quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Um guia visual para low carb

Leituras recomendadas antes desta postagem:

http://www.lowcarb-paleo.com.br/2012/01/como-devo-comer-comida-de-verdade.html
http://www.lowcarb-paleo.com.br/2015/01/a-falacia-do-espantalho.html
http://www.lowcarb-paleo.com.br/2015/04/30-gramas-de-carboidratos-muito-ou-pouco.html
http://www.lowcarb-paleo.com.br/2015/10/os-vegetais-de-baixo-amido-low-carb-nao.html

***

Quando falamos de low carb, a maioria das pessoas pensa imediatamente em um coisa folcloricamente denominada de "dieta da proteína" (já escrevi sobre isso aqui).

Dentro do imaginário das pessoas, e muito em virtude dessa expressão infeliz, low carb é visto como consumo exclusivo de carne vermelha, bacon, ovos, linguiça e café com manteiga. Ou, como mostra este gráfico bem humorado:



Tentando, assim, ILUSTRAR o estilo de vida low carb, apresento, abaixo, uma sequência de fotos de alimentos low carb, obtidas no dia a dia, em diversas situações (em casa, na casa de parentes, em restaurantes populares, em restaurantes mais sofisticados). Para parafrasear o infográfico acima: com vocês, "o que eu realmente como":


Moqueca de peixe (o pirão, é claro, está separado) - comida caseira

Salada mista - caseira

Peixe feito na chapa e salada (restaurante de buffet barato)

Mais peixe - em low carb não se faz restrição calórica voluntária

Café expresso com espuma do leite - cafeteria próxima ao meu consultório; sobre laticínios, clique aqui; lembrando que se 200 ml de leite tem 11g de carboidratos, 20 ml terá 1 grama (ou seja, nada).

Tele-entrega de comida árabe. Berinjela gratinada com queijo, recheada com carne moída, acompanhada de pasta de alho com coalhada.

Tele-entrega de comida árabe: chancliche (queijo de ovelha temperado) com cebola, tomate e tempero verde; espetinho de kafta

Chocolate com mais de 70% de cacau é low carb - sobremesa diária

Cantina de uma vinícola na serra gaúcha - não é à la carte, o que pode-se comer? Começa-se pela salada verde com radicci e bacon, incrementada com azeite e queijo ralado.

Coxa de frango - COM pele, naturalmente.

Salada!

Como matar a fome em casa em menos de 5 minutos: fatia GROSSA de mozarela, fatias finas de salame, orégano, pimenta, 1 minuto de microondas.

Restaurante alemão. Começando os trabalhos com salda, e uma salsicha bock com mostarda marrom (sim, eu sei que a salsicha pode ter uns 2 ou 3 gramas de carboidratos - e daí?).

Dando continuidade à comida alemã: brócolis com couve-flor, peixe com cogumelos, pequeno filé, joelho de porco e língua ensopada
Comida rápida em casa: bife de frango na manteiga, seleta de vegetais (comprados prontos, congelados, e refogados com bacon).

O que não fica melhor com ovos de gema mole?

Salada - na mesma refeição.

Todo o domingo é dia de churrasco

Dispensa comentários

Café da manhã

Salada é low carb. E não, não é "dieta da proteína".

Mistura de berinjela, cebola e tomates (quem disse que não se come frutas em low carb precisa revisar suas lições de botânica) - almoço em casa de familiares.

O que fazer com o queijo coalho que sobrou do churrasco da véspera? Incremente a salada.

Omelete com espinafre/couve

Ensopado de galinha. Sim, tem algumas passas. Sim, isso é irrelevante (você não está comendo uma xícara inteira de passas, é uma ou duas).

Cogumelos com creme de leite - bom demais.

Vagem com ovos picados. Sim, tem pedacinhos de cenoura. Sim, isso é irrelevante (você não está comendo um purê de cenouras).

O velho almoço preguiçoso de quem não sabe cozinhar: bife de frango na manteiga, ovos fritos, limonada suíça, salada com queijo.

Prato maravilhoso no restaurante Magnólia, em Canela - RS
Arroz de couve flor, à grega (em casa de familiares)

Restaurante de buffet barato - peixe com salada: exemplo de que almoçar fora de casa não é nem um pouco difícil.

Salada Mista + Guacamole + Queijo tipo quark com zátar - em casa. Exemplo de uma refeição low carb sem nenhum tipo de carne (sim, isso existe).


Salada mista com 4 tipos de queijo: parmesão, mozarela, quark e gorgonzola - porque salada é para ter gosto bom, e não gosto de capim.

Peixe (corvina) feito na churrasqueira - cortesia de meu cunhado português, que estava a nos visitar.

Peixe (corvina) feito na churrasqueira


Pimentões coloridos e vegetais em azeite de oliva

Ovos e batatas com alho frito e especiarias - antes que você pergunte: BASTA não comer as batatas, se quiser a versão low carb

A combinação de todos estes pratos: peixe grelhado com vegetais no azeite de oliva e ovo cozido com especiarias - que sofrimento essa dieta low carb...

Sem esquecer da salada mista

Moranga? 100g de moranga tem 7,5g de net carbs. Mas não se trata de comer moranga pura. Veja a foto abaixo:

Camarão na moranga com Catupiry - nada como comer na casa da mãe. Combina bem com o arroz de couve flor, de uma foto mais acima.

Como um low carber come feijoada? Capriche na couve refogada, e dê ênfase nas coisas que boiam no feijão:o feijão e o caldo que vierem junto têm quantidades irrelevantes de carboidratos; restaurante de grelhados com buffet.

Mesmo restaurante de grelhados, acima. Dieta low carb deve ter mais plantas do que bichos, em termos de volume, como já deve estar ficando claro.

Finalmente, os grelhados (incluindo salmão e mais umas plantinhas)

Frutas de baixa carga glicêmica podem ser consumidas como sobremesa. 100 gramas de melão contém 7g de net carbs. 100g de morangos, cerca de 6g de net carbs. Se quiser fazer uma dieta very low carb, fique com uns 3 ou 4 morangos com nata, o que é compatível até mesmo com dieta cetogênica.

Café da manhã em padaria em Gramado, RS: existem mais coisas em uma boa padaria do que apenas pão.


***

Se você mostrasse as fotos acima para qualquer nutricionista atualizado, SEM mencionar "low carb" ou páleo, receberia apenas elogios. E nem poderia ser diferente, afinal trata-se de consumir vegetais em abundância, além de peixes, aves, carnes e laticínios, ao mesmo tempo evitando todo e qualquer alimento ultra-processado, açúcar, guloseimas e farináceos. Obviamente, a frase acima é apenas a definição de low carb. Mas os profissionais de saúde não sabem disso - eles estão irremediavelmente acometidos pela falácia do espantalho.

Então, na próxima vez que você for ao seu médico, e o mesmo perguntar o que você fez para perder todo esse peso, não seja ingênuo. Responda apenas: "Parei de beber refrigerantes, não uso mais açúcar, abandonei a guloseimas e farináceos, e baseio a minha alimentação apenas em alimentos naturais e integrais, dando ênfase a vegetais orgânicos, bem como a peixes, aves e queijos coloniais".

Como eu disse, isso nada mais é do que a definição de low carb, mas despida da falácia do espantalho.


Nenhum comentário:

Postar um comentário