíticos não consumiam frutas? Bem, vamos abordar estas questões uma a uma.


  1. As frutas do paleolítico não são as mesmas de hoje. A humanidade, por milhares de anos, selecionou, através de cruzamentos seletivos e outras técnicas, as frutas com maior quantidade de açúcar e, portanto, mais saborosas. Basta comparar frutas silvestres com as variedades cultivadas, e você verá imediatamente que as frutas silvestres são muito menos doces, menores e mais ácidas. E, não por acaso, muito mais ricas em nutrientes. Nunca subestime o poder dos cruzamentos seletivos induzidos pelo ser humano. Lembre-se de que o mesmo processo permitiu ao ser humano criar um poodle a partir de um lobo em poucos séculos. Uma laranja de umbigo está para uma fruta silvestre assim como um poodle está para um lobo.
  2. As frutas do paleolítico não estavam disponíveis em grande quantidade, e no ano inteiro. Às vezes nos esquecemos, mas não havia pomares nem mercados no paleolítico. As pessoas consumiam algumas frutas silvestres, e não 3 potes cheios de salada de frutas (modernas e doces). E o faziam apenas quando encontravam uma árvore frutífera. E o faziam apenas na época em que havia frutas. Sim, pois temos de lembrar que não havia frigoríficos no paleolítico, de modo que as pessoas consumiam frutas frescas de forma sazonal, e não todos os dias, o ano inteiro.
  3. As frutas não são todas iguais. Há frutas com grande quantidade de açúcar e pouca fibra, e há frutas muito nutritivas e com baixo índice glicêmico.
  4. As pessoas não são todas iguais. Há pessoas diabéticas, que precisam evitar o açúcar. Há pessoas que precisam perder muito peso ou que tem dificuldade para perder peso, para as quais alimentos que elevam a insulina (é o caso de algumas frutas muito doces) serão contraproducentes. Há outros pacientes que desejam fazer uma dieta paleolítica apenas para melhorar a sua saúde e bem estar, mas que não precisam perder muito peso e para as quais não há necessidade de restringir nenhuma fruta.

Confuso?? Sim, é realmente um assunto complexo. Vamos tentar simplificar ao máximo, com as seguintes regras gerais:


  1. Se você não precisa perder peso, e apenas quer melhorar sua saúde com a dieta páleo: consumir frutas à vontade (juntamente com carnes, ovos e hortaliças).
  2. Se você precisa perder peso ou já tem resistência à insulina (glicose no sangue já se alterando, mas ainda sem diabetes), consumir frutas com moderação, sabendo-se que as seguintes frutas são as que menos alteram a glicose e a insulina:



  • Morangos, Mirtilo (blueberry), framboesas, amoras, pitangas são as frutas que menos contém açúcar
  • Ameixas, melão, pêssegos e nectarinas, laranjas, bergamotas, maçãs, peras e papaya contém níveis moderados de açúcar. E nesta ordem (ameixas e melão contém menos açúcar)

- As seguintes frutas contém muito açúcar, devendo ser consumidas em pequenas porções, ou por pessoas que tolerem uma quantidade maior de carboidratos: bananas, figos, uvas, manga, abacaxi e melancia. Mas lembre-se, é tudo uma questão quantidade. Uma bergamota ou um pedaço de mamão (ao invés de uma metade inteira) terá pouco impacto. Já uma única banana, por exemplo, contém cerca de 24g de açúcar.
Na minha opinião, as frutas vencedoras são os morangos. Saborosos, nutritivos, disponíveis. Para consumir a quantidade de açúcar de uma banana, você precisaria comer 25 morangos! E a carga de nutrientes seria muito maior. Uma sobremesa deliciosa (que embora não seja páleo, é de baixo carboidrato) são frutas vermelhas com nata doce (adoçada com adoçante, evidentemente; sugiro sucralose).
Ameixas e pêssegos são boas opções para sobremesas. Estou falando das frutas naturais, e não de conservas ou ameixas secas.

Frutas não são bons lanches. Pelo mesmo motivo que você não deve beber de estômago vazio (o álcool é absorvido mais rapidamente), você não deve comer frutas de estômago vazio (o açúcar no sangue vai subir mais rapidamente, e você vai ficar com FOME 1 ou 2 horas depois, quando o açúcar no sangue baixar). Lanche low carb é feito de proteína e gordura (queijo, presunto, salame, etc.).

Não poderia deixar ainda de mencionar as frutas virtualmente SEM açúcar: abacate e coco. Um abacate inteiro tem o açúcar de 2 ou 3 morangos. Você pode raspar o interior de um abacate, colocar num xícara com um pouco de limão e umas gotas de adoçante (sucralose) e está feita a sobremesa/lanche. O mesmo vale para o coco. Tome cuidado para comprar coco ralado não adoçado! Você pode misturar com leite de coco, adoçar com sucralose, e você terá uma cocada low carb.

503 comentários:

  1. Já faz algum tempo, eu estava precisando controlar a pressão arterial, pois na época já estava passando do aceitável, então meu cardiologista disse que se eu emagrecesse uns 10 kg bastaria para minha pressão normalizar e eu não precisaria começar a fazer uso de remédios.
    Como eu tenho muita dificuldade para emagrecer, ele pediu que durante uma semana eu anotasse tudo que comia para depois fazermos um controle simples, pela quantidade.
    Assim foi feito, baseado no consumo daqueles alimentos que eu gostava ele me ajudou a fazer uma tabela limitando a quantidades de calorias que eu poderia ingerir diariamente, para que então eu conseguisse emagrecer 10 kg, dos 90 que eu estava, em 3 meses.
    Mas o interessante foi que, tendo em vista que eu adoro bergamota, ele disse que se eu então tivesse fome eu poderia comer bergamota a vontade, desde que a comece com bagaço, nunca só suco, pois a energia que eu gastaria para digeri-las praticamente anularia as calorias que elas me dariam a mais e eu ficaria saciado.
    Assim fiz, ficava com muita fome e diariamente comia bergamota até que passasse a fome. Umas 20 ou 30 bergamotas eu comia numa sentada só.
    Resultado, em dois meses e pouco, a cor da minha pele estava amarela, fiquei preocupado, as pessoas começavam a me olhar estranhamente, parecia que eu estava com hepatite. O médico disse que eu não me preocupasse que era apenas caroteno, só devia evitar o sol se não quisesse ficar negro.
    Bem, com tudo isso, não levou nem os 3 meses para eu emagrecesse os 10 kg pretendidos. Depois até brincamos, inventamos o Regime da Bergamota.
    Claro que, com o passar dos anos, como não fiz a devida reeducação alimentar, ganhei novamente os dez quilos e mais outros dez.
    Ainda estou com o mesmo cardiologista e agora tomo remédio para controlar a pressão. Ele ainda brinca, por que eu não faço novamente o regime da bergamota para baixar agora uns 20 quilinhos e daí podermos parar com os remédios. Só que agora acho que ta mais difícil, não consigo ficar com aquela fome e complementar só com bergamota.
    Bom, mas toda essa história foi para dizer, que no meu caso, emagreci bastante e rápido consumindo bergamota a vontade. Toda semana comprava na feira uma caixa (~18kg) de bergamota tipo Montenegrina e consumia toda ela praticamente sozinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Marcos: muito interessante o seu relato. Veja bem, uma dieta low carb não é a única forma de se perder peso. Tenho experiência própria de ter perdido 17 Kg no passado fazendo uma dieta de restrição calórica severa (algo como 1300 Kcal/dia por meses). Acontece que me sentia péssimo, tinha fome o tempo todo, perdi massa muscular, e engordei novamente 10 Kg dos 17 perdidos, pois não consegui passar fome indefinidamente. Assim, é inegável que com a dieta da sopa (ou da bergamota :-) ou seja lá que restrição severa for feita, a pessoa perderá peso.

      Quando tentei perder peso novamente, 10 anos mais velho e 10 Kg mais gordo, já não conseguia mais (vamos ficando mais resistentes à insulina com a idade). Foi quando comecei a estudar o assunto deste blog. A perda de peso foi extremamente rápida, sem NENHUMA fome. Isso já faz mais de ano, e sigo com o peso absolutamente estacionado num IMC de menos de 22 (tendo recuperado a massa muscular, pois não faltam calorias e proteína na dieta páleo). Como todos os dias o quanto quero e quantas vezes eu quero. Sempre. Todos os dias. Vou te dar o cardápio de hoje: Café da manhã: omelete com 3 ovos de galinha caipira; almoço: bife de frango na manteiga, couve refogada com cebola e pedacinhos de bacon, salada verde com tomate e azeite de oliva; sobremesa: um pote de salada de frutas (sim, frutas!). Até as 18 horas não comi nada (e nem senti fome). Às 18 horas comi um punhados de amêndoas e uma fatia de queijo minas padrão. Repeti o queijo, pois estava ótimo. Fiz rapidamente uns bifes de frango novamente para janta, pois queria comer algo antes de levar as crianças no cinema. Nada mal hein? Quantas calorias eu comi? NÃO SEI. Não me interessa. É o mesmo que perguntar quantas vezes eu respirei, quantas vezes meu coração bateu. Comi o quanto quis para matar minha fome. É a assim com uma dieta de baixo carboidrato - a fome regula a comida, da mesma forma que a sede regula a água. Por quanto tempo posso fazer isso? Comer à vontade? Para sempre!

      Marcos, vc deve fazer aquilo que funcione melhor para vc. Apenas sugiro, se vc quiser, que faça uma tentativa de dieta low carb (4 semanas para sentir bem os benefícios), pois é mais fácil e mais saudável do que a maioria das dietas e, principalmente, sustentável no longo prazo. Outra coisa importante é que os efeitos metabólicos da restrição de carboidratos são imediatos - em menos de 4 semanas a glicemia normaliza, os triglicerídeos caem muito, a pressão baixa, muito antes de haver uma perda significativa de peso. O motivo? Vc precisa emagrecer bastante para diminuir sua resistência à insulina. Mas quando vc faz uma restrição (a sério) de carboidratos, em poucos DIAS sua insulina está baixíssima, e isto produz imediatamente os benefícios acima.

      Abraço e boa sorte!

      Excluir
    2. Obrigado pelas dicas. O que não é fácil é largar o pão, mas já comecei a reduzir bastante e compenso na carne, verduras e legumes. Em uma semana e pouco parece que já se foram uns dois quilinhos.
      Eu conheci esse teu blog pelo meu filho que me recomendou, por ser em português fica bem mais fácil. Para ele que é adepto da Dieta Páleo já faz alguns meses o resultado está sendo bárbaro. Já perdeu vinte e poucos quilos e está se sentindo ótimo.
      Eu ainda estava meio duvidoso, pois parece que vai contra tudo aquilo que a gente aprendeu a vida toda sobre uma boa alimentação.
      Mas realmente parece que a coisa está certa e o importante é que se consegue continuar comendo todos os nutrientes necessários para o corpo com um resultado tão bom e rápido para eliminar as gorduras.
      Bom, com certeza eu chegarei lá!
      Abraço!

      Excluir
    3. Que história incrível esta do seu filho, não? De fato, há várias maneiras de se perder peso, mas nem todas são saudáveis. No caso da dieta paleolítica, temos as evidências científicas (http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/os-estudos-cientificos-confirmam.html) aliadas à logica: é auto-evidente que uma dieta baseada no que a nossa espécie come a milhares de gerações tem alta probabilidade de ser saudável, pois é a ela que nos adaptamos no sentido darwiniano to termo.

      Excluir
  2. Doutor José Carlos tenho uma duvida. quero começar em breve uma dieta low carb pra perder peso, posso incluir amendoim e outros tipos de castanhas na minha alimentação? fiquei em duvida porque vi a tabela nutricional e o amendoim tem 2,5 g de carboidrato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Bom, para perder peso numa dieta low carb, eu acho interessante fazer 2 semanas de um período de indução, com não mais do que 20 ou 30 gramas de carboidratos, a fim de "obrigar" o corpo a queimar gordura como fonte de energia (até por falta de opção!). Neste período, é necessário contar carboidratos, e algumas gramas podem fazer diferença. Assim, 3 ovos têm zero gramas de carbs. Já um punhado de castanhas terá umas 5 gramas. Dá para comer castanhas? Até dá, desde que sejam poucas - faça as contas, e some os carbs durante o dia para não ultrapassar seu limite diário.

      Depois que você já estiver perdendo peso de forma significativa, pode começar a acrescentar carbs (como castanhas por exemplo); se vc continuar perdendo peso, sabe que aquela quantidade de carbs é aceitável. Vá fazendo isso até descobrir qual o seu limite. Para algumas pessoas, 100 gramas de carbs por dia são aceitáveis; outras não podem passar de 40. Cada pessoa é diferente, e precisará ajustar a quantidade de carbs para o seu próprio metabolismo.

      Se vc quer um esquema muito fácil para seguir, vá em www.estantevirtual.com.br e compre uma edição usada (não está mais à venda em Português) de A Nova Dieta Revolucinária do Dr. Atkins.

      Excluir
    2. Doutor, vale ressaltar que o amendoim é um legume e não uma castanha (aí a razão porque tantas e tantas pessoas tem alergia, pela mesma razão que muitos são alérgicos à lactose, por não estarmos geneticamente preparados para comer-los). Pelas minhas pesquisas, amendoim nao seria considerado "Paleo-friendly".

      Excluir
    3. De fato, o amendoim é tecnicamente um legume e dos mais alergênicos. Mas, no cinema, é melhor do que Bibs. Eu, pessoalmente, não como pelo motivo que vc colocou.

      Excluir
  3. Obrigada!Já encomendei o livro!

    ResponderExcluir
  4. E eu que pensava que nunca mais iria perder peso... há 4 meses quase não consumo carboidratos e como carne, ovos, manteiga, óleo de coco, bacon, iogurte integral e saladas. De vez em quando uma maçã ou uma banana. Perdi 8 kg "and counting".

    Esta semana vou (re) iniciar os meus exercícios de baixa duração e alta intensidade (o P.A.C.E criado pelo médico Al Sears, MD) e espero perder mais do que os 6kg que perdi nos últimos dois meses. Confesso que ainda fico meio assustado em comer bacon - por exemplo - pois não se mudam os paradigmas de anos e anos em poucos meses. Mas não tem quem me faça parar de me alimentar desta forma. Não é dieta. É mudança de vida. E aguente os céticos dizendo coisas como "quero ver você manter o peso depois que emagrecer" e aqueles que dizem que é loucura comer alta gordura.

    No mais, precisamos de mais médicos low-carb. Quem sabe o Brasil consiga barrar a epidemia de obesidade que está por vir e não se tornar um novo EUA neste sentido.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns, Maurício. Na minha vida pessoal, já passei por esta fase em que os "amigos" te criticam. Com o tempo, vai chegar a fase em que eles te perguntam qual é o segredo - continue firme.
      Quanto à fobia da gordura, bem, imagina como eu me senti como médico tendo que mudar todo o paradigma que rege a minha própria profissão. Te confesso que, no início, fiz exames de laboratório antes e depois, pois mesmo já tendo estudado muito sobre o assunto, ainda tinha dificuldade em realmente me convencer de que não estava "me matando". Levei alguns meses para perder realmente o medo da gordura. Hoje, como um pote inteiro de nata, sem culpa nem receio. Meu HDL está superior a 80, meus triglicerídeos em torno de 70, e mantenho um IMC de 22 há mais de um ano, sem NUNCA passar fome. Isto, meu amigo, não tem preço. De fato, é uma mudança permanente de estilo de vida.

      Excluir
  5. Prezado Doutor Jose Carlos

    Hoje tenho 45 anos. Sempre fui pesado (minha estrutura ossea é grande) e sempre lidei com dificuldade de manter o peso. Até os 40 anos eu era muito ativo fisicamente e dessa foram controlava razoavelmente a tendencia a aumentar o meu peso. A partir dos 40 anos, meu peso disparou. Já fiz varias dietas (herbalife inclusive). Já busquei ajuda nutricional mas nada funcionou até agora. Coisa de 3 anos eu começei a ter pressão alta e comecei a usar remédio. Além disso, começei a ter tonteiras que segundo os médicos são episódios de hipoglicemia. Fiz a curva de insulina e segundo o médico, eu estou com resistencia a insulina o que explica o porque da hipoglicemia. Busquei seguir as orientações dos médicos e nutricionistas (já fui em mais de 6)para controlar essas tonteiras mas até hoje nada funcionou. Fiz por conta própria, a partir da leitura das dietas de fisiculturistas uma modificação: sempre comer uma proteina com um carboidrato. Percebi de imediato que fazendo isso no café da manhã, não tenho tonteiras. Ocorre que mesmo fazendo isso, não tenho perdido peso. Todos os médicos dizem que seria crucial que eu diminuisse 10 kilos e que provavelmente eu teria minha pressão normalizada. E agora apareceu mais um problema. Apneia do Sono. Dizem que se eu perder peso é provavel que seja curada. Durmo hoje com o CPAP eu até ja me acostumei. Apesar disso, me colesterol e triglicerideos sao normais. A minha pergunta é: minha saida é a dieta low carb? Devo radicalizar zerando os carbs o maximo possivel? Não vai me dar tonteira por falta de energia? Devo zerar os carbs em todas refeições ou só na última? Voce recomenda algum livro? Qual a diferença entre a dieta Atkins, South Beach e a Dukan? Qual seria melhor para o meu caso?
    Atenciosamente
    Fábio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Desculpa não ter respondido antes, "me passei". Minha opinião? Você deve restringir os carboidratos ao máximo, e em todas a refeições. Por até 14 dias você pode sentir-se mal e pode apresentar hipoglicemia. Mas, se possível, aguente firme, e se a pressão cair (como costuma ocorrer pelo forte efeito diurético dos primeiros dias de uma dieta low carb), consuma mais sal e líquidos. De uma hora para outra, vc começará a sentir-se bem, pois seu corpo estará adaptado ao consumo de gordura como fonte de energia, e, neste momento, não haverá mais hipoglicemia pois a glicose tenderá a permancer estável o dia inteiro. Atkins é a mais consagrada e bem testada, existe a mais 50 anos, e é a que eu te recomendo. Mas faça o seguinte: COMPRE O LIVRO. A maior parte das pessoa que conheço que disseram ter feito dieta Atkins nunca leram o livro...
      http://www.estantevirtual.com.br/q/robert-c-atkins-a-nova-dieta-revolucionaria-do-dr-atkins

      Excluir
  6. Dr.as pessoas dizem ( e eu não acredito)q esta forma de se alimentar sobrecarrega os rins, o fígado e sei lá mais o quê, q a partir de 4 semanas temos cãmbras e tudo mais, acho q se agregamos ai as verduras, não vejo motivo pra q isso aconteça.
    E sobre multivitaminas, é necessário q se tome, eu comecei e parei essa dieta até mesmo por medo, já falou algo a cima mas pode me esclarecer melhor?
    obrigada e parabéns por este blog, foi um grande achado na internet.
    Dóris

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, obrigado. As pessoas dizem muita coisa sem fundamento. Sobre os rins, leia: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/05/dieta-e-perigosa-para-os-rins.html
      Multivitamínicos? Consumindo bastante salada, não vejo motivo. Talvez umas cápsulas de óleo de peixe. Para cãibras, consumir caldo de galinha (repõe os sais perdidos nas fases iniciais da dieta). Boa sorte, e não deixe os outros te desanimarem.

      Excluir
  7. Obrigada dr. vou seguir sem desânimo.
    Dóris.

    ResponderExcluir
  8. Dr. o queijo feito ainda manualmente, as pessoas falam "queijo da roça", pode ou não pode?
    obrigada.
    Dóris.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De uma forma geral, confio mais neste do que nos industrializados... Mas que seja queijo amarelo, com gordura, nada de queijos light (em que a gordura foi substituída por leite em pó ou outras coisas cheias de carboidratos).

      Excluir
  9. Olá DR. JOSE CARLOS SOUTO,
    Parabens pelas informaçoes, quando se quantifica fica mais fácil a gente acompanhar e seguir uma dieta. Por favor poderia me indicar mesta dieta qual minha cota de carboidrato diário? Estou trabalhando minha alimentaçao ainda na base antiga: 1g de proteina ´por kg de peso, peso 54 kg, 150g de arroz integral com lentilha (meio a meio) verduras e legumes sem restrição, 1 porção (150g) fruta banana, caqui,abacate (mais frequentes) no café da manhao tenho usado aveia em flocos,,, estou pensando em substiruir pelo grao de bico que dá uma boa massa e tem baixo IG,,, O que estou fazendo de errado, nao consigo baixar minha glicemia, já mudei de endocrino, que também nao me adaptei e estou com consukta marcada para novo em outubro. Cada um tem uma abordagem e estou decidindo me virar desta forma, pesquisando. Estou aposentada (não sou aposentada)façõ em torno de duas a tres horas de exercicios por dia, 63 anos,1,54,64kg . Gostaria de entender melhor meu metabolismo até para argumentar com meu medico sobres estes baixos resultados de controle da glicemia. Sei que estou me alimentando errado e que há alimentos que funcionam melhor que outros. em minhas pesquisas ouvi , agora nçao lembro quem que eu poderia ter algo chamado 'sindrome da madrugada' em que a glicose do dia é liberada de uma vez só na madrugada e porisso quase sempre acordo com glicemia alta. GOSTO MUITO DE BELISCAR, mas procuro faze-lo com qualidade (sementes)Grata pela orientação.
    maria jose caramori

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Não posso lhe dar uma prescrição específica via internet, mas posso dar um conselho GERAL que vale para QUALQUER pessoa que tenha intolerância aos carboidratos (o diabetes é a manifestação suprema desta intolerância): Mantenha seus carboidratos (complexos) abaixo de 50g por dia. NÃO EXISTE CARBOIDRATO ESSENCIAL. Nosso corpo precisa de ZERO gramas de carboidratos. NÃO EXISTE NENHUMA DOENÇA CAUSADA POR FALTA DE CARBOIDRATOS, apenas por excesso. Antes que alguém lhe diga que "o cérebro precisa de 120 g de glicose", já lhe digo que o fígado é capaz de fabricar 200g de glicose a partir das proteínas e gorduras. Além disso, se você é ceto-adaptada (isto é, tornou seu corpo eficiente no metabolismo das gorduras pela restrição de carbs), seu cérebro precisa de menos da metade da glicose pois consome corpos cetônicos (subprodutos do metabolismo das gorduras).

      Talvez eu pareça muito agressivo neste parágrafo, mas espero que você entenda isso como um mecanismo retórico a fim de enfatizar a mensagem. Eu, que não sou diabético, faço uma dieta com menos de 30g de carboidratos por dia, há cerca de um ano e meio; imagina se eu tivesse o risco de ficar cego, ou ter de fazer hemodiálise? Mesmo que uma dieta cetogênica FOSSE um sacrifício (e eu afirmo que NÃO é), entre correr o risco de amputar uma perna ou sofrer um derrame e trocar alguns alimentos por outros (sem passar fome), eu nem piscaria!

      Não consuma alimentos de baixo índice glicêmico, consuma alimentos de ZERO índice glicêmico. Banana, caqui, arroz, aveia? Isso CAUSA diabetes, isso não trata diabetes! Troque por ovos, carne, peixe, nata, salada verde, etc. Depois de 1 mês comendo zero carbs, quando você comer meia-dúzia de morangos com nata (com adoçante), será como se fosse o melhor doce do mundo.

      Por fim, existe de fato uma hiperglicemia reativa que ocorre pela manhã nos diabéticos em dieta low carb - isso é fisiológico, devido ao cortisol que aumenta no final da madrugada. Mas a hemoglobina glicada estando normal, não há problema.

      Última coisa: você tem um glucosímetro? Não?? É sua OBRIGAÇÃO ter um. Já tem? Ótimo. Use-o de 60 a 90 minutos após as refeições e veja você mesmo o impacto glicêmico dos alimentos. Faça isso uma semana, e você nem cogitará mais comer arroz e bananas.

      Um grande abraço!

      Excluir
    2. Olá Dr. Jose Carlos,

      Obrigada pelas dicas. Sua orientaçao foi de facil assimilação. Estou me sentindo com uma atençao que não obtive com tanta clareza nestes anos todos.Vou fazer as adaptações e retornarei em um mes.grata
      maria jose caramori

      Excluir
    3. Olá Dr. Carlos,
      Desculpe, mas relendo meu texto inicial eu errei no peso, meu peso é 54 e nao 64kg, ou seja preciso perder somente 5 kg. Este detalhe muda algo nas orientações? grata pela atençao.
      maria jose caramori

      Excluir
    4. Que bom! Fico aguardando o seu retorno.

      Excluir
    5. Quanto ao peso: não muda nada. Diferentemente de uma dieta de restrição calórica, que poderia em tese lhe levar a uma perda excessiva de peso e mesmo à desnutrição (veja-se o que ocorre na anorexia, por exemplo), uma dieta low carb leva à perda do peso que se tem em excesso, e nunca a um excesso de perda de peso. No momento em que todo o peso acumulado devido à secreção excessiva de insulina desaparecer, você simplesmente pára de perder peso. Assim, restrinja os carboidratos a fim de melhorar a sua glicemia e a sua saúde. A perda de peso será, em geral, uma (agradável) consequência.

      Excluir
    6. OLA DR.

      Hoje tive a grata satisfaçao de sentir um pouco os resultados da diminuuiçao da injesta de carboidrato, acordei após 7hs de jejum com 222, q já achei razoavel, tomei café da manhça controlado e fui medir de novo e cheguei a 199, mas sem fome. Tomei a segunda refeição tudo anotado e vou medir denovo antes do almoço, mas já sinto resultados, nao há tanta fome e apenas uma sensaçao esquisita, como se tivesse chorado.... sabe o que é?

      Excluir
    7. E é só o início - espere 30 dias para ver! Ocorre um período inicial de adaptação, de cerca de 14 dias, nos quais sensações esquisitas são comuns. Consumir mais sal (meia colher de chá ou 2 tabletes de caldo de galinha) pode ajudar bastante, ao contrabalançar o efeito diurético da queda brusca da insulina.

      Excluir
  10. Boa tarde, dr. José Carlos.
    Vou iniciar a dieta low carb em setembro, e voltarei pra dizer os resultados. Ótimo site.

    ResponderExcluir
  11. Olá Dr.Souto!
    Serei infinitamente grata ao senhor por indicar a dieta low carb ao meu esposo (que é diabético e seu paciente). Mesmo ele, ainda não seguidor desta maravilhosa forma de comer à vontade e corretamente, serviu para mim assimilar e compreender o que estava errado nas inúmeras tentativas de dietas, seguidas por longos anos, e, sem efeito duradouro. Perdia 7, 8 kgs, mas recuperava rapidamente tudo e, às vezes, mais ainda. Comecei a dieta no dia 29 de junho e hoje, passados quase 70 dias já perdi 7 kg. Meus exames laboratorias baixaram sensivelmente, estava com 249 de colesterol e hoje estou com 137. Meu cardiologista vibrou...Como não sou diabética, confesso que não me esforcei para fazer "ao pé da letra" a dieta, por exemplo, não consigo tomar 2 litros d'água, por dia, não faço exercícios físicos e mesmo assim perdi peso, de forma saudável e sem passar fome. Obrigada e que Deus lhe abencoe nessa caminhada de orientação alimentar a todos os que lhe rodeiam - direta e indiretamente - como eu.
    Vera Leonetti

    ResponderExcluir
  12. Olá. Gostaria de saber o seguinte. Adotando esta dieta como estilo de vida eu nunca poderei comer um pedaço de pão? Nem exporadicamente e em pequena quantidade? E também gostaria de saber se a pessoa com o tempo perde a vontade de comer carboidratos e doces ou se simplesmente não mais come por força de vontade e saber que é nocivo. Grata.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Para mim, o raciocínio é o seguinte: digamos que vc fosse ex-fumante, e me perguntasse: isso quer dizer que jamais poderei fumar nenhum cigarrinho, nem esporadicamente e em pequena quantidade? Minha resposta: poder, pode. Provavelmente fumar uns 3 cigarros ao dia não lhe trará nenhum dano importante à saúde. A questão é: vc conseguirá fumar apenas um pouquinho? E por que você consumiria apenas um pouco daquilo que lhe faz mal, ao invés de não consumir? A resposta do fumante é: por que é bom, por que eu gosto, por que me faz sentir bem, por que aplaca minha ansiedade. Bem, é uma opção pessoal de cada um de nós.

      Sim, a vontade passa, mas como em qualquer vício, leva tempo. Para mim levou muitos meses, e para largar os adoçantes (tomar cafezinho e limonada sem adoçante, por exemplo) levei mais de ano. Mas este dia chega, é só ter paciência e persistência. E é libertador...

      Excluir
  13. Olá doutor,
    Acabei de conhecer o seu blog e ouve-se tanto falar da dieta low-carb ultimamente que tenho ficado muito curiosa e até tentada a testar, porém, sou vegetariana.
    O que você indica para o meu caso? É melhor não fazer? Conhece vegetarianos que fazem? Se sim, o que eles comem exatamente?
    Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Priscila:
      É difícil, mas não é impossível. Eu diria que é quase impraticável para um vegano, mas se vc aceita consumir ovos e derivados laticínios, por exemplo, eu acho que dá para fazer, sim.
      Se vc lê inglês, compre na Amazon o livro "The New Atkins for a New You" - tem um capítulo inteiro sobre Atkins para vegetarianos.
      Os princípios seguem os mesmos: não comer açúcar, não comer grãos. O abacate e o coco são grandes fontes de gordura vegetal, assim como o azeite de oliva. Fuja da margarina e dos azeites extraídos de sementes (inclusive canola). Consuma ovos, queijos, manteiga, como fontes de gordura e proteínas. Não preciso salientar a necessidade de consumir vegetais. As frutas só precisam ser restritas se houver muito peso a perder, diabetes ou se a perda de peso se interromper.

      O link para a compra do livro é: http://www.amazon.com/The-New-Atkins-You-Ultimate/dp/B005OHSD3A/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1351527351&sr=8-1&keywords=new+atkins+for+a+new+you

      Excluir
    2. Dr. JC, estou com uma duvida muito grande: o consumo de gordura é ilimitado? Quer dizer, se eu comesse (só um exemplo) a gordura da picanha, um abacate inteiro, bacon, fritasse tudo na manteiga, etc...sem me preocupar...emagreceria assim mesmo, ou existe um limite pra quem quer perder peso? Só devo mesmo me preocupar com a quantidade de carb??? Não consigo acreditar que posso mesmo comer todos esses produtos gordurosos e ainda emagrecer na dieta low-carb. Dai quando tento por em prática acabo passando fome porque tento ingerir muita proteina e fico com medo da gordura. Fico pensando que meu corpo vai se manter com a gordura que eu comer e nao vai queimar a minha reserva! por favor me dê uma luz. Parabéns pelo blog!

      Excluir
    3. Mariana: Acredite! Faça o teste!! É evidente que se vc comer 10 pacotes de manteiga, vc vai engordar, mas QUEM FARIA ISSO?? Comer gordura é a garantia de que vc vai comer MENOS. A gordura sacia! É fácil comer carboidratos em excesso, mas é quase impossível comer gorduras em excesso, e as gorduras não aumentam a insulina e, com insulina baixa, você emagrece. Nos primeiros dias de low carb, as pessoas se deslumbram e até comem demais (pois finalmente se livram da culpa), mas depois de alguns dias, estão comendo MENOS - mas SEM fome.

      NÃO TENTE fazer low carb e low fat ao mesmo tempo, é um erro. Assim, COMA a gordura da picanha, coma meio abacate de sobremesa, frite seu bife na manteiga, mas não esqueça da salada, ok? Faça isso, e em 30 dias nos conte o resultado.

      Excluir
  14. Olá Doutor!

    Obrigada por tantas informações importantes. No meu caso preciso perder 20 kg, já fiz os primeiros 14 dias de dieta e perdi 3,5kg, achei pouco e acho que sou um pouco resistente, mas estou continuando. Posso comer saladas e legumes a vontade ou tem quantidade exata? Obrigada

    Nara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nara, vc acha POUCO?? Está mais do que bom! É uma mudança para a vida toda, assim não há pressa.
      Saladas à vontade. Legumes tecnicamente é o que cresce em vagens (feijão, soja, etc), e devem ser restritos. Mas pode se fartar de vegetais sem amido (alface, rúcula, espinafre, couve, pimentões, etc.).

      Excluir
  15. Oi Dr. José. Tudo bem? Tenho acompanhado seu blog e realmente é um dos melhores no assunto. Como o tópico é sobre frutas, gostaria de saber o que você acha sobre o açaí e se vale a pena incorporá-lo na alimentação? As informações que encontrei são muito confusas. Tem até texto chamando lipídio de carboidrato...
    Obrigada!
    Andréa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, obrigado.
      Bem, depende do açaí. Estamos falando na fruta inteira, na polpa, em açaí em pó? Suco de açaí industrializado, por exemplo, tem apenas 3g de net carbs por 100ml. Mas é diluído com água. Já a polpa tem umas 23g de carbs por 100g. Sempre é possível testar e ver se vc tolera. Se continuara perder peso, tome seu açaí. Caso contrário, pare - simples assim.

      Excluir
    2. Oi Andréa. Como o Dr. disse, depende do açaí.
      Eu também gosto do açaí e para mim, até antes de começar a dieta lowcarb, era minha opção predileta nos dias quentes como substituto do almoço e de um sorvete.
      Mas aí fui ver as informações nutricionais do açaí e fiquei chocado. Usando como referência o açaí Frooty http://www.acaifrooty.com.br/produtos/tabela-nutricional (que é o mais popular aqui em São Paulo - se algum lugar na rua oferecer açaí na tigela, 80% de chances de ser Frooty.) - 17,1g carboidratos para cada 60g de produto.
      Se olhar para os ingredientes, você vai encontrar açúcar E glicose de milho (que são dois venenos disfarçados de comida), e dependendo do lugar que preparam o açaí na tigela, ainda vão misturar xarope de guaraná no liquidificador.

      O problema é que se você perguntar para um garçom de um lugar que vende açaí na tigela se é feito com a polpa, ele pode achar que o esse com glicose de milho é a polpa natural pois é congelado e ninguém costuma ler o rótulo.
      E em quase todos os lugares que vendem açaí em tigela, o suco de açaí também é feito com esse tipo vendido em baldes.

      Agora não sei dizer sobre o açaí em pó. Eu comprei um pouco para experimentar há uns meses nesses lugares que vendem a granel, portanto sem informação nutricional. Mas desconfio que também tenha açúcar.

      Justamente pela popularização desse açaí industrializado, não está tão fácil encontrar a polpa do açaí in natura.

      Excluir
  16. Olá Dr. Jose´

    Comecei a minha dieta dia 03 de Novembro e já perdi volume, ainda não me pesei, mas já nota na roupa, peciso perder 20 KG, sei que vai demorar. Deixei de comer pão, mass, arroz, batata e açucar, só não consegui tirar o leite magro de manhã. Como vegetais com carne/peixe ou sopa sem batata, ao almoço ou ao jantar. A meio da tarde e da manhã e à ceia, como ou futa ou iogurte com nozes, semetes ou cereias integrais sem açucar.Se estiver sem energia, o que acontece algumas vezes, princuipalmente da parte da tarde, como uma barra de cereais DR. Atkins apropriada para todas as fases de dieta. Gostaria me aconselha-se se devo alterar algum tipo de alimento, já que também restringi nas gorduras(só uso azeite) e não como manteiga ou margarina.

    Agradeço pelo seu blog é muito bom ter uma orientação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá - vc está no caminho certo! Minha dica é: NÃO restrinja as gorduras. Vc precisa de alguma fonte de energia e, na ausência de carbs, esta fonte são as gorduras. Além disso, há uma série de nutrientes lipossolúveis que não são absorvidos adequadamente sem gordura. Fontes muito saudáveis de gordura são abacates, azeite de oliva, peixes. Manteiga, nata e banha também são ok. FUJA de azeites extraídos de sementes. Sugiro também ir se desligando de "junk food low carb", e procurar sempre alternativas em comida de verdade. Por fim, acho que frutas são uma boa opção para sobremesa. Quando consumidas em jejum, provocam rápido aumento, seguido de QUEDA, da glicose no sangue, o que por sua vez provoca fome. Experimente uma castanhas de caju ou um ovo cozido, por exemplo. Ou ainda café com creme de leite.

      Excluir
  17. Olá Doutor, parabens pelo blog, é um achado! e o Sr é muito atencioso! comecei essa dieta ontem, e queria tirar uma duvida, sobre coco ralado, e leite de coco [como li neste post], coco é liberado na induçao??
    Digo assim, consumir umas 2 colheres ao dia, como uma forma de sobremesa, [larica!] rsrs... pois essa fase é desesperadora.. rsrs.. pensei em fazer um doce com adoçante, coco e creme de leite.. pra matar aquela" vontade inicial da dieta...
    o que o sr acha?? o abacate tambem é liberado na induçao??

    desde ja obrigada, e parabens, é o melhor BLOG que ja encontrei ate agora, esse e um outro que esta me ajudando MUITO: maisgorduramenoscarboidratos.blogspot.com [vale a pena ler]

    abraços!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Sim, coco e abacate são liberados na indução, e dão ótimas sobremesas!
      Se vc olhar, o blog q vc citou já está linkado (à direita) em blogs sugeridos.

      Excluir
  18. Voltei ! e acabei de arriscar! fiz um doce aqui, no fogo.. mexi na panela, creme de leite, adoçante linea, baunilha em gotas, e coco ralado puro.. ficou DiviNOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!
    estou com medo de ter aniquilado minha cetose.. mas, pelo que contei, 3 colheradas deste "doce", tem aprox. 5 gr de carboidrato.. entao, vamo ver no que dá!
    rsrs..

    ResponderExcluir
  19. Obrigada doutor! Mas como sou viciada em batata.. acabei quebrando a dieta. retornarei amanha, a induçao; ja ate preparei uma cocada com leite de coco, e coco ralado, pra quando bater o desespero por doce.. e ja assei um frango tambem.. ta tudo arrumadinho, esperando o retorno da induçao. estou confiante, pois sei que ela da resultado. muuitas amigas emagreceram com ela.
    Pensei em fazer um sorvete de abacate com leite de coco, estou bolando uma receita bem gostosa, ate achei uma em um blog, vou tentar adaptar, pois na receita que eu achei, pede Rum, e eu nao achei aqui.. mas o que vale é ficar gostoso!!
    Sobre o picolinato de cromo, o Sr acha importante, sera que ajuda na induçao?? [li no livro do Dr atkins, que comprei, o da capa amarela,"Nova Dieta Revolucionaria"] estou pensando em comprar amanha mesmo, junto com o centrum..
    Abraços, e parabens pelo Blog, mais uma vez!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não sei o quanto o cromo ajuda, mas mal não vai fazer, e o velho Atkins continua sendo uma boa fonte.

      Excluir
  20. Ah, Dr, uma pergunta mUITO importante, eu tava pra fazer, tomara que o Sr possa me esclarecer: no meu livro que comprei, "capa amarela", A nova Dieta Revolucionaria Dr atkins", tem a parte 5, só de receitas para cada faze, e lá eu li algumas receitas, que pediam "soja em pó". O que seria essa soja em pó?? seria a fibra de soja? Tenho um pct aqui, da yoki.. uso pra fazer panqueca. me intrigou essa tal soja em pó , que ele fala no livro.. Se puder me esclarecer, agradeço muitissimo!!!! abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É proteína de soja. Verifique na embalagem para ver se é mesmo low carb. Eu não gosto de soja (alimento altamente processado, com efeitos hormonais no organismo), mas pode ser uma opção no início até que vc consigo se desligar dos bolinhos substitutos. Prefira farinha de coco ou de amêndoas.

      Excluir
  21. Olá, Doutor!
    Parabéns pelo blog e por seus esclarecimentos!
    Não fico sequer um dia sem passar por aqui.
    Há 14 dias estou seguindo a dieta de South Beach, o que me fez muito bem e com quase quatro quilos a menos na balança, disposição, perda visível de gordura, etc. Como cheguei até aqui: Não quero introduzir carboidratos integrais a minha rotina, como sugere a dieta, mesmo que em poucas quantidades. Fiquei incrivelmente bem sem eles e por isso comecei a pesquisar. Tenho uma dúvida... Couve flor, brócolis, abobrinha e lentilha (como saladas) aão permitidos a vontade? Não preciso emagrecer mais, uns dois quilos, talvez, tenho taxas de exames satisfatórios e sou praticante de corridas de rua + musculação. O que quero mesmo é mudar de hábitos alimentares, para a vida toda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Couve flor, brócolis e abobrinha, com certeza! Grãos, nem pensar! Lentilha, bem, se vc não precisa mais emagrecer, não creio que vá prejudicar sua saúde. Não acredito muito nesta teoria páleo sobre os antinutrientes dos legumes.
      Para manter sua saúde ótima, apenas fuja dos grãos (sendo eles integrais ou não) e do açúcar, e evite comida processada, e consuma comida de verdade - não tem erro!

      Excluir
  22. Boa tarde Dr., tenho 48 anos e estou com 30 a 40 kg acima do meu peso. Grande vilão o carboidrato ( origem italiana) como pouco açúcar, muita verdura e frutas mas engordo muito. Descobri há aproximadamente 12 anos que tenho a síndrome do ovário policístico. Com isso engordo assim só de piscar. Hormônios e metabolismo estão uma bagunça. Existe algum estudo sobre esta forma de comer com esta doença. Agradeço sua resposta. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, existe, e a dieta low-carb é excelente para ovários policísticos.

      Eis o principal estudo:
      Nutr Metab (Lond). 2005 Dec 16;2:35.
      The effects of a low-carbohydrate, ketogenic diet on the polycystic ovary syndrome: a pilot study.
      Mavropoulos JC, Yancy WS, Hepburn J, Westman EC.
      Source
      Division of General Internal Medicine, Department of Medicine, Duke University Medical Center, Durham, North Carolina, USA. mavro002@mc.duke.edu
      Abstract
      BACKGROUND:
      Polycystic ovary syndrome (PCOS) is the most common endocrine disorder affecting women of reproductive age and is associated with obesity, hyperinsulinemia, and insulin resistance. Because low carbohydrate diets have been shown to reduce insulin resistance, this pilot study investigated the six-month metabolic and endocrine effects of a low-carbohydrate, ketogenic diet (LCKD) on overweight and obese women with PCOS.
      RESULTS:
      Eleven women with a body mass index >27 kg/m2 and a clinical diagnosis of PCOS were recruited from the community. They were instructed to limit their carbohydrate intake to 20 grams or less per day for 24 weeks. Participants returned every two weeks to an outpatient research clinic for measurements and reinforcement of dietary instruction. In the 5 women who completed the study, there were significant reductions from baseline to 24 weeks in body weight (-12%), percent free testosterone (-22%), LH/FSH ratio (-36%), and fasting insulin (-54%). There were non-significant decreases in insulin, glucose, testosterone, HgbA1c, triglyceride, and perceived body hair. Two women became pregnant despite previous infertility problems.
      CONCLUSION:
      In this pilot study, a LCKD led to significant improvement in weight, percent free testosterone, LH/FSH ratio, and fasting insulin in women with obesity and PCOS over a 24 week period.

      Excluir
  23. Parabéns pelo blog Dr. Estou acompanhando desde setembro quando resolvi que precisava eliminar o excesso de peso, e me ajuda muito ! Apesar de conseguir eliminar -10kg em 2 meses, preciso me libertar do junk low carb rssss! Amei a receita do iogurte ! Vou fazer ! Gostaria de saber sobre a quantidade de ovos que se pode comer/dia? Sucos na dieta,como funciona? Quais os adoçantes indicados? Tenho usado o da marca Magro que uso na culinária tbm e o Stevia. Obrigada !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns. Coma quantos ovos você quiser. A maravilha da comida de verdade é essa: você simplesmente não aguenta comer demais. Sucos são um problema: tem a desvantagem das frutas (o açúcar) sem as vantagens (as fibras). Exceções: limonada, suco de maracujá. Coma uma laranja, mas não tome suco de laranja. O Magro em gotinhas é ciclamato e sacarina - não vou dizer que é a coisa mais saudável do mundo, mas certamente é mais saudável do que açúcar. Stevia é natural, provavelmente o mais seguro de todos.

      Excluir
  24. Dr.parabéns pelo sua dedicação ao blog, vc nos ajuda muito! Deus continue lhe dando sabedoria! Tenho o acompanhado desde setembro,estou muito satisfeita com a dieta lowcarb, meu organismo se adaptou bem e desde 24/09 eliminei -10kg,preciso me libertar do junk low carb rsssss! E colocar mais alimentos menos processados que marcam 0 ou pouco carb. enfim... Gostaria de saber 3 coisas:
    1- Existe uma quantidade limite de consumo de ovo/dia?
    2- Sucos, como tomá-los? Limite/dia ?
    3- Adoçantes, tenho usado o Açucar Magro que serve tbm para receitas ou o de Stevia ? Qual vc me recomenda ?
    Obrigada pela sua dedicação,
    Jussara

    ResponderExcluir
  25. olá, Doutor primeiramente queria agradecer por este presente, fiquei maravilhada por todo esse programa ja havia escutado sobre low carb mas não sabia direito o que significava. Fiz dieta restritiva por mes e meio, fiz muita academia, esteira, simulador, corrida e musculação e perdi 7 quilos, só que precisava mais 2 quilos, e agora ja não tenho forças porque estacionei no peso 61 e preciso mais 2 ou 3 pra ficar c folga de peso. Fiquei imprecionada com seus relatos li o site inteiro, ontem fui ao mercado e comprei um monte de coisas zero de carbo, hoje comecei a dieta low só que fui a academia e ja senti que tava meio sem energia p correr sera q ja to entrando em cetonico ou é por eu ja ter feito a dieta. Meu cafe foi café preto c adoçante fit, esse pode parecido c açucar??? e presunto mas de frango fatiado, 5 fatias, qdo voltei da academia comi um pepino em tiras com pouco sal porque sou hipertensa c 42 anos, 1,65 m e fiz um suco zero. tenho que arranjar forças p continuar, pois já não tava aguentando comer pouquissimo, e sera assim pro resto da vida, morrer de fazer academia, correr tdo dia sem parar, so de pensar me cansa, e qdo penso em comer morangos com nata, hum q delicia, nessa fase inicial posso???Coco ralado é so a fruta ou pode ser de pacote de mercado??? obrigada. Claudia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cláudia - vc tocou no cerne da questão. Não adianta começar algo que você não possa manter - e, no dia que parar, engorda de novo. É possível comer pouco e se matar na academia o resto da vida? Não. E é possível ser feliz fazendo essas coisas? Creio que não. Vc tem pouco peso para perder. Não vejo necessidade dieta cetogência, pode comer salada à vontade, algumas frutas de sobremesa (escolha as com menos açúcar). E não faça low fat, ok? Presunto de frango com pepinos é low carb, mas é também low fat, e seu corpo vai precisar de alguma fonte de energia - não dá pra viver com esse lanchinho. Inclua alguma gordura na dieta - queijos, presunto gordo, abacates, ovos, galinha com pele, picanha, enfim, coisas que nutrem, matam a fome e nos dão alegria!

      Vamos às suas perguntas: adoçante: ok. A sua pressão pode baixar com low carb (isso é BOM), e se vc ficar tonta e descobrir que baixou, pare ou diminua os remédios para pressão, juntamente com seu médico. Pode comer seus morangos com nata! Pode ser coco ralado de pacote - isso não leva conservantes.

      Cláudia - não treine pesado no início da dieta. Leva uns 14 dias para o corpo se adaptar à falta dos carbs e "se convencer" a queimar gordura como fonte de energia. Vc até pode ir na academia, mas não fique chateada se a performance cair - depois volta ao normal COM CERTEZA.

      Tendo atingido seu objetivo, vc pode experimentar com quantos carbs por dia você tolera. Vá acrescentando frutas. Algumas pessoas toleram até 100, 150g de carbs por dia - e podem comer umas batatas sem problema. Somos diferentes, e não há uma dieta perfeita para todos.

      Excluir
  26. Doutor,
    Por que o senhor diz que abacate e coco são frutas "virtualmente" sem açúcar?
    Num outro comentário, eu disse que tinha prisão de ventre. O senhor, então, indicou que eu comesse abacates. Funcionou!!! hehehe.
    Muito obrigada pela dica.
    Posso comer todo dia então?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Virtualmente por que tem um pouco de açúcar, umas 2 ou 3g, uma quantidade irrelevante. Que bom que resolveu - para mim não falha nunca.

      Excluir
  27. Olá Doutor,
    ADOREI o seu blog, está sendo uma super inspiração pra mim - iniciei a dieta dos carboidratos meio sem saber nada além do fato de que deveria cortá-los e aqui encontrei muitas informações relevantes. Embora eu esteja vendo na balança que a dieta low carb funciona, anda me restou uma dúvida: por que o corpo vai gastar a minha gordura se eu estou ingerindo gordura como fonte de energia? Ele não vai gastar essa que estou ingerindo ao invés daquela que já acumulei nos tecidos?
    Obrigadíssima!
    Patrícia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patrícia: é uma pergunta inteligente. O corpo consumirá ambas ao mesmo tempo, de forma indiferente. Mas, com a insulina baixa, você começa a usar a própria gordura, e com isso sua FOME diminui. Assim, o seu corpo faz com que, inconscientemente, você coma menos gordura do que você precisaria - o déficit calórico é criado, mas como consequência do emagrecimento, e não para forçar o emagrecimento. Do ponto de vista metabólico, é muito melhor e mais eficiente.

      Excluir
    2. Obrigada!! E vamos que vamos de low carb... :)

      Excluir
  28. Oi Dr,
    Tenho duas dúvidas:
    1) vi numa tabela nutricional que o abacate e o suco de limão têm carboidratos. Pode comer mesmo na indução?
    2) Se eu for comer 20g de carboidratos por dia, tenho que contabilizar certinho o das carnes e legumes permitidos nessas 20g ou nessas eu só conto os extras?
    Obrigado, Roberto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você for fazer Atkins: não precisa contabilizar as carnes, mas precisa contabilizar a salada (subtraindo as fibras), os limões e os abacates.

      Na minha opinião e experiência? Salada verde ilimitada, até meio abacate por dia, e um limão inteiro (que dá uma limonada) podem ser consumidos com impunidade.

      Excluir
  29. Olá Dr!! Obrigada por tantos esclarecimentos e por tanta paciência e carinhos as nossas perguntas.
    To fazendo a Atkins há 15 dias e mesmo fazendo tudo certinho como no livro, to tendo dificuldade para emagrecer. Meu metabolismo é lento. O que fazer para nesse caso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thalissa - o jeito é ter paciência. 15 dias? Vamos conversar depois de 3 meses. Trata-se de um estilo de vida, ou seja, não há pressa, certo?

      Excluir
  30. És uma pessoa e um profissional brilhante compartilhando conosco tantas informações..........muito obrigada! Pessoas que nem vc fazem a diferença.....

    ResponderExcluir
  31. Olá Dr, tenho 67 anos, 1,55 e em torno de 90 quilos. Sou hipertensa, tenho colesterol um pouco alto e sofro de artrose no jelho e problemas de coluna. Preciso emagrecer urgente. Não como carne vermelha, mas como ovos e peixe. Comecei várias dietas, mas perco pouco peso. poderia me orientar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro. Dê uma lida em http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

      Não há mistério. Basta cortar os farináceos, grãos e açúcar, além de evitar os óleos extraídos de sementes. Se você fosse totalmente vegana, seria um problema. Mas com ovos e peixe, você tem ótimas fontes de proteína e gordura animal. Vá firme!

      Excluir
  32. Gostei muito do seu blog, porém, sou vegetariana e sinto dificuldades em montar um cardápio da dieta low carb...vc poderia colocar uma sugestão semanal ou enviar para meu e-mail? vilma_net@hotmail.com. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vilma, preciso saber se vc come ovos, laticínios, peixes. Se sim, não vejo problema algum. Uma boa fonte para você é o livro The New Atkins for a New You, que tem um capítulo inteiro somente para vegetarianos. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/livros.html

      Excluir
  33. Prezado Dr. José,

    Me chamo Sarah, tenho 32 anos, 1.60. cheguei a pesar 76 kg em setembro de 2012. Comecei indiretamente a dieta low carb, conhecendo e pesquisando na internet sobre a Dukan. Ganhei recentemente o livro Porque não consigo emagrecer e sinceramente não sei se chegarei ao final. A sensação que tenho é que o livro é muito vago e como li muito sobre a dieta low carb e nossa necessidade de gorduras na ingestão diária, a Dieta Dukan não se encaixa naquilo que tb acredito sobre as gorduras, até porque lutar para ficar sem carboidratos e voltar a comê-los sem restrição depois de algumas fases, parece não ter sentido para mim. A minha restrição a carboidratos será ETERNA. Atualmente estou com 67,3 kg, em um tempo que a balança tem evoluído de forma mais lenta. Mas confesso não ter pressa, o que mudou em mim, mudou pra sempre. Gostaria de adotar uma dieta que mantivesse isso do low carb forever. O Sr. me aconselharia seguir a Atkins? Uso atualmente o adoçante MAGRO, farelo de aveia e fibra de soja e tenho me divertido na cozinha buscando receitas. Gostaria de adicionar outros farelos e farinhas (coco, amêndoas) nas minhas receitas mas ainda estou no conceito restrito de Dukan. O que posso usar? Que rumo seguir? Ainda soa como sonho chegar nos 60 kg, sabe? Mas devagar vou indo, não sei quanto tempo levarei, mas um dia estarei lá. Tenho me obrigado a tomar água e não faço exercícios físicos (existe alguma fórmula pra gostar de academia?) O fato de não fazer exercícios prejudica muito alcançar os resultados? Obrigada pelas informações e o carinho com todos, que como eu, fervilham de dúvidas. Obrigada mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sarah. Primeiramente, parabéns. Não subestime uma perda de 10 Kg!!

      Dukan é uma dieta contraditória. Veja esta postagem para dicas de livros bons: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/livros.html

      O exercício pode ajudar, sim, embora a dieta represente 80% do resultado. Mas a academia é para fazer musculação com carga pesada, e não para ficar na esteira que nem hamster. Quando vir a musculatura mais definida e o percentual de gordura caindo, vc passa a gostar da academia. Veja esta postagem: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/exercicio-sim-mas-nao-o-que-lhe.html

      Para um banho de realidade, não deixe de ler http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/11/expectativas-versus-realidade.html e também http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/atkins-ou-nao-atkins.html

      Depois de ler estas postagens, me diga se sobrou alguma dúvida, ok?

      Excluir
  34. Nenhuma!
    Estou muito feliz. Lendo os posts, a sensação que tive a cada parágrafo é que me encontrei, encontrei meu equilíbrio, encontrei meu caminho. Se vai demorar 2 anos, 5 anos, o meu corpo que vai dizer e é ele que vai dizer quantos kgs ainda precisarão ser perdidos. Obrigada por tudo, todos os posts, toda a atenção. Fico muito tocada quando pessoas como vc compartilham conhecimento e nós cegos e leigos maravilhados, mudamos a nossa vida. Eu precisava muito deste blog, tudo que precisava entender encontrei aqui. Obrigada por cada linha. Obrigada pela atenção.

    ResponderExcluir
  35. Estou em dúvida quanto aos laticínios: leite, creme de leite, requeijão, cream cheese (PhiladelPhia), iogurtes de supermercados etc. Pode ou não pode?

    ResponderExcluir
  36. Fernanda. Lactose é um açúcar, embora não seja doce. Um copo de leite tem cerca de 15g de açúcar, ou seja, não lhe ajuda a manter seus carbs baixos. Iogurte natural (veja http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/10/cuidado-com-produtos-light.html), iogurte NATURAL tem cerca de 50% da lactose do leite (pois os lactobacilos consomem parta da mesma) - já melhora, mas ainda precisa cuidar.
    A lactose fica na água do leite, e não na gordura. Assim, manteiga não tem lacotse. Nata, quase nada. Creme de leite, cerca de 0,5 a 1g por cada 15 gramas de produto. Queijos amarelos, muito pouco. Requeijão, não lembro, mas olhe no rótulo (e não compre LIGHT!). Cream cheese Philadelphia, é quase nada. Ou seja, eu só evitaria leite e moderaria o iogurte - o resto está liberado.

    ResponderExcluir
  37. Olá Doutor, boa noite. Meu nome é Cláudia, tenho 41 anos e estou uns 35 quilos acima do peso. já fiz todas as dietas imagináveis. Inclusive fiz uma vez essa dieta de low carb, com excelentes resultados. REsolvi voltar a fazer essa dieta começando hoje. Da outra fez que fiz faltaram alguns esclarecimentos e a força e incentivo que tenho encontrado aqui no seu blog. Acho que agora vai!!
    Seguem as perguntas:
    1) Durante essas 14 dias iniciais seria melhor evitar as saladas e qualquer outra fonte de carboidrato, por menor que seja?
    2)DEvemos comer até quanto de carboidrato depois dos 14 dias?
    3) Tomate é fruta, devemos dosá-lo, ou podemos comer a vontade?
    4) Uso o adoçante Linea, a base de sucralose, ele é bom?

    Muito obrigada pelas dicas todas e todos os esclarecimentos. Vou ficar sempre ligada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa dia, Cláudia. Veja que interessante, não é que low carb tenha dado errado, é que vc não manteve como um estilo de vida. Lição aprendida, certo?

      1) Não vejo motivo para evitar saladas nunca
      2) Você está falando de Atkins. Não é obrigatório fazer Atkins (veja http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/atkins-ou-nao-atkins.html). SE vc quiser fazer Atkins, após os 14 dias, aumente de 5 gramas de carbs por semana até que vc descubra quantos carbs pode comer e ainda continuar perdendo peso (este aumento, obviamente, deverá ser em vegetais com mais carbs - tipo cenouras - e frutas)
      3) Tomate é fruta, mas tem bem poucos carbs. Eu não me preocuparia (não consigo conceber como saudável uma dieta que restrinja salada).
      4) Os adoçantes são como adesivos de nicotina - algo para vc usar enquanto combate o vício. Eu consegui perder a maior parte do vício após UM ano de low carb. Mas ainda uso um adoçante de vez em quando, em geral sucralose ou ciclamato/sacarina.

      Excluir
  38. Oi doutor,
    Desculpe se vc já respondeu isso...como conto os net carbs de farinha de côco e de linhaça se ambos têm mais fibra doque carboidrato por porção??
    Abraços,
    Daniel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel - isto mostra o quão falha são estas tabelas. Eu não me importo muito com isso, pois não conto mais nada - como comida de verdade, não como açúcar nem grãos, e as frutas são de vez em quando e apenas como sobremesa - seguindo esta linha, a coisa dá certo. Sabe o que eu acho? Faça o teste - se vc está perdendo peso e consumindo a farinha - ótimo; caso contrário, diminua. Linhaça, quero crer, tem menos carbs do que farinha de coco.

      P.S.: eu confio BEM mais no coco do que na farinha de coco. Por quê? Porque é quando processamos os alimentos que nos metemos em encrenca. O coco, com toda sua saudável gordura, certamente tem um impacto glicêmico MUITO menor do que a farinha de coco, na qual a gordura foi extraída.

      Excluir
  39. Olá Dr,
    E acerola, umbu e goiaba? São as polpas que mais gosto para o café da manhã.

    (Pq não coloca uma barra de pesquisa aqui no blog?)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/10/quantas-gramas-de-carboidratos-tem-x-ou.html

      Já tem uma barra de pesquisa no canto superior esquerdo.

      Use frutas como sobremesa - coma frios / ovos / bifes no café da manhã

      Excluir
  40. Dr Jose couto, tomei conhecimento hoje atraves de uma amiga que publicou sua materia na minha pagina do facebook.
    Tenho uma doença chamada dislepidemia esclerotica, segundo os médicos.
    Ha mais de 15 anos, ja tomei muito atorvastatina, sinvastatina, ezetimiba, meu colesterol ruim so abaixa quando fico tamando esses remédios, ficam em torno de 350mg totL.
    Atualmente estava no ultimo exame 480mg, não sei quanro está, porque parei de tomar a medição, não aguento mais.
    Comecei a sentir muita odres no corpo inteiro, fui a um médico ortomolecular que apos fazer alguns exames disse que estou com niveis elevadíssimos ds toxiNas no sangue, excesso de radicais livres e inflamações nas células.
    Estou fazendo tratamento dele, mas não estou tomando mais remédio npara o colesterol, ja tenho comprometimento nas artérias e coronárias.
    Disse que minha lipoproteina tipo A esta baixissima, entrei na menopausa muito cedo, aos 40 anos, hoje estou com 54.
    Tenho osteoporose.
    O Sr, poderia me ajudar?
    Na minha casa a maioria dos meus irmãos tem problema com colesterol alto ou com circulação sanguínea.

    ResponderExcluir
  41. Se vc tem dislipidemia grave por hipercolesterolemia familiar, é importante seguir a orientação médica de alguém com experiência no manejo desta patologia - e provavelmente vc terá sim de usar medicação.

    Um estudo recente em crianças com dislipidemia que tratam epilepsia com dieta cetogênica indica que a maioria delas tem MELHORA dos lipídios com uma dieta deste tipo (http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23427065).



    Eu acho que vc pode tentar fazer uma dieta bem low carb, com suas gorduras sendo predominantemente de fontes vegetais (abacate, azeite de oliva, óleo de coco, mas NÃO de óleos de sementes), e trabalhar junto com o seu cardiologista, monitorizando os valores mensalmente para ver o que acontece - talvez com remédios num primeiro momento, e talvez sem eles se houver melhora importante.

    ResponderExcluir
  42. JCSOUTO,
    Gratidão, por responder.
    Quero sim fazer a dieta do low carbs.
    Como devo proceder.
    Gostei muito de ter acesso de tudo que li.
    Sempre busquei a alimentacao natural e sem agrotóxicos , não uso refrigerantes, não tomo coca cola, pelo contrário sou contra, não uso sadia, sou contra, etc, etc, e ja tomei conhecimento das estratégias da industria de remedios quando morei nos USA, fiquei pesquisando muito sobre isso em função da minha patologia.
    O fato, é que da vontade de nunca mais entrar em uma farmácia.
    Ao meu ver a medicina hoje esta como os fas food de shopping centers! Os médicos cada vez sabem menos, e estao cada vez mais dependentes dos laboratórios e farmácias.
    Estou falando de médicos de hospistais de classes previlegiadas deste pais. Gratidão
    Elioenai
    Em 24/02/2013 18:34, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  43. Olá Doutor, gostei muito do blog e já estou começando a implementar esta dieta.

    No entanto, como iniciante, tenho algumas dúvidas:

    1) Tanto o seu quanto outro blogs citam para não consumir alimentos preparados com óleo extraído de sementes. Mas veja, quem se alimenta na rua (digo, no trabalho, em restaurantes), mesmo comendo saladas, legumes e grelhados vai acabar consumindo indiretamente - visto que nestes lugares o uso é indiscriminado - e as vezes até com gordura hidrogenada. Essa proporção é preocupante ? Alguma forma de minimizar ?

    2)Quanto ao metabolismo - vi posts sobre jejum intermitente - mas suponhamos, eu tomo café (omelete com dois ovos na manteiga, cenoura e beterraba) - para ficar até a hora do almoço dá uma fome danada - deve-se, ainda assim, consumir lanchinhos intermediários ? (como o conceito do comer de 3 em 3h )

    3) Qual seria a proporção do consumo de laticinios...queijo e iogurte principalmente. Vejo que muitos blogs citam: 'moderação', mas como se traduz em tempo - 2-3 vezes por semana, 1 vez ao dia....

    4) As vezes eu acabo consumindo (exemplo) meio prato de salada, com cenoura, pepino, etc - mais um contra-filé sem dó da gordura - mas daí, umas 3 horas depois já começo a ficar com fome novamente - imaginei que eu conseguiria ficar até o jantar sem fome, mas não estou conseguindo.

    5) quanto a maneirar com laticinios e tubérculos, a tapioca poderia ser um substituto adequado para consumo ? Ex. tapioca com manteiga e coco ralado. Ou mesmo com queijo,

    Tenho muitas outras dúvidas, mas por enquanto já bastam essas :)

    Obrigado

    ResponderExcluir
  44. Olá Fernando!

    Também tenho esta preocupação em não comer óleo de sementes, mas para quem trabalha fora, não tem muito jeito. Mas, como diz o Dr. Souto "o bom não pode ser inimigo do ótimo". Se você já está atento aos carboidratos, já é uma grande vantagem. Também vale prestar mais atenção nos restaurantes. Escolha os que não colocam nada nas verduras e que as carnes são grelhadas. Se usam óleo na grelha, será muito menos do que um bife frito na frigideira.

    O Jejum pra mim foi uma ótima opção de NÃO comer fora. Simplesmente pulo a refeição que faria na rua e deixo pra comer somente em casa. Agora, se você está com fome é porque está comendo pouco e provavelmente pouca gordura. Faça esse omelete na banha, coloque bacon, coloque queijo, regue com azeite, sem dó! Coma quando tiver fome! Sem essa de ficar pensando em quantas refeições tem que fazer por dia.

    A tolerância aos laticínios, assim como aos carbs, é muito pessoal. Cada organismo reage de um jeito. Tem gente que toma bastante iogurte, tem gente que não se dá bem de jeito nenhum! Só mesmo você experimentando para saber como o SEU corpo reage. Eu tomo Yakult caseiro todos os dias, por conselho da minha médica. Meu marido já prefere o iogurte caseiro. Meu filho se esbalda nos dois!

    Qual o seu objetivo? Se você não precisa perder peso, quer somente melhorar sua saúde, vá testando quais carbs são melhores pra você e em quais quantidades. Veja se a tapioca não te atrapalha. E não vejo motivos pra não comer queijo, a não ser que seja queijos magros e com carbs. Agora se você precisa perder peso é porque tem resistência a insulina. Melhor restringir a quantidade de carboidratos e verificar qual a quantidade mínima que você deve ingerir sem prejudicar seu emagrecimento. Veja essa postagem: "Se você comer aipim e batata doce todos os dias e começar a ficar com fome demais ou desejo de comer doces, ou começar a ganhar peso, é sinal que os carboidratos estão em excesso, e isso está provocando flutuações de glicose (que causam fome) e excesso de insulina. Meu objetivo é que as pessoas usem a cabeça e montem o cardápio que lhes dê o melhor resultado. Regras rígidas podem até ser mais fáceis de seguir num primeiro momento, mas são inviáveis no longo prazo - é preciso regras gerais, a partir das quais demos raciocinar e fazer nossas escolhas de risco e benefício." http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/prezado-dr-souto-este-alimento-e.html

    Sobre laticínios: "Laticínios: a dieta paleolítica não contém laticínios. O leite puro é mal tolerado por muitas pessoas. A lactose é um tipo de açúcar que, embora não seja doce, eleva a insulina e sabota a dieta. Assim, deve ser evitado. Os produtos fermentados (queijo, iogurte natural com gordura, coalhada, manteiga) e os ricos em gordura (preferencialmente com mais de 40% de gordura, como a nata e a manteiga) podem ser consumidos por aqueles que não apresentam intolerância aos mesmos." http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    ResponderExcluir
  45. Olá Patricia,

    Obrigado por suas considerações.

    Mas quando você diz que pula uma refeição (almoço por exemplo), você simplesmente não tem fome !? Eu mesmo acabei não fazendo alguns lanches a tarde e acabei ficando bem sonolento, fico preocupado com a queda no metabolismo e, consequentemente, que isso atrapalhe a queima de gordura.
    Tenho procurado fazer caminhadas e algum exercício em casa, mas pelo que vi em um outro post aí no blog - os exercícios de longa duração e baixa intensidade, basicamente, não refletem resultado algum

    Abraços,
    Fernando


    Em 27 de fevereiro de 2013 15:38, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  46. Fernando, eu não tenho fome! Eu como muito bem!

    E pela sua surpresa, me parece que você tem! Quem faz Low Carb / Páleo NÃO SENTE FOME!.
    Se você tem fome é porque ainda come muito carboidrato. Fome é sinônimo de IG alto... O que nos deixa famintos é o carboidrato. Veja: "O glúten parcialmente digerido produz peptídeos denominados de"exorfinas, um estimulante dos receptores opioides no cérebro, assim como a HEROÍNA. Estas exorfinas aumentam a FOME e levam a um verdadeiro vício no consumo de produtos derivados do trigo. O simples bloqueio farmacológico das exorfinas já leva a um consumo de 400 calorias diárias a menos. Ou seja, o trigo é um poderoso estimulante do apetite." Além de viciar como drogas pesadas. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/trigo-nosso-maior-inimigo.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/09/obrigado-ao-leitor-fabio-mossmann-por.html

    Se você está em processo de ceto- adaptação, pode ter vários sintomas de abstinência e um deles pode ser o sono. Mas isso passa rapidamente. As pessoas relatam que a qualidade do sono melhora com a dieta. Não vi ninguém relatando sonolência depois de estar ceto-adaptado, pelo contrário, quem faz páleo, é mais "ligado" naturalmente.

    Quanto a sua preocupação sobre a queda do metabolismo. o que dana tudo são os carboidratos e não a ausência deles.. .. comer Low carb / páleo não é dieta de restrição calórica. Essas dietas restritivas sim são problemáticas para o metabolismo pois quando comemos menos calorias o metabolismo DESACELERA para proteger a pessoa contra a fome, e isso não ocorre numa dieta low carb (que contém mais calorias). Assim, você GASTA em média 350 calorias a mais em uma dieta low carb, mesmo que não faça nenhum exercício.

    leia aqui: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/jejum-intermitente.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2011/12/falacia-original-tudo-depende-do.html

    Quanto aos exercícios vc diz que "baixa intensidade não reflete resultado algum". Volto a insistir na minha pergunta: Qual seu objetivo com Low Carb/ Páleo? O que você quer? Quer perder peso? Que ser maratonista? Quer uma opção mais saudável?

    Você gosta de caminhar? Então é lógico que vai refletir na sua vida. Se você faz algo que gosta, vai refletir positivamente na sua vida! Agora, se você está caminhando SOMENTE para emagrecer, pode parar!

    ResponderExcluir
  47. Nossa, a Patrícia me assusta às vezes, pois ela escreve EXATAMENTE aquilo que eu escreveria!!


    Em resumo, Fernando, é isso aí, no que vc se livrar dos carbs por tempo suficiente (1 ou 2 semanas), a fome desaparece. E é essa, no fundo, a grande vantagem de low carb para emagrecimento - a ausência de fome.

    ResponderExcluir
  48. Bem, basicamente não faz uma semana ainda - posso estar no período de adaptação. Fiz alguns cálculos do consumo de carbs e estou na faixa de 70~80g - basicamente vindos de frutas (banana, amexia, maçã, mamão, laranja, etc), mel, inhame, batata-doce, iogurte natural. Do resto é o consumo de proteína/gordura, carnes, aves, queijos, ovos e saladas/vegetais, cenoura, beterraba, alface, rúcula, etc.


    Pode ser que a fome seja realmente o processo de adaptação. Atualmente, quando fico com muita fome eu acabo comendo algumas amendoas/nozes/castanhas e alguma fruta (geralmente mação, banana ou ameixa).


    E, Patrícia, respondendo sua pergunta, o objetivo é perder mesmo um pouco de peso e qualidade de vida.

    ResponderExcluir
  49. Dr. Souto, longe de mim querer te assustar, viu??

    ResponderExcluir
  50. É no bom sentido :-) É como se eu lesse um texto escrito por mim mesmo!

    ResponderExcluir
  51. Dica? Não use frutas como lanche, use apenas como sobremesa. A glicose sobe após o consumo de carbs, e quando ela desce, MESMO que em níveis normais, isso dá fome. Já gordura e proteína não elevam a glicemia, portanto a glicemia não cai. E assim, não há fome. Se vc almoçou ou jantou e depois comer uma maçã, o estômago cheio impede a glicose de subir rápido e cair rápido.
    Outra dica? Banana, não. 25g de açúcar é demais!

    ResponderExcluir
  52. Isso sim é que é elogio! Escrever tal qual o Dr??? Ainda chego lá! Tenho muuuito que estudar!

    ResponderExcluir
  53. Parabéns meeeesmo viu Patricia! Sua escrita esta praticamente como a do Dr Souto!

    ResponderExcluir
  54. Bondade sua moça! Obrigada!!

    ResponderExcluir
  55. Uma dúvida: Se eu gostar de correr (não uma maratona) mas sim provas de 10KM .. vcs acreditam que a alimentação low carb pode ser prejudicial?


    Antes de um treino de corrida é bom comer algum carboidrato?


    Obrigado .. muito bom o blog.

    ResponderExcluir
  56. Uma dúvida: Se eu gostar de correr (não uma maratona) mas sim provas de 10KM .. vcs acreditam que a alimentação low carb pode ser prejudicial?

    Antes de um treino de corrida é bom comer algum carboidrato? Ou meu corpo vai se acostumar a "achar" a energia que precisa.

    Obrigado .. muito bom o blog.

    ResponderExcluir
  57. Hi,

    Elioenai Leme wants to follow you.

    ****** Is Elioenai Leme you friend? ******
    If Yes please follow the link below: http://invites.infoaxe.net/signup_e.html?fullname=Disqus&email=notify-3E145878-7ECA-11E2-812A-00304835E238@disqus.net&invitername=Elioenai&inviterid=14552879&userid=0&token=0&emailid=ebc35bce-a255-4e9f-8c77-718265e11d77&uie=0&src=txt_yes
    If No please follow the link below: http://invites.infoaxe.net/signup_e_no.html?fullname=Disqus&email=notify-3E145878-7ECA-11E2-812A-00304835E238@disqus.net&invitername=Elioenai&inviterid=14552879&userid=0&token=0&emailid=ebc35bce-a255-4e9f-8c77-718265e11d77&uie=0&src=txt_no

    Follow the link below to unsubscribe from all emails from Flipora, 440 N.Wolfe Rd MS #153, Sunnyvale, CA. 94085 http://invites.infoaxe.net/unsubscribe.jsp?email=notify-3E145878-7ECA-11E2-812A-00304835E238@disqus.net&iid=ebc35bce-a255-4e9f-8c77-718265e11d77&src=txt

    ResponderExcluir
  58. Olá Rogério.

    Você já está cetoadaptado? Se já está, PROVAVELMENTE, não terá problemas. Porque digo provavelmente? Porque cada organismo é único. Essa é a maior beleza de ser páleo/ low carb. A gente passa a se conhecer profundamente. Tem relatos de pessoas que sentem necessidade e comem carbs de alta qualidade. E tem relatos de quem comeu e achou ruim. Penso que você vai precisar testar pra entender se o seu corpo precisa.
    Sobre corridas recomendo esta leitura aqui: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/12/exercicio-sim-mas-nao-o-que-lhe.html
    Inclusive tem o link do blog do Adolfo Neto, que é corredor e tem muita experiência no assunto.

    ResponderExcluir
  59. Oi Patrícia !


    Ainda não estou cetoadaptado, cheguei aqui há poucos dias depois do podcast no emagrecerdevez.


    Eu corri na sexta - meia hora - sem comer carboidratos e não me senti mal, apenas fiquei preocupado se não iria ficar mal..srsrsr .. difícil mudar o habito.


    Mas como você disse, vou treinar mais vezes e testar como me sinto.


    Obrigado.

    ResponderExcluir
  60. Boa noite, tenho 35 anos, 1,68 e engordei 10kgs de junho para cá quando comecei um tratamento para engravidar. A gravidez não veio ainda, logo o tratamento não terminou porem acredito ser muito importante perder esses quilos a mais para retoma-lo, mas devido ao meu problema tenho pressa. Comecei uma dieta regular de 1200 calorias e perdi 3kgs em um mês, preciso perder mais 7. Minha pergunta é, uma dieta low carb seria indicada no meu caso? Meu medo é que atrapalhe no tratamento. Seria preciso rigidez em relação a alimentação, aos carboidratos, frutas e saladas? Quero voltar a caminhar e trotar, coisa que não posso fazer durante o tratamento.

    ResponderExcluir
  61. Eu acho que uma dieta páleo é excelente para fertilidade - e que dietas hipocalóricas não o são. Mas esta é a minha opinião, e não posso tratar ninguém via internet. Uma dieta páleo só é rígida em cortar açúcar e grãos. Saladas devem ser consumidas em maior quantidade, e frutas com moderação.

    Leia isso: http://paleodietlifestyle.com/paleo-guide-to-fertility/

    E escute isso: http://www.thelivinlowcarbshow.com/shownotes/1147/low-carb-and-fertility-dr-gil-wilshire-md-facog-episode-84/

    E, para o seu médico, imprima este estudo: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1334192/

    ResponderExcluir
  62. O Dr. me corrija se estiver errada, mas já li algo sobre o excesso de peso ser prejudicial a fertilidade porque altera os hormônios ligados à reprodução, ao mesmo tempo que a falta de gordura no corpo inibe a produção desses hormônios também. A solução então seria consumir 'boas gorduras', o que nada mais é do que a páleo.

    ResponderExcluir
  63. Perfeito, Patrícia, é exatamente isso.

    Sent from Galaxy S3
    Em 20/03/2013 10:57, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  64. Olá Amigos,

    Faz 10 dias que eu e minha esposa começamos a Low Carb. Ela já perdeu perto de 3,4 Kg. Já no meu caso não notei alteração significativa de peso e medidas. Conheço bem a dieta, pois no passado utilizei a de Proteínas com sucesso. Parei em função da falta de fibras, que no meu caso é muito importante. Dessa vez porém por alguma razão não está dando muito certo. A diferença agora é que entraram alguns alimentos que não utilizava nas minhas dietas anteriores, quais sejam: utilizo ameixa (1 no lanche) e pessego (1 a noite). Tenho comido gelatina Diet nas sobremesas (as vezes 2 ou 3 potes). Pela manhã 1 colher de sopa de linhaça dourada junto com meio abacate e café. Ao longo do dia no intervalos como polenguinho com refri diet. Como também muito queijo prato. A quantidade de queijo prato é livre? Tomo metamusil (1 envelope pela manhã). No mais são peixes, todas as folhas permitidas, todos os legumes permitidos, em maior quantidade brocolis e couve-flor e bebo bastante água. O que será que estou fazendo de errado?

    Obrigado

    ResponderExcluir
  65. Olá Antônio.
    Penso que 10 dias é pouco para avaliar. Cada pessoa tem uma tolerância mínima aos carboidratos. Você náo pode ficar se comparando a ninguém. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/11/expectativas-versus-realidade.html

    A dieta páleo não é ausente de fibras. Se o seu caso for por causa do intestino, talvez não seja a falta de fibras e sim a falta de gordura e/ ou sal. . Já experimentou caprichar mais na ingesta de gordura? Quando falo em gordura, falo da "boa" (manteiga, azeite, óleo de coco, banha, abacate). Eu tomava metamusil todos os dias... até começar a páleo!

    "Quando restringimos os carbs, perde-se MUITO sódio e água. Isso pode levar a quedas de pressão, tonturas, dor de cabeça e constipação (pela desidratação dos intestinos). Desde a década de 70 é sabido que a reposição de sódio alivia estes sintomas e pode até mesmo evitá-los, se feita desde o início da restrição de carbs.... Óleo mineral é usado como laxante desde o tempo de nossos avós e se encontra em qualquer farmácia."

    veja nos comentários aqui http://lowcarb-paleo.blogspot....
    Gergelim e Linhaça tem relativamente poucos carbs (além de não conterem glúten e antinutrientes). Não ajudam, mas em quantidades não muito grandes, não atrapalham. Quinoa, menos ainda.

    Eu não vejo motivos pra não comer queijo, a não ser que seja queijos magros e com carbs. Agora se você precisa perder peso é porque tem resistência a insulina. Melhor restringir a mais quantidade de carboidratos e verificar qual a quantidade mínima que você deve ingerir sem prejudicar seu emagrecimento.

    Eu não sei quais legumes você come. Sei que legumes tem bastante carbs. Pode ser que a sua tolerância seja menor do que você pensa. Pode realmente ser falta de gordura. Ou pode ser que você tenha que ter um pouco mais de paciência!

    ResponderExcluir
  66. OI Patrícia, vc falou em yakult caseiro, tem a receita? Poderia me passar? E quanta a tapioca, penso que eu poderia substituir o pão integral por uma pequena, somente uma vez ao dia. O que achas?

    ResponderExcluir
  67. Olá Mônica.

    Faço o Yakult caseiro da mesma forma que faço o iogurte. Tem um vídeo com a receita aqui: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/10/cuidado-com-produtos-light.html

    Eu coloco no forno e deixo de um dia para o outro. Minha gineco indicou tomar o Actimel, que é leite fermentado também, ela diz ser melhor que o yakult. Já fiz com os dois e deu certo. Já fiz com 1 potinho e com 2 potinhos, deu certo com os dois! Sempre tenho o iogurte e o yakult caseiro. Depois de pronto gosto de colocar umas gotinhas de sucralose. Mas só tomo 100ml por dia porque sei que tem carbs.

    Quanto a sua pergunta sobre a tapioca... não sei! Se seu objetivo é emagrecimento veja se a tapioca vai atrapalhar. Não sei se você é extremamente ativa... Pode ser que pra você funcione. Não tem jeito, essas coisas são muito pessoais, você terá que testar. Tem comentários aqui de pessoas que comem, mas são super ativos na musculação e exercícios físicos ou são pessoas magras que querem um estilo de vida mais saudável.

    Eu não como nenhum dos dois. Preciso emagrecer e tenho MUITA resistência a insulina. Pelo que andei olhando, a tapioca tem bastante carbs (1 col de sopa tem 28g). E parece que o IG (índice glicêmico) da tapioca é pouco maior que do pão (115 x 105).

    E não se iluda com isso de pão integral e pão comum, quanto ao trigo, não tem diferença nenhuma viu? "Duas fatias de pão integral aumentam o açúcar no sangue mais do que açúcar de cozinha, mais do que muitos doces. " Não interessa se é integral ou não. Trigo vai de dar muita fome. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/trigo-nosso-maior-inimigo.htm

    ResponderExcluir
  68. Dr. ou quem entenda do assunto, vi um vídeo de uma nutricionista dizendo que farinha da casca de maracujá (se não me falha a memória) reduz o índice glicêmico e seria interessante consumir com as frutas.
    No caso seria interessante fazer uma salada de frutas e colocar essa farinha (ou outra) para consumir sem "culpa" as frutas?

    ResponderExcluir
  69. Olá Daniel.

    Eu não conheço estudos científicos sobre a farinha de maracujá, se alguém souber, por favor informe! O que vejo é somente o que a mídia divulga. Pelo que percebo, tem uma quantidade mínima e máxima de consumo, tem que ser consumida todos os dias, tem que... tem que... coisas da mídia mesmo. Por isso não me sinto capacitada pra falar sobre ela. Os profissionais da área de nutrição não são os mais qualificados para falar da páleo / low carb... 99% deles usam a pirâmide alimentar convencional, que sabemos, é baseada no consumo de carbs.

    A farinha de coco e de amêndoas são as que eu uso, mas NUNCA misturei com salada de frutas, uso pra fazer receitas low carb.

    Isso de "pode" ou "não pode" é muito individual. Cada pessoa tem uma tolerância aos carbs. Eu não sei qual a SUA resistência aos carboidratos, qual o seu limite para que a insulina não dispare. E para descobrir só testando. http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/prezado-dr-souto-este-alimento-e.html

    Mas quando li sua frase o que mais me chamou atenção foi a "culpa". Culpa engorda! rsrsrs!! Parece brincadeira mas não é...

    A culpa acontece em quem tem a mente gorda. Acredite, entendo bem disso! O emagrecimento mental é mais lento que o físico, passo por esse processo... Culpa acontece quando existe algum prejuízo (mental, material, físico, espiritual) pra sí ou para outra pessoa. Esse prejuízo é do 'culpado'. Nesse mundo midiático, onde propaganda de coca cola é feita por gente magra e feliz, é impossível ter mente gorda e não sentir culpa. A páleo / low carb pra mim foi o melhor caminho pra acabar com a culpa. Porque com ela, os alimentos que não fazem seu IG subir podem e devem ser consumidos A VONTADE, ATÉ SUA FOME ACABAR... Portanto, a Low Carb / páleo, não deixa a culpa acontecer.

    Para quem quer emagrecer as frutas devem ser comidas com moderação e ao invés da farinha, acrescente gordura boa (nata, óleo de coco) que não causam alterações no IG.

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/11/expectativas-versus-realidade.html

    ResponderExcluir
  70. hehe...quando disse culpa é pq não achei a palavra certa para colocar...
    Tenho lido sobre IG a importância de mante-lo baixo...etc, foi ai que encontrei essa informação com uma nutricionista...explicou que o que "quebra" o IG são as fibras e a gordura,foi por isso que perguntei.
    Entendo o que diz sobre pensar magro realmente é difícil com tantas "esperanças" vendidas pela mídia e tantos nutricionistas entregues apenas pelo que propuseram a eles na faculdade...ainda bem que este site e alguns outros com informações fora do "padrão" pré-fabricado.


    Mais uma vez obrigado pela informação...sou novo nessa vida de emagrecimento então mais perdido que cego em tiroteio...kk

    ResponderExcluir
  71. disqus_uHmGbf7h6n2 de abril de 2013 08:13

    Bom dia Patricia, venha pedir encarecidamente sua ajuda. Tenho uma filha de 10 anos que está pesando 86 kg, ela teve problemas em ambas as pernas e parou de andar, agora está tudo bem mas o resultado foi o sobrepeso. Faço a Atkins mas acho um pouco puxada p ela, será q vc pode me ajudar em um cardápio p ela? Agradeço a atenção, pois estou muito nervosa com a situação. Ela está no 2º dia de dieta, mas tem apenas 10 anos e quer desistir toda hora. meu email é simonia@fmb.unesp.br e skype Simonia Contes. Muito Obrigada. Simônia

    ResponderExcluir
  72. Olá Simônia.

    Acho Atkins bem restrita mesmo. É bom, mas tem umas restrições desnecessárias. Você está fazendo junto com ela? Se sim vai ficar mais fácil, porque o exemplo é 70% do aprendizado. Se não estiver, meu conselho é que comece já. Se ela ver vc fazendo, não vai se sentir só nesta batalha e vai parar de reclamar logo. Lembre-se que o período de adaptação pode levar até um mês. Seja persistente, vale a pena.

    Veja bem, low carb / páleo não tem cardápio... O que precisa comer é comida de verdade. Leia estes posts:
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/o-que-comer-no-cafe-da-manha.html
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html



    Do que ela mais reclama? Porque ela quer desistir? Você explicou pra ela qual o motivo da dieta? Ela entendeu? Preciso entender um pouco mais o que está acontecendo pra tentar de ajudar.

    ResponderExcluir
  73. Para quem quer perder peso, abacate batido com leite de coco e creme de leite está ok?

    ResponderExcluir
  74. Sim! Outra opção é bater meio abacate com 1 ou 2 ovos crus, 200ml de água e whey de baunilha - meu conceito de um café da manhã balanceado,


    2013/4/3 Disqus

    ResponderExcluir
  75. Dr.

    Estou com intestino lento e resolvi mudar minha alimentação de vez, pra melhor é claro, não sou gordo tenho 1m e 70cm, peso 67kg.

    A dieta low-carb seria a melhor opção? O senhor tem alguma dica do que poderia comprar para começar essa dieta, ou alguma se me indicar?
    Muito Obrigado.. Felipe Souza

    ResponderExcluir
  76. Paleo, com muita salada e algumas frutas (as menos doces são as melhores). Estou em um local de trabalho no qual não tenho acesso ao meu blog, mas olhe à direita e vc verá as postagens que descrevem os alimentos sugeridos, ok?


    Em 3 de abril de 2013 19:38, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  77. Acho que poderá ser útil...depois me fale o que acha se é bom ou não,grato.


    http://www.fag.edu.br/graduacao/nutricao/resumos2007/(EFEITO%20HIPOGLICEMICO%20DE%20FARINHA%20DE%20CASCA%20DE%20MARACUJA%20_Pass_.pdf

    ResponderExcluir
  78. O que acham do damasco? Tem muito açúcar? É permitido em qual quantidade?

    ResponderExcluir
  79. Frutas secas = muito açúcar. Prefira frutas in natura.

    Sent from Galaxy S3
    Em 11/04/2013 01:21, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  80. OLÁ PATRICIA QUERIDA, TENHO 39 ANOS E TIVE 3 GESTAÇOES,TENHO 1.60, SEMPRE FUI MUITO MAGRA MAIS DE UM ANO PRA CÁ ENGORDEI QUASE 17 KG, FUI AO ENDOCRINOLOGISTA FIZ MUITOS EXAMES E ELE MANDOU EU FAZER EXERCICIOS TIPO CAMINHADA E MEU AÇUCAR NO SANGUE DEU 123 E EU ESTOU COM MUITO MEDO DE TER DIABETE E ELE CORTOU MINHA AÇUCAR, MAS ANDO PERDIDA PQ ELE Ñ ME PASSOU NENHUMA ALIMENTAÇÃO PARA EMAGRECER E EU SINTO MUITA FOME A NOITE E SEM SABER DIREITO O QUE COMER DURANTE O DIA.
    PATRICIA, VC PODERIA ME PASSAR UMA DIETA PARA EMAGRECER E MELHORAR MINHA TAXA DE GLICOSE??? ME AJUDE ESTOU GORDA DEMAIS E PERDI TODAS AS MINHAS ROUPAS E POUCO TEMPO.
    MEU EMAIL valeria-sgc@hotmail.com

    desde já obrigada de coração
    BJSSSSSSSSS VALÉRIA

    ResponderExcluir
  81. Olá Valéria.

    Que bom que quer emagrecer e melhorar sua saúde. Mas sinto de informar que, por aqui, não existe isso de "passar dieta"! O que deve fazer é se informar, e isso eu posso tentar te ajudar! A páleo / low carb é muito mais um estilo de vida do que uma dieta. Quando vc entender o que te faz engordar e ficar faminta fica mais fácil. Por isso é preciso ler.

    Comece lendo isto: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/o-que-comer-no-cafe-da-manha.html

    Se você tem fome é porque ainda come muito carboidrato. Fome é sinônimo de IG alto... O que nos deixa famintos é o carboidrato. Veja: "O glúten parcialmente digerido produz peptídeos denominados de"exorfinas, umb estimulante dos receptores opioides no cérebro, assim como a HEROÍNA. Estas exorfinas aumentam a FOME e levam a um verdadeiro vício no consumo de produtos derivados do trigo. O simples bloqueio farmacológico das exorfinas já leva a um consumo de 400 calorias diárias a menos. Ou seja, o trigo é um poderoso estimulante do apetite." Além de viciar como drogas pesadas.http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/trigo-nosso-maior-inimigo.html
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2011/12/chave-de-tudo-insulina.html

    Quanto aos exercícios físicos sugiro que só faça caminhadas se gostar. Você gosta de caminhar? Então é lógico que vai refletir na sua vida. Se você faz algo que gosta, vai refletir positivamente na sua vida! Agora, se você está caminhando SOMENTE para emagrecer, pode parar! http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2011/12/por-que-o-exercicio-fisico-tambem-nao.html



    Pra gente começar a conversar sobre Páleo/ Low Carb, vc precisa ter alguma base. E a base está nessas postagens que te sugeri. Veja o que acha e a gente vai se falando!

    ResponderExcluir
  82. Olá Dr.!!! Me esclareça por favor.Em novembro 2012 começei a fazer Atkins em janeiro fiz exames e estava tudo mt bom, repeti os mesmos exames ontem e deu tudo alterado. Colesterol, triglicerides e glicemia estão altos. Queria sua opinião antes de ir ao cardio pq será complicado falar desta dieta pois alguns médicos não a aceitam. O que será que eu fiz de errado para ter esta alteração? Como verdura, 2 ovos por dia,carne à vontade,queijo( 3 fatias por dia), torresmo, enfim o que permite a Atkins, faço a indução ainda. Não inseri nada além do 20g de carbo.To feliz com a dieta pois perdi peso do jeito que eu queria. mas agora to preocupada e temerosa por causa do resultado dos exames. não tenho nenhum problema de saude. Como pode ser isso, se não como doce, minha glicose deu 108, e antes da dieta era a taxa de 90.

    ResponderExcluir
  83. A glicose em jejum, coletada pela manhã, de quem faz low carb tende a ser mais alta. Isso é normal, e se sua hemoglobina glicada está ok, isso é que importa. Para uma explicação complicada sobre este chamado Dawn Phenomenon ("fenômeno do amanhecer"), leia http://high-fat-nutrition.blogspot.com.br/2008/05/physiological-insulin-resistance-2-dawn.html



    É IMPOSSÍVEL fazer low carb e os triglicerídeos não baixarem. Se ao invés de baixarem, subiram, é porque o laboratório não é confiável e vc deve repetir os exames em outro laboratório. O resto pode subir, mas triglicerídeos SEMPRE baixam com low carb.

    ResponderExcluir
  84. Pois é dr. como posso ter triglicerides alto se não como bolo,sorvete, essas coisas que sabemos alterar. meu triglicerideo está 172. Hemoglobina 14,4. O colesterol a 253 devo diminuir a carne e ovo?

    ResponderExcluir
  85. O exame está errado. Experimente repetir.

    Sent from Galaxy S3
    Em 17/04/2013 18:16, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  86. Ta bom. Muito obrigado pelo carinho e atenção sempre!!!

    ResponderExcluir
  87. Dr. Souto, boa tarde!
    Gostaria de tirar uma dúvida!
    É possível saber se uma pessoa tem resistência a insulina sem realizar exames hormonais, apenas observando sintomas?
    E, caso uma pessoa tenha a resistência, a partir do momento que ela passar a consumir uma dieta low-carb e paleo, quanto tempo levaria para acabar com a resistência?
    Obrigado!

    ResponderExcluir
  88. Olá Simony.

    O tempo não dá pra saber, afinal, cada organismo é único. E esses "níveis" de resistência variam demais. Existe um exame, não é decisivo, fá pra se ter uma ideia. O Dr. Souto fala sobre isso aqui: "Uma das formas de medir isso é medir a insulina séria e a glicemia - e o laboratório calcula um índice chamado HOMA "

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2011/12/sensibilidade-e-resistencia-insulina.html

    ResponderExcluir
  89. Muito obrigada Patrícia!

    ResponderExcluir
  90. Obrigado Dr.!
    Aprecio muito o seu blog, obrigado por compartilhar tanta coisa boa conosco!!

    ResponderExcluir
  91. Fiquei 2 meses só com abacate e coco. Agora tô perdendo o medo de comer frutinhas, já que eu não estou mais precisando emagrecer. Mas é difícil, viu, o psicológico baqueia! hahaha
    Vim ler isso aqui pra ver se perco um pouco a culpa de comer frutas... =)

    ResponderExcluir
  92. Dr. Souto, eu tenho uma dúvida sobre metabolismo.
    Sou ectomorfa, tenho 1,52 de altura, 15 anos e peso 45 kg, com 13% de gordura corporal. Comecei a fazer dieta de low carb há quase um ano, quando resolvi tentar seguir a profissão de bailarina. Nunca tive problemas de sobrepeso, nem na época em que abusava muito do trigo, do açúcar e da fritura (já cheguei a comer sete (!) pães brancos em um dia), nem com diabetes. Nunca passei de 48,5 kg.
    Andei fazendo umas experiências nos últimos três meses e descobri que se eu como diariamente trigo e açúcar, engordo, mas o peso estaciona em certo ponto e não passa daquilo. E se como só um dos dois, mantenho o peso ou emagreço pouco. Passei dois meses comendo duas fatias de pão integral por dia e emagreci meio quilo. Foi só adicionar açúcar e engordei pouco mais do que emagreci. Bastou duas semanas sem nenhum dos dois para eu perder muito mais do que tinha ganhado.
    O que eu queria saber é se há uma chance do meu metabolismo ter se desacelerado. Não como nada com trigo há dois meses e queria saber se eu engordaria se comesse esporadicamente (menos de uma vez por semana).

    ResponderExcluir
  93. Olá Paula.

    Se você é ectomorfa, sabe que será sempre magra e tem dificuldade em ganhar músculos. Como vc mesma já fez algumas experiencias e viu que, retirando trigo e açucar, emagreceu rápido, não creio que se vc comer trigo uma vez por semana vai te engordar, mesmo porque, até pra quem é endomorfo ou mesomorfo e segue páleo/LC, e sai da linha uma vez por semana, não faz diferença. Agora, analisar se seu metabolismo desacelerou ou não, penso que é meio complexo demais! E se vc emagreceu, não seria o contrário?

    ResponderExcluir
  94. Patrícia me ajuda a compreender, qnd vc diz, Se você tem fome é porque ainda come muito carboidrato. Fome é sinônimo de IG alto... O que nos deixa famintos é o carboidrato.Dessa forma, quando minha fome será digamos "normal" dentro da dieta low carbs? Pois é claro que mesmo seguindo a dieta com o mínimo de carbs a fome vai aparecer? Ou não? Assim fiquei na dúvida!

    ResponderExcluir
  95. Sem as flutuações de glicemia e insulina provocadas por uma dieta com carbs, a fome COSTUMA diminuir muito.


    Em 29 de abril de 2013 14:00, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  96. rosane brugnhara2 de maio de 2013 16:02

    Boa tarde! D. J.C.Souto.
    no ano passado fiz a dieta das proteinas e emagreci 17 k. este ano voltei a comer carbo e engordei 18K. fiquei desesperada e voltei a cortar o carbo mais não consigo mais emagrecer já faz um mês que nao como carbo, nem salada e so emagreci 2k. me ajude por favor aonde estou errando se devo para ou seguir com a dieta, outras dietas nao faz efeito em mim so esta que agora não esta fazendo mais. me ajuda.
    Dr. o senhor pode me responder via e-mail.

    ResponderExcluir
  97. Comece por aqui: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/11/expectativas-versus-realidade.html
    É um estilo de vida, para toda a vida. Se levar muitos meses, qual a pressa?

    Em 2 de maio de 2013 16:02, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  98. Olá Rosane.

    Se você mesma disse que outras dietas não tem efeito em você, melhor continuar nessa. Se emagrecer 2 k ou menos, mas continuar emagrecendo, melhor do que não emagrecer nada.E como o Dr. Souto já disse, isso aqui não é corrida!

    ResponderExcluir
  99. rosane brugnhara2 de maio de 2013 22:39

    Desculpa Patricia se não me fiz entender, mais não foi esta minha pergunta, e nem a resposta que eu anciava por receber,a pergunta e porque este efeito negativo e lento- na primeira vez que fiz emagreci uma media de 9 k. por mes e na mesma dieta estou emagrecendo 2 porque se tem uma explicação , e como posso acelerar este processo de emagrecimento
































    Settings




























    A new comment was posted on Dieta Low-Carb e Paleolítica




















    Patrícia Ayres

    Olá Rosane.
    Se você mesma disse que outras dietas não tem efeito em você, melhor continuar nessa. Se emagrecer 2 k ou menos, mas continuar emagrecendo, melhor do que não emagrecer nada.E como o Dr. Souto já disse, isso aqui não é corrida! 4:42 p.m., Thursday May 2










    Reply

    to Patrícia Ayres



















    Patrícia Ayres’s comment is in reply to

    rosane brugnhara:











    Boa tarde! D. J.C.Souto.
    no ano passado fiz a dieta das proteinas e emagreci 17 k. este ano voltei a comer carbo e ... Read more




























    You're receiving this message because you're signed up to receive notifications about replies to rosanebrugnhara. You can unsubscribe
    from these emails, or reduce the rate at which we send them by adjusting your notification settings.

    ResponderExcluir
  100. Rosane, não tem como responder sua pergunta. Quando se trata do nosso organismo, não dá pra ser tão simplista assim. O que funciona pra uns, pode não funcionar pra outros. E o que funcionou em um determinado momento da sua vida, pode não funcionar mais. Não somos 'estáticos', estamos sempre mudando. Existem vários fatores que podem influir. Com a idade nosso metabolismo diminui. Seus hormônios estão ok? E a Tireoide? E o sono? Stress e ansiedade tbm são fatores que prejudicam demais o emagrecimento. E mesmo assim, se tudo isso tiver ok, pode ser que ainda seu processo será lento.
    Leia isso http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/nao-e-tao-simples-o-set-point.html
    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/jejum-intermitente.html

    ResponderExcluir
  101. rosane brugnhara3 de maio de 2013 13:02

    obrigado querida o artigo que me mandou tirou minhas duvidas, vou seguir a dieta.por favor não me abandona me mande um ok quando ouder.abraços

    Rosane Brugnhara

    Subject: Re: New comment posted on http://lowcarb-paleo.blogspot.com/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html

    ResponderExcluir
  102. Rosane, estou sempre por aqui! Abraços!

    ResponderExcluir
  103. Resolvi fazer o teste ontem.
    Realmente, não engordei, se for pra considerar o aspecto gordura corporal, já que mantive as mesmas medidas. Na balança eu não sei, tem um tempo que não me peso.
    Mas passei MUITO mal. Fiquei bem indisposta. Dessa vez, eu pude observar de perto o quanto o trigo é nocivo - e eu mesma fiz a massa que comi, com meia xícara de farinha integral e meia de farelo de trigo.
    Da próxima vez que tiver vontade de comer pizza, vou arranjar uma receita com farelo de coco ou usar uma omelete de forno como massa. Se for pra não engordar e passar mal, não vale a pena! O trigo é realmente um veneninho!

    ResponderExcluir
  104. Fabiane:

    Não há limite para ovos e saladas, e você pode comer todas as verduras. Iogurte grego no Brasil é adoçado com açúcar. Procure no blog uma postagem onde ensino a fazer iogurte em casa.
    Aipim: comer com moderação - muito carboidrato - a não ser que tenha pouco peso a perder


    2013/5/6 Disqus

    ResponderExcluir
  105. Aqui ( http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/10/cuidado-com-produtos-light.html ) ensina a fazer iogurte em casa. Pra este da receita 'virar' iogurte grego é só deixar o iogurte "coando". Faça assim: apoie uma peneira em uma panela de modo que sobre espaço. Forre esta peneira com um pano de prato virgem e derrame o iogurte nele. Deixe na geladeira coando de um dia para o outro. O soro vai sair e o que ficar é o iogurte grego.

    ResponderExcluir
  106. fabianepayeras@gmail.com7 de maio de 2013 08:26

    Vou fazer... obrigado Patrícia. É muito bom poder contar com vocês.

    ResponderExcluir
  107. O suco de limão (feito com apenas meio limão, daquele verde azedinho), tem quantidade considerável de carboidrato ou quase nada?

    ResponderExcluir
  108. Quase nada


    2013/5/11 Disqus

    ResponderExcluir
  109. Uma dúvida em relação a saciedade...se eu não conseguir comer mais do que uma vez ao dia, pode me trazer algum mal ?

    ResponderExcluir
  110. Problema nenhum. Leia http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/jejum-intermitente.html

    ResponderExcluir
  111. Oi Dr., boa tarde! Tenho muita tendencia a engordar, entao prefiro comer as comidas do que as doces, consumo adoçante nos cafezinhos, e doces e sobremesas quase não como, mas eu sinto muito frio e tenho uma pressão normal pra baixa e descobri que hipoglecemia.Posso fazer a dieta Low carb?

    Agradeço deste já sua atenção!!!

    ResponderExcluir
  112. Em geral, TUDO isso melhora com low carb


    Em 27 de maio de 2013 16:30, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  113. Boa tarde, Dr Souto: O senhor costuma recomendar suplementos aos seus pacientes? Para um paciente, por exemplo, que não ingere carne vermelha, o senhor costuma suplementar com ferro? E no caso de um paciente intolerante a lactose, o senhor suplementa com cálcio? Gostaria de aproveitar para parabenizar o senhor e a colega Pollyanna Esteves pelos trabalhos.
    Agradeço desde já pelos esclarecimentos.
    Tânia Apollonio (Nutricionista)

    ResponderExcluir
  114. Tânia, de uma forma geral, apenas se for necessário. Uma dieta páleo é bastante completa. Se a pessoa não come carne mas não é anêmica e tem ferritina normal, repor ferro pode ser prejudicial (leia isso: http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2013/06/05/elevated-iron-levels.aspx?e_cid=20130605_DNL_art_1&utm_source=dnl&utm_medium=email&utm_content=art1&utm_campaign=20130605). Se a pessoa não toma leite mas come vegetais de folha escura e a vitamina D está Ok, cálcio na forma de suplemento também pode apenas aumentar o risco cardiovascular. Prefiro que as pessoas suplementem com comida do que com comprimidos. E acho que a suplementação deve ser dirigida a deficiências demonstradas. Talvez a única exceção seja óleo de peixe para quem consome pouco peixe - acho que é uma boa.

    Vc já está listada na lista de profissionais?


    Em 5 de junho de 2013 15:36, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  115. Olá, Dr. Souto:
    Muito obrigada por seus esclarecimentos. Concordo plenamente com o senhor com relação à suplementação, mas, em um primeiro momento, quando pensamos em restringir certos alimentos,  logo cogitamos uma possível deficiência nutricional, mas não deve ser o que o senhor tem encontrado em seus pacientes, com certeza. Com relação à lista, ainda não estou cadastrada. Se o senhor me permite, vou aproveitar para tirar mais algumas dúvidas: -na dieta paleolítica podemos incluir chia, linhaça e quinua?
    -a recomendação de ingestão de agua sofre alguma alteração?
    -o senhor tem notado preservação da massa magra de seus pacientes? Normalmente as pessoas querem perder apenas gordura localizada, em especial no abdômen, mas não massa muscular. -o senhor recomenda restrição no consumo de frutas ricas em açúcar, mas, como fica a recomendação de legumes como cenoura e beterraba? Lendo seus artigos não encontrei este tipo de restrição. -por fim, pessoas como eu, por exemplo, que  não gosta da maior parte dos alimentos gordurosos, como manteiga, iogurte com gordura (gosto tudo meio aguado), banha , pele de frango, etc, consegue um bom resultado apenas cortando carboidratos e aumentando o consumo de outras fontes de gordura, como abacate, chia, azeite extra-virgem, castanha-do-pará, etc?
    Obrigada desde já,
    Tânia T. A.

    ResponderExcluir
  116. Sobre Chia "Quanto à Chia, são 7 mg de ferro por 100g da semente SECA. E isso vem às custas de 42g de carbs (menos 34g de fibras, ainda são 8g de carbs).
    Veja, prefiro comer 2 ovos e matar minha fome e me nutrir MUITO mais (além de comer algo mais gostoso!), e uma xícara de espinafre com carne moída ou mesmo no contexto de um suflê também oferecem mais nutrição com menos carbs.
    Dito tudo isso, CHIA ainda é melhor do que muita outra coisa - preferível viver à base de chia do que à base de farináceos, não é mesmo?" http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html#comment-914260541

    "O ômega 3 de plantas não é tão bom como de animais (cadeia curta versus cadeia longa). Coma umas sardinhas, que vc sai ganhando. De fato, quinoa e chia têm muitos carbs. Se é pra comer carbs, prefiro frutas, que ao menos têm gosto bom - mas isso sou eu." http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html#comment-897280737

    Linhaça e quinoa, com moderação. "Gergelim e Linhaça são das poucas exceções em termos de grãos que podem ser consumidos por conterem relativamente poucos carbs (além de não conterem glúten e antinutrientes). Não ajudam, mas em
    quantidades não muito grandes, não atrapalham."

    "Meia xícara de quinoa contém 17g de carbs! É muito melhor do que trigo ou aveia, mas eu não comeria - prefiro um bife com ovo e salada." http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/09/materia-do-g1-perdeu-83-kg-em-1-ano.html#comment-787523943

    ResponderExcluir
  117. Quanto a gordura, óleo de coco tbm é uma excelente opção! As castanhas umas 50g por dia.

    ResponderExcluir
  118. Podemos comer damascos secos de vez em quando?

    ResponderExcluir
  119. Pode sim Liv. não tem isso de "pode ou não pode" .Dito isto, 100g de damasco tem em torno de 20 carbs (23 carbs - 3 fibras) . O controle de carbs é apenas para quem quer emagrecer. Mas mesmo se este for seu caso, não creio que uns damascos de vez em quando vão te prejudicar. Leia isto: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2013/02/prezado-dr-souto-este-alimento-e.html

    ResponderExcluir
  120. Ana Paula Giubilei12 de junho de 2013 11:02

    Dr.Souto tenho um amigo diabético,com pressão alta,colesterol alto,começou a dieta Atkins a 18 dias teve a principio uma perda de peso 2,5 e retirou os medicamentos para pressão e diabete e depois de 13 dia de dieta tanto a pressão quanto a glicose aumentaram bastante,ele voltou a usar metiformina 500 mas ainda continua subindo a glicose e a pressão 140|90,tem comido proteína moderadamente,pratica atividade física,o peso não baixa e a glicose e pressão alterados como proceder neste caso,agradeço desde já.

    ResponderExcluir
  121. BOM DIA! MEU NOME É ALUANA TENHO 42 ANOS ESTOU FAZENDO A DIETA DE ZERO CARBOIDRATOS A DUAS SEMANAS DE 92KG FUI PARA 88KG MAS TOMO TODOS OS DIAS COMO CAFÉ DA MANHÃ UM COPO DE 200ML DE LEITE DESNATADO COM DUAS COLHERES DE AVEIA EM FLOCOS E ADOÇANTE ZERO CAL ISSO IRÁ ATRAPALHAR NA PERDA DE PESO? POR FAVOR ME RESPONDA MEU E-MAIL É aleite@preserv.com.br

    ResponderExcluir
  122. Fazer com acompanhamento médico, e não imaginar que as consequências de uma vida inteira irão desaparecer em poucas semanas.
    Em 12/06/2013 11:02, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  123. Sim, irá prejudicar. Leite desnatado é água com açúcar, e aveia é açúcar, portanto sua dieta está cheia de carboidratos. Releia as postagens relevantes deste blog.
    Em 12/06/2013 11:30, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  124. AH DR ESQUECI DE LHE DIZER QUE TOMO TODOS OS DIA EM JEJUM UM COMPRIMIDO DE PURAN T4 150MG, POIS EM JUNHO DE 2011 FIZ RETIRADA TOTAL DE TIREOIDE ISSO PODE DIFICULTAR ALGUMA COISA EM MINHA DIETA?
    POR FAVOR ME AJUDE QUERO CHEGAR AOS 75 KILOS E ESTOU DISPOSTA A FAZER QUALQUER MUDANÇA.


    ATENCIOSAMENTE,



    ALUANA



    De: Disqus [mailto:notifications@disqus.net]
    Enviada em: quarta-feira, 12 de junho de 2013 11:48
    Para: Aluana Leite - ADM
    Assunto: Re: New comment posted on http://lowcarb-paleo.blogspot.com/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html


    Disqus

    Settings










    A new comment was posted on Dieta Low-Carb e Paleolítica

    ResponderExcluir
  125. Leia aqui: http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/o-que-comer-no-cafe-da-manha.html

    http://lowcarb-paleo.blogspot.com.br/2012/01/quais-frutas-comer-e-em-que-quantidade.html

    ResponderExcluir
  126. Olá, Patrícia:

    Agradeço por sua resposta, mas não concordo com seus argumentos pelos seguintes motivos:

    -A dose diária de chia não é de 100 g, e sim de 15 g. Nesta dosagem temos apenas 0,7 g de HC. Além disso, temos quantidades consideráveis de fibras solúveis e insolúveis, antioxidantes como o ácido caféico, proteína de alto valor biológico e gorduras, sendo que a quantidade de ômega 3 é bem superior à de ômega 6 (apesar de não ser tão boa quanto à fonte animal, ainda sim é fonte de gordura) ;

    -Considero uma boa opção para o desjejum, que pode vir acompanhada de iogurte rico em gorduras e de castanhas-do-Pará;

    -É muito mais prática do que a linhaça dourada, já que não precisa ser triturada para liberar o ômega 3. A linhaça precisa ser triturada antes do consumo para ter esta liberação do ômega 3, e a versão já triturada não é uma boa opção, já que há perdas nutricionais para o meio. Com relação à quinua, eu concordo com você;

    -O espinafre é pobre em HC, mas rico em ácido oxálico e ácido fítico, por isso é considerado tóxico em grandes quantidades. Pensando assim, acho que a chia seria uma opção melhor.



    De qualquer forma, agradeço por sua atenção, e acho que divergências aumentam nossos conhecimentos.

    Mudando de assunto...você acha que posso derreter chocolate amargo e misturar com creme de leite?



    Obrigada

    Tania

    ResponderExcluir
  127. Tânia, as respostas acima, que estão entre aspas, são respostas do Dr. Souto a outros leitores que também fizeram as mesmas perguntas. Se digitar "chia" na barra de pesquisa vai ver todos os comentários sobre o assunto!
    Eu derreto chocolate e misturo com manteiga + creme de leite, coco ralado. As vezes acrescento óleo de coco, leite de coco. Gosto bastante, fica um fondue de chocolate.

    ResponderExcluir
  128. Eduardo Rasche da Motta16 de junho de 2013 19:28

    Olá. Não li referências à toxicidade da frutose; o que seria uma informação crucial para contextualizar o consumo delas. Frutose é toxina e que é metabolizada somente no fígado (mandada para lá exatamente por isto) e da mesma forma que o álcool. E aumenta ácido úrico (um grande e subestimado marcador de saúde cardiovasc.), LDL pequeno (a fração grande ñ traz problemas) e triglicerídeos. São dispensáveis, portanto. Todos os outros nutrientes são encontrados nos vegetais)

    ResponderExcluir
  129. A maior parte da toxicidade do açúcar é em função da frutose. Isto já foi abordado em outras postagens (digite "frutose" na caixa de busca). No entanto, saliento que a grande fonte de frutose da dieta não são as frutas, e sim o açúcar (sacarose - açúcar de mesa - e xarope de milho). As frutas consumidas com moderação, e escolhidas de acordo com as recomendações da postagem, contém quantidades pequenas de frutose que podem ser consumidas no contexto de uma dieta páleo.


    Em 16 de junho de 2013 19:28, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  130. Eduardo Rasche da Motta18 de junho de 2013 11:36

    Lembrar tb do xarope de agave (alguns contém até 90% de frutose dependendo da região onde a planta é plantada) e que é vendido como substituto saudável para o açúcar.

    Mas me referi às frutas como fonte importante de frutose pois as que tradicionalmente consumidas são as que contém este açúcar em grande quantidade relativamente falando (banana, maçã, laranja) e pelo fato do mito corrente que estimula seu consumo e lamentavelmente na forma de sucos; fato comuníssimo nos consultórios pediátricos.

    Sugiro rever a recomendação quanto à sucralose. Este composto também é tóxico. Aqui algumas palavras: http://www.holisticmed.com/splenda/
    Recomendo somente Stévia (líquida. O pó têm maltodextrina = glicose) ou Xylitol.

    Parabéns pela iniciativa.

    Saudações

    ResponderExcluir
  131. Eduardo Rasche da Motta18 de junho de 2013 11:48

    Sobre morangos, recomendaria somente os orgânocos (livres de agrotóxicos), pois são tão carregados de pesticidas que alguns brincam que bastaria esmagar uma destas frutas sobre a horta e já seria o suficiente para espantar insetos. Aqui uma boa fonte e infelizmente ignorada por muitos. Em tempo, o Brasil alterna entre honrosos 1º e 2º lugares no mundo no uso de venenos na nossa comida.
    http://portal.anvisa.gov.br/wps/wcm/connect/f95ba780481aa0dd85a19570623c4ce6/Resultados_2009_PARA.pdf?MOD=AJPERES

    Estimulo comprar sempre frutas da estação (são mais resistentes e portanto requerem menos venenos) e comprados em feiras de pequenos produtores.
    Precisamos estimular esta importante prática que me parece que vem desaparecendo. Conversar com os feirantes é altamente gratificante e uma fonte de informações vaiosíssima, p.ex sobre como o agricultor mantém a horta livre de insetos e outros competidores. Normalmente pergunto como eles conseguem um produto tão bonito. O elogio já vai abrindo um canal para aquele papo saudável que reforça a cola comunitária e de quebra recebemos informação importante.
    Saudações ancestrais;
    Eduardo

    ResponderExcluir
  132. Concordo plenamente. E, sobre adoçantes, considero-os como adesivos de nicotina para quem está largando o cigarro - uma coisa transitória. Sem eles, a maioria das pessoas não consegue fazer a transição. Leia a minha postagem sobre adoçantes.
    Em 18/06/2013 11:48, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  133. Renato Braslavsky20 de junho de 2013 14:35

    Dr Souto, gostaria que, se possível claro, o sr desse uma lida nesse post e fizesse algum comentário:

    http://strawberrypepper.blogspot.com.br/2013/03/erros-e-dicas-para-quem-quer-seguir-uma.html

    ResponderExcluir
  134. Concordo com 100%

    2013/6/20, Disqus :

    ResponderExcluir
  135. Olá Dr, preciso muito de uma ajuda, começei a dieta há 2 semanas, segui tudo a risca porém emagreci apenas 1 quilo e meio, existe um tempo espefícico para uma perda de peso mais significativa?

    ResponderExcluir
  136. Oi, Patrícia:
    Desculpe-me pela demora e obrigada pela resposta e pela dica da barra de pesquisa (eu não tinha visto).

    ResponderExcluir
  137. Oi, Doutor: Ainda não enviei meus dados para o senhor me colocar na lista de profissionais por que não estou trabalhando, já que tenho um filho pequeno e estou em casa cuidando dele, mas logo voltarei a trabalhar e mando meus dados, se o senhor aceitar. Obrigada

    ResponderExcluir
  138. Renato Braslavsky8 de julho de 2013 12:07

    Bom dia

    gostaria de uma ajuda do Dr ou da Patricia;

    tenho 58 anos, 1,97 de altura

    estava com 140 quilos qdo comecei a dieta-filosofia low-carb

    já perdi 15 quilos em aproximadamente 40 dias

    muito rápido no inicio e agora a perda tem variado de 100 a 200 gramas por dia

    minha glicose está em torno de 80

    mas o que está me incomodando é que sinto muito cansaço com qq atividade física

    tenho tomando um comprimido centrum, poe dia mas já me disseram que é fraco,

    agradeço a atenção....

    Renato.



    (desculpem se estiver duplicado, mas não consegui visualizar o anterior)

    ResponderExcluir
  139. Olá Renato.
    Você fazia exercícios físicos antes da dieta?

    ResponderExcluir
  140. Esta pergunta é crucial
    Em 08/07/2013 13:36, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  141. Renato Braslavsky8 de julho de 2013 14:36

    nao constantemente, mais pra sedentário
    depois com aquele peso ficou bem mais dificil...

    ResponderExcluir
  142. Pois é. Eu penso o seguinte: se fosse alguém que já praticava esporte e tivesse notado uma QUEDA na performance, eu até pensaria que pudesse ser relacionado à dieta. Mas, neste caso, poderia ser apenas falta de condicionamento físico. Ele usa alguma estatina?


    Em 8 de julho de 2013 14:36, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  143. Renato Braslavsky8 de julho de 2013 15:21

    tomo somente o remédio da pressão, normalmente após os execícios da manhã, benicar anlo 40 x 5
    a pressão está em valores bem normais (77 por 125)

    ResponderExcluir
  144. Ok - pode ser apenas falta de preparo físico, pode ser hipotireoidismo, pode ser várias coisas. Mas, seu eu tivesse que apostar, eu apostaria em uma mistura de falta de preparo com o fato de que ainda não deu tempo para se adaptar completamente ao low carb.


    Em 8 de julho de 2013 15:21, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  145. Renato Braslavsky8 de julho de 2013 19:30

    pelas minhas taxas de t3 e t4, não existe a possibilidade do hipotiroidismo. De qq maneira agradeço e espero que seja mesmo a falta de adptação juntamente com a falta de preparo

    ResponderExcluir
  146. Warley Ladir de Rezende16 de julho de 2013 01:15

    Boa noite.
    Coloquei duas pontes de safena e uma mamaria, estou muito acima do peso e tenho pressão alta. Toma vários medicamentos.
    No entanto gostaria de me adequar a este tipo de alimentação sugerida no seu blog.
    Minha pergunta é:
    Fará bem para o meu coração?
    Este tipo de alimentação pode ser preventivo para eventuais problemas coronários?
    Percebi que como praticamente lixo todos os dias, e gostaria de mudar isso sem culpa.
    Obrigado.
    Warley.

    ResponderExcluir
  147. Com certeza. Apenas não deixe de usar nenhuma medicação sem o conhecimento de seu médico
    Em 16/07/2013 01:15, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  148. Gostaria de saber se nao tem disponivel um cardapio especifico para que eu possa seguir pois preciso perder peso mas ainda estou muito confusa com relação a Low-carb?????

    ResponderExcluir
  149. Não, Fernanda.

    Isso seria como eu mandar um analfabeto copiar algumas frases. Ele precisa mesmo é se alfabetizar e escrever suas próprias frases - não há outra forma. Leia, leia, leia, estude. Se tiver dúvidas específicas, pergunte. É algo para a vida toda, o que significa que não há nenhuma pressa.

    De que adianta eu lhe dar um cardápio com camarão se você não gosta de camarão? De que adianta eu lhe dar um cardápio com fricassê de galinha se você não gostar de galinha? Eu não gosto de buchada de bode, por exemplo, mas se você gosta, apenas se faça as seguintes perguntas: tem açúcar? Tem amido? Tem trigo? Tem óleos vegetais extraídos de sementes? É "comida" artificial? A resposta é não. Então, pode comer. Como vou poder prever tudo que vc gosta ou não gosta de comer? Existem 26 letras no alfabeto, mas há infinitos textos a escrever - mas, para isso, VOCÊ tem que escrever suas próprias palavras.
    Em 21/07/2013 11:02, "Disqus" escreveu:

    ResponderExcluir
  150. adorei todas as informações!!!Parabéns Dr Souto!!

    ResponderExcluir
  151. Estou fazendo essa dieta, mas meu consumo de banana é diário, antes de ir para academia ou andar de bike. Posso dizer que essa fruta me dá uma certa segurança para não me sentir mal. O prejuízo será muito grande, a redução de peso ficará muito comprometida?

    ResponderExcluir
  152. Só há uma forma de saber - testando. São 25 gramas de açúcar.


    2013/7/29 Disqus

    ResponderExcluir